Steve Bannon poderá ser solto hoje se pagar fiança de US$ 5 milhões

Preso na manhã de hoje, o ex-assessor de Donald Trump, Steve Bannon poderá ser solto nesta quinta se pagar uma fiança que equivale a R$ 27 milhões

Foto: AFP

Jornal GGN – Preso na manhã desta quinta-feira (20), o ex-assessor de Donald Trump e entusiasta de Jair Bolsonaro, Steve Bannon poderá ser solto ainda hoje se pagar uma fiança de US$ 1,75 milhão em dinheiro ou propriedade real e mais dois fiadores assignados que garantam um pagamento total de US$ 5 milhões de dólares, o equivalente a R$ 27 milhões de reais.

A decisão foi do juiz Stewart D. Aaron, que estipulou que caso pague a fiança, Bannon será supervisionado até o julgamento e com restrições, como por exemplo a proibição de viajar fora do território dos distritos de Nova York, Connecticut e Washington.

Ele também foi proibido de usar aeronaves, iates ou barcos privados sem a permissão da Corte. Caso aceite, ele será libertado ainda hoje, em uma decisão que tem validade até o próximo dia 3 de setembro.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora