Pelo menos 10 investigados da Lava Jato detém emissoras de radiodifusão

De afiliadas da TV Globo a rádios locais, pelo menos 10 políticos que passaram a ser investigados na operação Lava Jato controlam empresas de radiodifusão.

Não é simples saber se um político é ou não proprietário de emissoras de rádio e televisão, pois no exercício do cargo de deputado e senador, pela Constituição, ele não pode controlar qualquer tipo de concessão pública. Por conta disso, muitos usam laranjas e familiares para driblar a legislação.

Ainda assim, há diversos levantamentos que apontam quais políticos do País controlam – ainda que não como proprietários formais – serviços de radiodifusão.

Da lista de 47 que passaram a ser investigados pela Justiça, políticos do PT e PSDB citados não constam como controladores diretos de veículos de comunicação de rádio e televisão.

Mas Fernando Collor, do PTB, é proprietário do grupo Arnon de Mello, com emissoras de rádio na capital e cidades do interior do Estado de Alagoas. A TV Gazeta, também de Collor, é uma das primeiras afiliadas da Globo no Nordeste.

Renan Calheiros e Eduardo Cunha, do PMDB, possuem concessões de rádio. A concessão do senador está em nome de seu filho José Renan Calheiros Filho, a JR Rádio Difusora de Alagoas. Renan tem sonho de montar um império de comunicação e já foi acusado de ter comprado outras emissoras no Estado usando laranjas.

Já o deputado federal e radialista Eduardo Cunha é um dos controladores da rádio Melodia, com atuação em pelo menos sete estados brasileiros.

O pernambucano Romero Jucá, também do PMDB, é outro que tem rádio. Ela fica no interior de Pernambuco, na cidade de Bezerros. Aliados seus em Roraima, Estado onde se elegeu senador, são proprietários da afiliada da Bandeirantes.

A família do senador Edison Lobão possui um sistema de rádio e televisão no Maranhão, seu Estado natal. As emissoras se concentram nas duas principais cidades maranhenses. A rede de tv é afiliada do SBT.

A família Sarney mantém um conglomerado de comunicação de emissoras de rádio e televisão que cobre quase 100% do Estado do Maranhão. Roseana, ao lado do irmão e do pai, comanda a rede de televisão afiliada da Globo.

Dos deputados do PP, Dilceu Sperafico controla duas rádios na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR). Já Aníbal Gomes é dono de rádio em Acaraú (CE). Sandes Junior é controlador de emissora de rádio em Goiânia (GO), e Roberto Britto, na sua cidade natal, Jequié (BA).

Pedro Henry chegou a ter um canal de televisão (afiliada da Record) em Cáceres (MT), mas a concessão foi cassada há dois anos.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

24 comentários

  1. Excelente notícia. As

    Excelente notícia. As relações espúrias entre a mídia, a política e o crime organizado teriam mesmo que ser discutidas antes da regulação da mesma.

  2. Mais uma aberração

    Quer dizer que os deputas usam a imunidade parlamentar também para driblar a legislação usando laranjas? essa  LAVA-jato, se foi criada para um fim, poderá ter vários outros fins.

  3. Se a lava jato for prá valer,

    Se a lava jato for prá valer, haverá faxina até nos tribunais de contas que sabem ou acompanham todos os contratos. Sonhar não custa nada…

  4. Há quem ainda ache que a

    Há quem ainda ache que a ditadura é um bom regime, ou que os militares no poder aqui no Brasil foram o máximo. Foram, sim, mas para alguns. As Organizações Globo, são vastas e poderosas, desde aqueles anos d chumbo em que Marinhos e Generais se uniam como irmãos. Daquela união nasceu um monstro, até hoje a nos espantar.

    A maioria dos estados da Federação tem políticos no comando de emissoras de rádio e televisão afiliados da Globo.

    Aliás, hoje o jornal O Globo trouxe uma charge de Caruso, com Dilma vestida com roupa laranja e um mascarado de preto mostrando a arma que irá degolá-la, reproduzindo aquelas cenas terríveis dos últimos dias. Uma falta de respeito medonha, que merecia, por parte da Presidenta, alguma reação. 

  5. Calice

     

    Nunca imaginei ler uma coisa dessas, muito menos que eu mesmo estaria escrevendo tal absurdo. Acontece que o mundo da voltas e a cada giro as coisas saem do lugar rapidamente. Se não vejamos. Tenho sido consumido por um tipo de saudade muito esquisita. Eu sei que saudade é uma maneira especial de conservarmos nossa própria história. Ocorre que meu saudosismo foi contaminado por um vírus muito perigoso. Identifico-o como 665 (por pouco). A cada dia essa bactéria destaca e aumenta desconfortavelmente recordações, eu diria, um tanto esdrúxulas. Diga-me se isso é normal?

    Sinto saudades do tempo em que a diretoria do colégio era um santuário. Havia temor de colocar os pés ali. Os professores eram admirados e respeitados como sacerdotes. Em casa, a comunicação funcionava silenciosamente. Hoje fingimos que há diálogo como forma de criticar o passado, minimizar nosso desespero pelo que nos aguarda e despistar nossa incapacidade de lidar com o desafio de ser pai/mãe de uma geração ingrata.

     

    Saudades da “baratinha”, um fusca de cores fortes que garantia a segurança do estado de SP. Quanta saudade… Tempinho bom aquele em que éramos assaltados sim, mas por ladrões menos estressados. Havia barbaridades de quando em quando é claro. O problema é que hoje em dia não se mata para roubar, mas para treinar os menores infratores.

    Quem diria, saudade da censura. Aqueles sim foram os melhores momentos da musica popular brasileira. A censura cerceia a liberdade? Depende do que se entende por liberdade. Quando pesquisamos as músicas produzidas na ditadura militar perdemos a lógica obvia da resposta pronta. O talento transpunha qualquer restrição imposta. Hoje… Quanto lixo. A censura potencializava o censo crítico de criação genial dos comediantes. A gente aprendia a pensar vendo programas humorísticos da época. Hoje… Lixo, lixo e lixo. Quem assistiu o Faustão no passado recente, percebe o quanto ele precisou abrir mão das verdadeiras “rápidas tiradas”, uma espécie de gancho veloz de “esquerda” na “direita” (esquerda inteligente – saudosa também). Triste vê-lo passar horas e horas no domingo feito um robô quebrado dizendo o tempo todo “Ôoolokomeu”.

     

    Por fim, sinto-me obrigado a confessar que os efeitos dessa variação chegou ao fundo do poço ao ponto de me fazer pensar que estava lá para ouvir as doces palavras de um profeta pagão.

    O General Ernesto Geisel (1974/1979) declarou: “Se é vontade do povo brasileiro eu promoverei a Abertura Política no Brasil. Mas chegará um tempo que o povo sentirá saudade da Ditadura Militar. Pois muito desses que lideram o fim da ditadura não estão visando o bem do povo, mas sim seus próprios interesses”.

     

    • Nossa!
       

      mais 665 estamos contando e fazendo historia. Busca forcas e entende o que ” a vida não eh só isto que se vê”,  Paulinho, torna-se Sr. Conde numa estaca onde o presente aporta. O cais visto por uma nave não revela os passos dos milhares de marujos!

      Bom Domingo!

      não vão roubar nada do senhor, aqui mostra a esperança e sua inteligencia. 

      Ideias não morrem! Nem liberdades acabam!

       

    • Experimenta participar de um cena linda dessa na ditadura

      vai , eu ia querer estar lá pra ver, mas não quero nem imaginar onde os coitados iam ser levados depois da festa.

  6. Sugestoẽs para reforma

    Sugestoẽs para reforma política:

    1. Parente de proprietário de empresa de comunicação e imprensa não podem concorrer a cargo eletivo.

    2. Trabalhadores da mídia em exposição só poderão se candidatar após 4 anos depois de descompatibilização. 

    3. Financiamento de campanhas exclusivamente público.

    4. Clausula de barreira limitando a quantidade de partidos. Algo como 12 é suficiente.

     

    • Emissoras de rádio ou tv de parlamentares…

      Apenas uma perguntinha básica: conforme denunciou na tribuna da Câmara dos Deputados o Deputado Federal Silvio Costa, seria interessante que se levantasse quantas destas concessões foram recebidas (e por quem) na época da compra de votos para FHC conseguir fazer passar a PEC da reeleição? 

  7. vigilancia constante…

    Se no decorrer das investigações ficar confirmado tal descalabro, a falta de ação do magistrado deverá ser denunciada como prevaricação….

  8. Name dos boys
    Fernando Collor PTBRenan Calheiros PMDBEduardo Cunha, do PMDB,Romero Jucá PMDB,Edison Lobão PMDBSarney PMDBDilceu Sperafico PPAníbal Gomes PPSandes Junior PPRoberto Britto PPPedro Henry PP Esta base aliada não quer  propina, quer audiência !!!

  9. pergunta aos especialistas do

    pergunta aos especialistas do blog:

    dono de rádio pode ser eleito suplente de enador, como ocorreu com o empresário paranaense joel malucelli,

    na chapa de álvaro dias?

    joel é dono da cbn curitiba, aquela que fez oo diabo no dia da

     eleição contra dilma e lula e contra o pt,

    repercutindo a famigerada capa da veja e a suposta morte do doleiro youssef… 

  10. Já denunciei a CORRUPÇÃO NA RADIODIFUSÃO ao MINISTÉRIO DA JUSTIÇA ainda lá em 2015 (29/08/2019 protocolo 112717) e ainda hoje espero resposta ao protocolo 113927.

    Na época, O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA defendendo a ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA (MÁFIA) DAS CONCESSÕES PÚBLICAS, alegou no protocolo 112717, que o caso é de interesse individual, assim eu deveria acionar as “autoridades locais MUNICIPAIS”.

    Revoltado, então gerei o seguinte protocolo 113927 com o seguinte conteúdo…

    “…
    Deixa eu entender (Protocolo: 112717)…

    A finalidade da Radiodifusão (TV Aberta e Radio) é de educar, levar cultura e informar a população (CF/88 art. 221). Também por lei é permitido a sua exploração comercial em no máximo 25% (L4117 art. 124, D52795 art. 12 inc. D, art. 67 inc. 2) da programação. No entanto a lei não diz como e quando explorar comercialmente a concessão, apenas diz que a publicidade não deve atrapalhar a finalidade da radiodifusão (D52795 art. 3) e que até mesmo a publicidade deve ser educativa (L4117 art. 38 inc. D, D52795 art. 28 inc. 11).

    Assim, as ilegalidades denunciadas (Protocolo: 112717) são de interesse PRIVADO? Não COLETIVO?
    Entre 200 Milhões de indivíduos, só afeta e interessa ao cidadão 02963217617?

    Ou as autoridades são ESTÚPIDAS, ou COVARDES, ou EXTREMAMENTE CORRUPTAS.
    Onde estão os NOSSOS DIREITOS sociais à educação, cultura, informação, inclusão, etc.?

    Aqui é o MINISTÉRIO DA JUSTIÇA… ou NÃO.
    …”

    onde finalmente prometeram que “… o assunto será enviado às instâncias superiores deste órgão para conhecimento e possíveis providências …”. Entretanto, de 2015 até hoje 22/06/2019 o MINISTÉRIO DA “justiça” NUNCA ENTROU EM CONTATO.

    Ainda continuo DENUNCIANDO AS ILEGALIDADES E INCONSTITUCIONALIDADES nas CONCESSÕES DE RADIODIFUSÃO, mesmo com as AMEAÇAS “HOMENS DE PRETO” AMBEV e de uma certa PODEROSA CONCESSIONÁRIA DE RADIODIFUSÃO que envia um tal de GLOBOCOP para balançar as árvores de casa.

    —-

    Exemplo denunciado:

    EXCESSO DE EXPLORAÇÂO COMERCIAL ACIMA DOS 25% DA PROGRAMAÇÃO
    DENÚNCIA 2-4: REDE GLOBO
    JORNAL NACIONAL 17/10/2014
    EXPLORAÇÃO COMERCIAL ALÉM DOS 25% PERMITIDOS POR LEI. (em duas ou três denúncias no MC)

    O noticioso “Jornal Nacional” explora comercialmente a TV ABERTA em 58%, de acordo com nota da própria Rede Globo.

    A NOTA: “A Globo comunica que, embora os candidatos tenham concordado em ser entrevistados pelo Jornal Nacional nos dias 20 e 21 de outubro, foram feitos pedidos quanto ao tempo e formato das entrevistas: postulava-se que a duração da entrevista excluísse o tempo das perguntas. Não foi possível se chegar a um acordo porque o tempo de produção do telejornal (excluídos os anúncios comerciais), com o horário eleitoral obrigatório, é, em média, de 21 minutos. Sendo assim, as entrevistas não se realizarão.”

    Fontes: http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/noticia/2014/10/entrevistas-de-dilma-e-aecio-no-jornal-nacional-sao-canceladas.html; http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/10/1532837-apos-impasse-globo-cancela-entrevistas-com-aecio-e-dilma-no-jn.shtml; http://diversao.terra.com.br/tv/sala-de-tv/blog/2014/10/16/dilma-e-aecio-ousam-peitar-bonner-e-o-jornal-nacional/ // ainda online em 09/07/2015

    A grade de programação, divulgado publicamente pela emissora na época das eleições;

    20:00 Jornal nacional // 30 minutos
    20:30 Propaganda eleitoral
    20:50 Jornal nacional // 20 minutos
    21:10 Império
    fonte: jornal Estado de Minas 2ª edição Nº26.548, caderno Cultura, 17/10/2014; globo.com (itapetininga) [http://redeglobo.globo.com/sp/tvtem/noticia/2014/10/confira-grade-de-programacao-da-tv-tem-em-itapetininga-de-1110-1710.html]; globo.com (sul-de-minas) [http://redeglobo.globo.com/sp/eptv/noticia/2014/10/confira-grade-de-programacao-da-eptv-sul-de-minas-de-18-2410.html]; tvsquare [http://tvsquare.com.br/programacao/rede-globo-36/17102014.html] // todos ainda online em 09/07/2015; noticiasdatvbrasileira []; // estava online em 06/06/2015

    dos 50 minutos de programação jornalística,
    29min (58%) é exploração comercial
    21min (42%) e Editorial Jornalítico (O Jornal Nacional)

    Quais ações o MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES tomou na época (10/2017)? Prevaricação e peculato usando o silêncio.

    —-

    EXTRA 2019: http://pfdc.pgr.mpf.mp.br/informativos/edicoes-2019/junho/pfdc-participa-de-lancamento-de-pesquisa-que-revela-a-publicidade-como-estrategia-de-financiamento-dos-programas-policialescos

    Daniel AquiNo
    Santa Luzia, região metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais – Brasil
    sábado, 22 de junho (06) de 2019

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome