Mais um doleiro é liberado por Gilmar Mendes

Jornal GGN – Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) mandou soltar ontem, segunda-feira, dia 25, Marcelo Rzezinski, doleiro preso em investigação da Operação Câmbio, Desligo. A operação da Polícia Federal investiga esquema de corrupção que atuava, no Rio de Janeiro, por meio de doleiros.

A decisão de Gilmar libera Rzezinski, que devera cumprir medidas cautelares diversas da prisão, como proibição de deixar o país e de manter contato com outros investigados.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), a atuação de doleiros operacionalizou recursos desviados durante a gestão de Sérgio Cabral no governo do Rio de Janeiro.

Mostrando-se contrariado com outras solturas de investigados presos, o juiz da 7ª Vara Federal Criminal no Rio de Janeiro, Marcelo Bretas, desta vez não demonstrou desagrado. “Eu não me sinto frustrado. Me sinto feliz, porque o Judiciário está funcionando. Não tenho o que reclamar. É uma questão de hierarquia”, disse ele sobre a última decisão de Gilmar

Marcelo Rzezinski é o sexto doleiro solto por Gilmar este mês, todos eles presos por decisão de Bretas.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

4 comentários

  1. Algém pode tirar uma

    Algém pode tirar uma dúvida.

    Se o gilmar pode mandar soltar qualquer um porque os outros ministros, inclusive alguns que já disseram que a prisão do Lula é ilegal  e esdrúxula, não podem mandar soltá-lo “monocraticamente”?

    São covardes? Estão com medo da globo?

    A presidANTA, o borroso, o fucks e o fraquim já sabemos que são assalariados da globo, o gilmar é do psdb, e os outros?

  2. Doleiro é quem cuida da

    Doleiro é quem cuida da bufunfa da turma do pessoal do andar de cima…….

     

    Tem o mesmo status dos “provedores” de susbstâncias ilicitas dos bacanas……

     

    A midia tem urticarias só  de chegar perto deles……..

     

    São como o ar…….todos sabem que existem…….mas ninguém ve……….

  3. decisão legal e legítima pena que ele não aplique a todos

    A grande mídia (em seus interesses nem sempre claros) criou a chamada opinião pública que acredita que toda decisão de libertar um prisioneiro, nãoimporta o motivo pelo qual esteja preso, seria uma decisão “errada”, uma “associação à corrupção”.  O que é um erro que a chamada imprensa alternativa também vem cometendo. Claro que se deve censurar um ministro ou juiz ou promotor que faça uso da lei para beneficiar os “amigos’ e deixe os ‘inimigos” apodrecer na prisão. Mas não se pode censurar ou condenar ou levantar suspeição sobre a aplicação de uma lei por um ministro. Pena que exatamente este não use a mesma aplicação da lei para todos, como deveria acusar sua (dele) consciência. Mas que conceder liberdade condicional a um preso nada deve ter de errado, é outra conversa. Não demonizar, não satanizar, mas contribuir para fazer luz sobre as sombras quando estas não permitem o progresso humano e planetário, já é mais do que um dever.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome