PF entrega a Sergio Moro 2 perícias que culpam Dilma por Pasadena

Foto: Agência Brasil
 
 
Jornal GGN – A Polícia Federal produziu duas perícias em que coloca a presidente deposta Dilma Rousseff como uma das responsáveis pelo prejuízo com a refinaria de Pasadena, apenas porque a petista comandou o Conselho de Administração da Petrobras á época do negócio nos Estados Unidos.
 
Segundo o Estadão, os laudos podem vir a ser usados para subsidiar a abertura de investigação contra os membros do Conselho.
 
Os documentos foram anexados ao inquérito sobre Pasadena que corre sob a batuta de Sergio Moro, em Curitiba. A apuração resultaou numa denúncia contra Delcídio do Amaral, senador cassado, e outros nove pessoas, por lavagem de 17 milhões de dólares provenientes da compra de 50% da refinaria. Moro aceitou a denúncia no dia 18 de março.
 
“Por causa das supostas falhas, os peritos afirmam que os conselheiros que participaram da reunião em que a compra foi definida não agiram com ‘o zelo necessário à análise da operação colocada’ e sugerem como caminho para prosseguir a investigação a quebra dos sigilos bancários de todos eles. Estavam presentes na reunião, além de Dilma, Antonio Palocci, Cláudio Haddad, Fábio Colletti Barbosa, Gleuber Vieira e José Sergio Gabrielli”, escreveu o Estadão.
 
Procurada, a assessoria de Dilma disse que não poderia se manifestar porque não teve acesso aos relatórios da perícia, informou o jornal.
 
Leia mais aqui.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

7 comentários

  1. Como assim “apenas porque a

    Como assim “apenas porque a petista comandou o Conselho de Administração da Petrobras á época do negócio” ? Espera aí né…

  2. Nada mais  justo.
    é uma

    Nada mais  justo.

    é uma pessoa completamente fora da realidade,  que liquidou o Brasil e levou o PT junto.

    Nom sense, autoritária, EGÓLOTRA ,BURRA ao infinito  e sem conseguir completar uma frase sequer, chegou a presidência da república.

      é o fim do BrASIL !

    Irá demorar muitos anos pra o PT se libertar dela, talvez mais tempo que o Corinthians se livre dessa pexa de se chamar Itaquerão.

     

    SAnches queria 10 por cento outro nome .Ningém concordou. Várias ofertas.Continuou a vai continuar Itaquerão.

       Um nome que não condiz com a beleza do estádio e a probreza  do bairro.

             Já pegou e não desgrudará jamais.

                   E o cara foi eleito novamente.

                  Vejo aqui um sinal claro do masoquismo corinthiano.

                    ”Bando de loucos ” é o mote.

                 E de analfas também.

  3. O homem do jejum anunciado vai denunciar a Sra. Dilma?

    “Quando jejuardes, não vos mostreis como os hipócritas… Tu, porém, quando jejuardes, unge a cabeça e lava o rosto, com o fim de não parecer aos homens que jejuas, e sim ao teu Pai, em secreto”. (Mt 6.16-18)

     

    Se o Dallagnol lavar o rosto ao jejuar, como ele irá chantagear os $upremos Ministros?

  4. A presidência do conselho é

    A presidência do conselho é uma função administrativa. O voto do presidente tem o mesmo peso dos demais conselheiros. Nunca é demais lembrar que a compra da refinaria foi aprovada por UNANIMIDADE no conselho de administraçao da Petrobras e todos os conselheiros tiveram à sua disposição exatamente os mesmos relatórios e informações que a presidência.

    Mas prevejo que a “investigação” sobre o conselho vai ser como a que aplicaram a Henrique Pizzolato no mensalão. Pizzolato não tinha poder de autorizar nada sozinho. Todos os documentos que ele assinou também foram assinados por outros diretores e gerentes do Banco do Brasil, os quais sequer foram chamados para depor, mesmo tendo, teoricamente, responsabilidade solidária sobre tudo o que assinaram.

    O conselho será “investigado”, mas a culpada já está definida desde já.

  5. Não precisa se debruçar sobre

    Não precisa se debruçar sobre os detalhes da coisa. Eles precisam de algum pretexto para continuar a perseguição a Dilma e, se possível, tira-la de alguma eleição. Não se pode mais perder tempo levando a sério o que vem dos orgãos de repressão e manipulação que controlam o estado atualmente.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome