Óleo & Gás entra em disputa judicial com Deutsche Bank

Jornal GGN – Na última sexta-feira (30), detentores minoritários da petroleira Óleo e Gás entraram com um processo contra do Deutsche Bank por conta de uma disputa de bônus que está pendente, de acordo com a justiça brasileira. O banco alemão é agente fiduciário de US$ 3,6 bilhões não pagos pela companhia, que enfrenta uma recuperação judicial desde o fim de 2013.

O Deutsche Bank afirmou ontem em comunicado que o processo impetrado contra o banco em uma corte do Estado de Nova York não tem mérito. E que “pretende se defender de forma vigorosa”.
 
Os pleiteantes alegam que o Deutsche Bank e suas afiliadas realizaram ou irão realizar distribuições desproporcionais a detentores de bônus majoritários, emitidos pela subsidiária austríaca da Óleo e Gás, ex-OGX. O banco, por sua vez, afirma que cumpriu seus deveres, incluindo manter os credores informados sobre mudanças e atualizações nos bônus”.
 
Os credores pleiteantes incluem os fundos internacionais Capital Ventures International, GLG Partners LP, Brennus Asset Management e VR Global Partners L.P.
 
Com informações da Reuters.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome