A volta das vivandeiras dos quartéis, por Luis Nassif

Não há desculpa para a interferência do comandante das Forças Armadas General Villas Boas, em um tema eminentemente civil. Mas é mais uma consequência da balbúrdia institucional que tomou conta do país.

Impunemente, procuradores e juízes passaram a fazer proselitismo nas redes, inclusive com mensagens de fundamentalismo religioso, juízes afrontaram o Supremo Tribunal Federal, vazando gravações clandestinas de conversas da própria presidente da República, com aval do Procurador Geral, os conselhos de juízes e procuradores renderam-se ao corporativismo mais estreito e a imprensa mantém o discurso permanente da luta do bem contra o mal.

Mais ainda, jornais que fizeram profissão de fé na ditadura, quando veio a ditadura, depois profissão de fé na democracia, quando veio a democracia, apelam até para militares aposentados para atemorizar o Supremo. É a volta das vivandeiras dos quartéis.

Não adianta pedir visão prospectiva a quem não consegue enxergar além do dia a dia. Não adianta alertar para os riscos do fascismo a quem, como o Ministro Luís Roberto Barroso, não consegue ir além do próprio umbigo.

Criou-se o mesmo clima de 64, em que as convicções democráticas viram pó e apela-se para o pragmatismo de não se comprometer para poder aderir ao próximo navio que aportar na costa com os novos-velhos conquistadores.

O Ministro Barroso, que se pretende um neo-brasilianista, poderia desenvolver uma tese sobre esse brasileiro intemporal que, antes de emitir opinião, molha os dedos, estica no ar para identificar o caminho dos ventos. No campo jurídico, corresponde ao juiz que julga se subordinando aos ecos que vêm da sociedade. Explicaria muito melhor o caráter e a tragédia brasileira do que a empregada do seu amigo que recusou carteira de trabalho para poder acumular as merrecas do Bolsa Familia. E nem precisa se basear no seu pensador predileto, Flávio Rocha, das Lojas Riachuelo. Basta se abrir com seu analista.
 
Espera-se que os demais Ministros tenham a dignidade de representar à altura o poder, o STF, do qual eles se comprometeram a ser guardiões.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

59 comentários

  1. A Senha foi dada

    O general Villas Golpista Boas deu a senha para o final do golpe e divulgado pelo JN 1o minutos após o General golpita twitar, tudo armado em conjunto. Aviso ao STF ou prendem Lula ou o Exército prenderá.

  2. A data de hoje marcará o

    A data de hoje marcará o momento em que se separará os homens dos meninos, ou seja, veremos se o povo deste país quer ser um país de verdade, com todo o pró e contra que tal decisão acarreta (vide países como EUA, China, Inglaterra, Alemanha , França…) ou um mero bando de 200 milhões de baratas tontas que falam português. 

  3. O Brasil como o país mais

    O Brasil como o país mais previsível do mundo acaba de decretar a pré-ditadura militar em que homens iluminados de farda num ato de desprendimento colossal vão nos salvar do comunismo e da corrupção. 

    Militares e globo repetem a dobradinha de 64 e prometem o que mais sabem fazer reprimir o próprio povo.

    Patético!

  4. A volta das vivandeiras dos quartéis

    O fascismo é uma fase histórica na qual o capitalismo entrou; por consequência, algo de novo e ao mesmo tempo de velho. Nos países fascistas, a existência do capitalismo assume a forma do fascismo, e não é possível combater o fascismo senão enquanto capitalismo, senão enquanto forma mais nua, mais cínica, mais opressora e mais mentirosa do capitalismo. 

    Como se poderá dizer a verdade sobre o fascismo que se recusa, se quem diz essa verdade se abstêm de falar contra o capitalismo que engendra o fascismo? Qual será o alcance prático dessa verdade?

    As cinco dificuldades para escrever a verdade, por Bertolt Brecht

    Sugestão de Rui Ribeiro

    .

  5. missão institucional!!

    Qual…deixar que entreguem a preço de banana nosso patrimonio e riquezas e “boas”,  deixar que possam comprar nosso territorio inteiro e “boas”, deixar uma quadrilha dar um golpe e se apropriar da presidencia e “boas”, deixar proprietários de helicopteros com rotas de cocaina impunes e “boas” deixar que o EUA se aproprie de nosso espaço aéreo e nosso engenharia aeronautica e “boas”, deixar nosso projeto nuclear ir pra cucuia  e “boas”, permitir uma frota toda norte americana “passeando” em nossos limites territoriais maritimos e “boas, sem falar na imcapacidade de detectar espionagem em nossas empresas estrategicas e até na presidencia da republica e “boas”.

    Um dois feijão com arroz, um dois feijão com arroz!!!!

     

  6. Não há o que ser
    Não há o que ser discutido.
    Vivemos um golpe de Estado.
    O que um general diz ou deixa de dizer é instrumento de manipulação da mão invisível do golpe.
    Toda essa gente está sendo manipulada pela vergonha de suas estripulias virem à tona.
    A presidenta Dilma rotulou-os como moralistas sem moral.
    Faltou adicionar covardes.
    O Brasil somente sairá deste enros rapidamente através de uma revolução, caso contrário,tome mais 20 anos de ditabranda.

  7. A mãe de todos os vícios

    A mãe de todos os vícios é a ociosidade. Militar sem inimigo fica perdido e começa a pensar bobagens, principalmente se assistir muito filme de Hollywood. Durante os governos Lula e Dilma houve maior participação militar nas obras públicas, e com bons resultados. Mas, neste governo temeroso ficaram ociosos. Por isso a felicidade de agir contra favelados, no RJ. Militar, assim como meritocrático de alto nível, sabe de onde vem o seu ordenado no final de mês, do dono do poder e do dinheiro, a mão que balança o berço. Um governo popular não garante pensão de filhas, netas e bisnetas, e também não aceita auxílio-moradia, nem ganhar acima de um teto. Como cachorro, o respeito vai para quem lhe da o alimento.

  8. A volta das vivandeiras dos quartéis

    enquanto o golpe militar é tuitado, a luta não apenas continua, como sequer começou.

    “Nós falávamos que o golpe contra a [email protected] Dilma seria o golpe contra a classe trabalhadora. Isto está concretizado. Nós achamos que quem vai impedir a continuidade do golpe vai ser o povo. Não tem governo, não tem Lula, não tem ninguém. Vai ser o povo! E aí nós estamos construindo no país inteiro o chamado Congresso do Povo.”

    vídeo: A Luta pela Água e o Congresso do Povo

    [video: https://www.youtube.com/watch?v=9ZoYiZY4dnQ%5D

    vídeo: Congresso do Povo

    [video: https://www.youtube.com/watch?v=23MqCbJ3UTM%5D

    .

  9. Tenho pra mim que esses

    Tenho pra mim que esses “tweets” do General Vilas Boas nada mais é a cabal demonstração de que ele já não detém mais o controle da Caserna

  10. STF

    Não deixe para depois o que pode fazer agora. Foi assim com o STF desde o início do golpe de 2016. Foram várias submissões e portanto causando uma maior tensão no atual momento. O STF deveria ter agido logo, mas foi submisso e conivente com o golpe e agora paga dobrado. Parece que a maioria do STF deseja bota ordem no judiciário e impedir as arbitrariedades dos juízes golpistas.

     

  11. Forças Armadas Brasileiras não merecem ser chamadas de militar

    Militar combate militar, homens fortemente armados contra homens fortemente armados, pessoas altamente preparadas para o combate contra pessoas altamente preparadas para o combate. É nisso que reside a honra, a força e a glória de um guerreiro. Ao longo da história republicana, as forças armadas brasileiras se especializaram em massacrar civis desarmados ou, no máximo, armados de sonhos e ideias. Ao invés de defender a soberania nacional, entregaram nossos setores econômicos mais lucrativos às multinacionais durante a Ditadura de 1964-1985 e, hoje, endossam a entrega dos setores econômicos mais estratégicos da nação pela máfia empoleirada no poder às mesmas multinacionais. Covardia e antinacionalismo explícitos não são qualidades de guerreiros e militares, mas de bandos armados a serviço de coronéis para os quais a honra e a glória não fazem qualquer sentido.  

  12. Quando o STF se insurgiu

    Quando o STF se insurgiu contra alguma coisa, hein?

     

    O Mandado de Segurança 3557, impetrado pelos advogados do Café Filho para que ele assumisse a presidência após o suicídio do Getúlio Vargas, tem um voto lindo do Nelson Hungria, que é sempre bom de ser lembrado nessas épocas de vivandeiras.

     

    A época foi marcada com várias situações anormais, como declaração de impedimento de pessoas na linha sucessória, declaração de estado de sítio com suspensão de garantias e outras coisas que, até pouco tempo atrás, eram aberrações jurídicas e agora não são mais, 

     

    Aproveitem:

     

    “Afastado “o manto diáfano da fantasia sobre a nudez rude da verdade”, a resolução do Congresso não foi senão a constatação da impossibilidade material em que se acha o Sr. Café Filho, de reassumir a Presidência da República, em face da imposição dos tanke e baionetas do Exército, que estão acima das leis, da Constituição e, portanto, do Supremo Tribunal Federal. Podem ser admitidos os bons propósitos dessa imposição, mas como a santidade dos fins não expunge a ilicitude dos meios, não há jeito, por mais auspicioso, de considerá-la uma situação que possa ser apreciada e resolvida de jure por esta Corte.

    É uma situação de fato criada e mantida pelas forças das armas, contra a qual seria, obviamente, inexequível qualquer decisão do Supremo Tribunal. A insurreição é um crime político, mas, quando vitoriosa, passa a ser um título de glória, e os insurretos estarão a cavaleiro do regime legal que infligiram; sua vontade é que conta, e nada mais.

    (…)

    Contra uma insurreição pelas armas, coroada de êxito, somente valerá uma contrainsurreição com maior força. E esta, positivamente, não pode ser feita pelo Supremo Tribunal, posto que este não iria cometer a ingenuidade de, numa inócua declaração de princípio, expedir mandado para cessar a insurreição.

    (…)

    Jamais nos incalcamos leões. Jamais vestimos, nem podíamos vestir, a pele do rei dos animais. A nossa espada é um mero símbolo. É uma simples pintura decorativa — no teto ou na parede das salas de Justiça. Não pode ser oposta a uma rebelião armada. Conceder mandado de segurança contra esta seria o mesmo que pretender afugentar leões autênticos sacudindo-lhes o pano preto de nossas togas”

     

  13. De volta para o passado!

    No principio o problema era Dilma e a corja do PT!

    Há dois anos o Brasil só piora…

    Agora depois de malabarismo incrível do judiciário chegou-se ao dia de hoje.

    Com a entrada das Forças armadas no circo o que será deste pais?

    Se foi força estrangeira que ideou a queda da Dilma para se apossar facilmente de nossas riquezas, nossa tropa vai entregar isso de mão beijada…

    É incrível a falta de preparo de pessoas que ocupam cargos elevados da república!

    É assustador que generais se comportem como na guerra fria, e tratem dessa forma um ex-presidente que elevou o valor do Brasil!

    É possível explicar o militante que se interessa em levar vantagem e fica na internet agredindo a todos!

    É possível explicar interessas econômicos estejam bancando a mídia negativa nesse momento!

    É possivel exlicar o interesse de certas empresas no quanto pior melhor!

    Mas é difícil entender que generais acreditam que um novo 1964 está batendo na nossa porta e a ameaça comunista vai invadir os nossos lares…

    1964 não existe mais, mas com certeza isso vai jogar o Brasil novamente no atrazo!

  14. nosso pobre povo, …

    paga, com o próprio trabalho e sangue, militares que vão sacrificar a sua razão de existir, a nação, … o povo, …  aos interesses de uma nação rapineira…

    Gente, que, batendo continência a uma bandeira, são fiéis a outra, e permitem que o Brasil seja saqueado,… espionado, … e humilhado.

    Qual o motivo disso ? … o mêdo e a covardia ? …  não acredito ! … Como dizia aquele mafioso do filme,…. não é pessoal, … é só negócio !

    Nenhum patriotismo, … só negócio…

  15. Uai, o generalíssimo não repudiou a impunidade dos coleguinhas

    Uai, o generalíssimo não repudiou a impunidade dos coleguinhas

    O generalíssimo rosnou forte, repudiando a impunidade. HIPÓCRITA: defendeu e não repudiou a impunidade dos covardes torturadores, estupradores e assassinos da ditadura, muitos deles coleguinhas da caserna, que estão aí, já a morrer como anjinhos. Cala a boca, generalíssimo, em vez de se meter no trabalhos dos outros,  vai trabalhar na sua função, o que não está fazendo: impedir a entrega das riquezas nacionais aos estrangeiros por esta quadrilha de criminosos lesa-pátria e impunes, que ajudou, junto com os novos coleguinhas, a colocar no governo do país.

    • Muito a propósito

      Fernando Soares Campos

      4 h ·  

      O general Eduardo Villas Bôas, comandante do Exército, acena com a possibilidade de punir torturadores e assassinos que atuaram nos órgãos da repressão durante a ditadura militar… O general disse que “o Exército Brasileiro julga compartilhar o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio à impunidade”. Se é assim, concluímos que o Exército pretende julgar e condenar os torturadores e assassinos que ainda estão vivos e ameaçando o STF, a fim de que seja negado Habeas Corpus para Lula.

      Porém, enquanto a justiça não chega para os torturadores e assassinos a serviço do golpe de 1964, a ameaça que paira no ar é a de que os militares novamente golpeariam e assumiriam o governo do Brasil, gerando oportunidade para novos torturadores e assassinos…

       

  16. As nossas forças armadas estão se voltando contra seu próprio po

    As nossas forças armadas estão se voltando contra seu próprio povo para defender os interesses obscuros dos EUA, que forjaram o golpe de 2016 para entregar nossas riquezas como o Pré-Sal, a Petrobras e a Embraer. Isso sem falar que esses generais estão agindo para assegurar a manutençaõ da destruição dos direitos trabalhiestas e a anutençaõ da PEC da morte.

    É uma vergonha essas forças armadas brasileiras que de nacionalistas não tem absolutamente nada. São cães de guarda de potências imperialistas contra o povo brasileiro oprimido. Agem como capitões do mato que escravizam seu próprio povo.

  17. Nunca esquecemos ! JAMAIS ESQUECEREMOS !!

    “…Asseguro à Nação que o Exército Brasileiro julga compartilhar o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio a impunidade…”

    O que o chefe da FMM (força miliciana dos marinhos) precisa responder, é porque não houve punições exemplares, mas sim, condecorações e promoções das seguintes figuras :

    Famoso diretor do centro de tortura em São Paulo (Doi-Codi)

    Um dos responsáveis pelo atentado terrorista no Riocentro em 1981

    Famosíssimo sequestrador e torturador de opositores na Guerrilha do Araguaia

    Um dos sequestradores, torturadores e esquartejadores da Casa da Morte de Petrópolis

    [video:https://youtu.be/jPpF4He4ZZY%5D

  18. ANALISE GERAL DO STF

    Um texto imporante nesse momento, mas nesse caso esse ataque ao ministro Barroso, não pode se resumir a ele, e quanto a Fachin, que foi indicado por Dilma contra tudo e todos, e sua historia nas lutas sociais como advogado e professor, hoje serve muito mais ao golpe, todo esse ataque viu que o ex presidente Lula sofre em cunho nacional e em todos os meios de comunicação poderia ser evitado se ele não se acovardasse, nunca um simples HC baseado na mais limpa e cristalina lei constitucional poderia ter toda essa relevancia, no plenario do STF, bastava ele ter levado para a turma a decisao meritoria, mais sabia que ia perder e levou ao plenario para forçar um discursao ampla sobre a prisao apos segunda instancia, que nao deverá ter repercucao geral porque se trata de HC especifico, e o que falar de Toffoli, ex advogado do proprio Lula, o que esta fazendo agora nessa achincalhação que sofre quem o alçou a ministro da mais alta corte sem os requisitos necessarios, todos trairam seu passado, como Carmem Lucia, aguardemos essa decisão.

    • Fachin e Tóffoli

      Você pergunta as posições desses dois crápulas, antes e agora como ministros do STF.

      A Vera Lucia Venturini já respondeu.

      Agora como ministros, os dois com mais poderes, se aliaram a Cármen Lúcia, que como disse a Vera, ela está sentada sobre uma decisão judicial que só vem beneficiando as multinacionais farmacêuticas em detrimento do povo brasileiro.

      Como já disse o bôca de suvaco FHC: esqueçam o que eu escrevi.

      Eu diria que eles dois, os crápulas, talvez digam para os seu botões: esqueçam o que eu era.

      Agora estou do outro lado do balcão e posso ganhar muito mais.

      O povo? Oras! Povo é povo e isso é coisa de petistas.

  19. Que maluquice de país virou o

    Que maluquice de país virou o Brasil, que depende de um voto equilibrado de um Gilmar Mendes da vida para sustentar o pouco de democracia e independência entre os poderes que sobrou por aqui. Lamentável !!!!

  20. Mudança de patamar

    Com esta manifestação do Comandante, a crise brasileira muda de patamar.

    Perigo iminente de uma intervenção militar, de fato.

    Sinal de que Enthegoyen e Cia estão trabalhando a toda, nos bastidores….

    Se não condenarem o Lula: Intervenção!

    Se condenarem e houver manifestação e perturbação da ordem, seja de petistas, seja de camisas pretas: Intervenção!

    Chegou o momento da colheita do que foi insistentemente propagado neste Brasil varonil.

    A tempestade chegou.

     

  21. Poderíamos também interpretar

    Poderíamos também interpretar de outra maneira a “fala” do general e sua repercussão via JN: não foi uma ameaça ao stf, mas também uma mensagem tranquilizadora, na base do “vão em frente que a gente segura as pontas”. Os ministros tem uma desculpa para negar o HC, a pressão dos milicos, mas já sabem que contam com apoio dos milicos para o que der e vier. Isto tudo um dia vai passar. Os envolvidos ficarão impunes como ficaram os envolvidos no golpe de 1964 e na ditadura que se seguiu?

  22. Um general em sua

    Um general em sua encruzilhada:

    Pede respeito à Constituição – carta superior do povo e do país que diz servir – onde está claro o direito à ampla defesa;

    Mas se propõe a atacar, seu país e seu povo, se essa mesma Constituição for cumprida.

    Que beleza!

    • Haverá intervenção…
      Temer
      Haverá intervenção…

      Temer será preso logo termine seu mandato…Existe a prova mais clara de todas 500 em uma mala!

      Ele tem opções;

      1- melar a lava jato…Será difícil
      2- pedir asilo político… Não fará
      3- se reeleger …Quase zero as chances…bolsonaro leva no primeiro turno.
      4- intervenção militar …Está na sua mão ele pode fazer isso é fará. Um belo acordo para sair livre .

      Pode apostar…..

      • Excelente análise! Não
        Excelente análise! Não titubiou pelos gritos esquerdopatas e nem pela visão Jairdeusando. Uma visão simples e sem lados, apenas fatos. Realmente eu não havia visto por esse ângulo e, pelo que vejo nas mídias, a maioria tbm não. Só há gritos de golpe (melancólicos irracionais) ou da vinda do super-herói Jair Superman (aquele fatídico sonho impossível de que um sozinho mudará um Brasil de lixos). Infelizmente o povo está polarizado, e isso é medonho, semelhantes aqueles burros puxadores de carroça, pois não fazem pensando, e sim surfa na onda achando que é o cara. Há pontos positivos e negativos das políticas de direita e esquerda, e precisamos aprender a pensar fora do pinico. Agora, a única coisa que eu tenho certeza que será prejudicial a nação é a perda da pouca democracia que ainda resta, disse pouca por que realmente está uma merda. Todos os poderes corrompidos. Mas o lado que parece mais fácil de tomar (intervenção), será o pior.
        Em tempo 1: sou defensor da prisão, não em segunda instância, mas em primeira. O STF do jeito que está, e dependendo do que decidir, vai acabar derrubando o Brasil com aquele sopro final de quem já está quase no chão.
        Em tempo 2: Bolsonaro seria meu candidato preferido se não morresse de amores pelo Regime de 64. Desejo alguém na política com ideais parecidos (não iguais) com o dele, mas que seja defensor unânime dos preceitos da democracia.

  23. Vivandeiras dos quartéis
    Boa, Nassif. Não há razão para que O Exército interfira em uma questão civil. Mas, infelizmente, vivemos um período de irracionalidade.

    • CNV

      Está muito claro que umas das razões para o golpe era a possibilidade de revisão da lei da anistia e decisões da Comissão Nacional da Verdade.

      Agem para prevenir situações, como na Argentina, onde militares estão sendo julgados.

      Pacto já formado: Não se investiga os militares nem a Rede Globo.

      Se está bom para ambas as partes….

       

       

  24. A Hora da verdade.

    Depois desta intimidação, na ponta de um fuzil, vamos saber, quem no STF, tem caráter e  coragem para exercer os reais atributos do cargo que ocupam.

    Almejaram e trabalharam tanto para serem os maiorais protagonistas…

    A hora da verdade chegou.

    Se vacilarem, estaremos fritos.

    Estou só imaginando a cena do Fux matando, esta batata quente, no peito….

  25. “Não há desculpa para a

    “Não há desculpa para a interferência do comandante das Forças Armadas General Villas Boas, em um tema eminentemente civil. Mas é mais uma consequência da balbúrdia institucional que tomou conta do país.”…

    Perfeito Nassif!

    Tão vendo???…É nisso que dá, um bando de homens saudáveis, recebendo salários sem prestar a necessária contrapartida em benefício do País e do povo que os mantém.

    O general Eduardo Villas Boas por exemplo, ao abandonar sua falta do que fazer, para afirmar em inoportuna, obscura e indefinida manifestação contra a impunidade. Isso é incabível numa República em que as autoridades se deem ao respeito. Quando, nos Estados Unidos, na Alemanha ou, na Inglaterra, um general se daria a tal desplante? Isso é pra republiqueta!…

    É muito esquisito que um general do alto escalão, abandone seu ócio remunerado para falar contra a impunidade. Onde general, vossa estrelada pessoa, viu algum ser pensante favorável à dita cuja impunidade? Ah! Me bata uma garapa! Vai?… Com a tradição golpista desses senhores, não há como não desconfiar desses desocupados estrelados.

    É muito grave o homem que comanda o exército participar desse ato. Convém recapitular, lembrando que o exército brasileiro, nunca defendeu de fato, os interesses do Brasil e do seu povo. Tirando a cansativa retórica da qual fazem uso, nas poucas vezes em que participaram de combate real, o fizeram à mando de potências estrangeiras, ou,envolvendo-se em vergonhosas expedições armadas contra o próprio povo brasileiro. E, nem falo do primeiro de abril de 1964 e seu legado de sangue, e de covardes torturadores, estupradores e assassinatos de presos, daquela ditadura.

    General! Quer combater a impunidade de verdade? Olhe ao seu redor.

    Orlando

  26. Putz, mais de 50 anos e as

    Putz, mais de 50 anos e as vacas fardadas continuam “leitando” falação hipócrita. Se esses generalecos de meia pataca fossem tão brasileiros e tão contra a corrupção, com certeza, não estariam adorando o desgoverno temerista-golpista-ladrão. Mas, nananinanão, aí estão servindo com luvas branquelas seus temeristas. Mais bandidos e corruptos, impossível.

    Aliás, cada vez que ouço falar em “pessoas de bem”, fico com vontade de sacar o talão de cheques e “adoçar” seus bolsos.

    Haja hipocrisia criminosa.

  27. Jucá Profético

     

    Como disse Juca em antalogico dialogo com machado. Já combinamos com generais…………………com supremo e com tudo.

    Infelizmente, os fatos  provam que não era blefe do “CAJU”

    Pobre Rico Brasil…….

  28. E pensar que depende da Rosa…

    Aquela que pelo sopro no ouvido, disse: não tenho provas, mas condeno pq a lei me permite!

     

    Tamo muito fudido!

    • Uma correção

       Na famosa condenação do Dirceu sem provas, feita pela Ministra Rosa Weber, a alegação não foi pq a lei permitia. Foi pior: ela mencionou que a literatura jurídica (???) permitia.

  29. Faltou acusar a leviana,

    Faltou acusar a leviana, despreparada, partidária, desonesta e hipócrita Carmén Lucia das farmacêuticas do papel principal nesta crise. Foi ela que se negou a colocar a caso da presunção de inocência ao plenário e estigmatizou sobre o Lula e o PT a questão. Foi ela que se vestiu de preto ontem para fazer o pronunciamento insipido pedindo tranquilidade a nação, quando foi ela que a incendiou fazendo manifestações impróprias para a imprensa que cumplicia. Foi ela que colocou na linha de fogo os ministros apartidários que tem posição contrária a da Rede Globo que ela obedece. 

    E é essa ministra que fala sobre prisão em segundo grau alegando impunidade enquanto esta sentada sobre a questão das patentes pipeline que causa um prejuizo enorme ao Estado e aos cidadão brasileiros beneficiando as farmacêuticas. E que, ao invés, de contratar assessores jurídicos chamou um frasista para cargo de confiança. É essa mulher que quer penalizar o Lula e pra isso deixou de lado sua responsabilidade de guardiã da Constituição. É a mesma que passa a mão na cabeça do Aécio e recebe Temer em sua casa.

     

    • Teria relação?

      Nilson Lage

      1 h ·  

      Gente bem informada relaciona o atual surto de abertura de farmácias de rede em todo o país a um projeto estrangeiro de dumping objetivando incorporar a indústria dos medicamentos genéricos e similares, restabelecer o oligopólio dos grandes laboratórios euro-americanos e impor a eternidade das patentes. 
      Isso implicaria inviabilizar o SUS e o atendimento em massa da população em doenças graves e levaria a reformular, em padrões leoninos e sem alternativa, planos de saúde de apetite pantagruélico.

       

  30. Por acaso alguém acreditou

    Por acaso alguém acreditou que o golpe de 2016 foi dado sem autorização das FAA?

    Alguém acredeita que os golpistas teriam feito o que fizeram se não tivessem o aval das FAA?

    Ocorre que parece que a coisa estava fugindo do sript golpista, daí as ameaças veladas.

    Pergunta: O que as FAA fizeram de bom para o pais em 21 anos que ficaram no governo? O país que eles entregaram(será?) em 1985 era melhor ou pior daquele que tomaram em 1964?

    Vocês, militares, não passam de um bando de incompetentes e aloprados. Vão se foder seus FDP.

    Deixem o Brasil caminhar pelas próprias pernas, seus miseráveis fardados.

     

     

  31. Militares
    Os militares que se formam na AMAN, depois ESAO , depois EMFA são muito patriotas e bem intencionados. No entanto, depois da redentora de 64, inexperientes nas lides políticas, aceitaram a “assessoria” de políticos, a pior parte deles, e constituíram o partido oficial, a ARENA. Este mesmo pessoal, que lhes beijava as botas, os traiu depois. E o que temos hoje é a consequência.
    Golpe militar hoje é inexequível. Já não temos navios americanos na baía da Guanabara para garanti-los nem o banco mineiro para financiar os movimentos. Aliás, não temos mesmo dinheiro suficiente para alimentar a trágica intervenção no Rio. E ponto. Que eu saiba , pijamas ao menos são uniformes.

  32. Cadê o André??????
    Releiam a aula de civilidade e patriotismo, desprendimento total, que AA me deu sobre os militares – essas vivandeiras silentes – há 03 anos atrás num debate em que AA me jantou defendendo os defensores.

    Eu estou com tanta raiva, mas tanta que me recuso a procurar.

    Viva a novíssima república.

    Nassif, se estava difícil trabalhar pode ficar bem pior.

    Desejo sorte a este GGN.

  33. ​Há leis

    Esses moleques de farda e toga, criados a leite de pera, cheios de vontades, não aceitam que o mundo real não é só direitos infinitos e privilégios eternos. Há deveres a cumprir. Há que se obedecer a lei em benefício do bem comum da sociedade.

    É errado dizer, após a derrota nas urnas, que “como não fui eleito ninguém mais governará esse país”. Ou alvejar ex-presidente como forma de “dar recados”.​ ​ Ou usar o Twitter para chantegear as instituições por meio de jejuns e ameaças de Golpe Militar.

    Villas Bôas afrontou a Constituição, no art. 5º, inciso XLIV: “constitui crime inafiançável e imprescritível a ação de grupos armados, civis ou militares, contra a ordem constitucional e o Estado Democrático”. Tem quer ser​ denunciado,​ processado e preso.

  34. forças ocultas?

    “as convicções democráticas viraram pó”. E isso ai, dois meses de intervenção no RJ e as milicias e o tráfico – mais especificamnte o PCC – contiuam atuando livre, leves e soltos. A única coisa inédita na cidade do RJ depois da intervenção foi o assassinato de uma vereadora de esquerda. “comunistas’ viraram a desculpa para transformar a democracia em pó – literalmente ao que parece!. Já vimos esse filme em outros lugares, é o ‘efeito tequila’

  35. Golpe militar está longe do consenso.

    Com a seguinte nota do ministro da aeronáutica parece que um golpe militar está longe de um consenso, pois vejam o que diz a nota:

    “O Brasil amanhece hoje prestes a viver um dos momentos mais importantes da sua história.

    Hoje serão testados valores que nos são muito caros, como a democracia e a integridade de nossas instituições. Instituições essas que têm seus papéis muito bem definidos no arcabouço legal da Nação.

    Num momento como este, os ânimos já acirrados intensificam-se ainda mais com a velocidade das mídias sociais, onde cada cidadão encontra espaço para repercutir a sua opinião, em prol do que julga ser o país merecedor.

    Entretanto, as necessidades da Nação vão bem mais além. O Brasil merece que seus cidadãos se respeitem e sejam respeitados, que os poderes constituídos atuem em consonância com preceitos éticos e morais dos quais possamos nos orgulhar, que os cidadãos possam ir e vir em segurança, além de tantos outros direitos básicos que hoje o Brasil ainda não oferece para uma boa parte do seu povo.

    Nestes dias críticos para o país, nosso povo está polarizado, influenciado por diversos fatores. Por isso é muito importante que todos nós, militares da ativa ou da reserva, integrantes das Forças Armadas, sigamos fielmente à Constituição, sem nos empolgarmos a ponto de colocar nossas convicções pessoais acima daquelas das instituições.

    Os poderes constituídos sabem de suas responsabilidades perante a nação e devemos acreditar neles. Tentar impor nossa vontade ou de outrem é o que menos precisamos neste momento. Seremos sempre um extremo recurso não apenas para a guarda da nossa soberania, como também para mantermos a paz entre irmãos que somos. Acima de tudo, o momento mostra que devemos nos manter unidos, atentos e focados em nossa missão”

    • Prezado senhor RDMaestri,

      Prezado senhor RDMaestri, não! Não há…

       

      Não há consenso entre nós, há sim o crescimento e acirramento de divergências sobre modelos de nação e país, e assim como em outras corporações de ESTADO, o estopo vem da base.

      Tudo que foi dito e escrito foi e é uma mera resposta aos que querem respostas, cada um interpretando como bem quer…

      Aparentemente, ao menos entre nós, tudo não passa de dizer, desdizendo. Uma pomba azul que acalma/acirra as posições sem nada PRÁTICO acomtecer… Parece que apesar dos pesares, foi a maneira comtemplada pela aguia do forte apachede SATISFAZER “legalistas X saudosistas”.

      Há a tempos efervecência… As pombinhas azuis são e também revelam as diferenças entre os céus estrelados do cruzeiro do sul.

      Thor e Garça branca tem sismos com frequências sísmicas com escala de vetores convergentes. 

  36. é tarde, tarde demais

    Em nosso grande e mesquinho país, todos tentam ser populares, numa briga horrível na qual só restará cadáveres como há 50 anos. O homem laranja, buscando recuperar a popularidade, lança empáfias contra a China, Rússia e qualquer outro país que em sua opinião não se submeta aos Estados Unidos. A tola e incompetente May, lança acusações duvidosas contra a Rússia, numa cortina de fumaça para despistar sua pouca popularidade e competência. O nó foi rompido e a caixa está prestes a ser aberta. É muito tarde.

  37. Os dias eram assim

    Dificil pensar que estamos a beira de mais um golpe pelas forças armadas! Meu pai hoje disse que na idade dele, não da mais um golpe. Ainda mais militar. Ha menos de 5 anos eu fazia planos de voltar a viver no Brasil. Agora, meus pais estão pensando em ir embora do Pais! Como o Brasil, por conta da suas oligarquias medonhas e de sua população cega e mesquinha, chegou onde chegou?

    Agora é o momento no qual o STF deve se colocar em pé e mostrar que é uma instituição forte. Eh agora ou abaixara a cabeça a qualquer tipo de golpe que vier pela frente. 

    Ha duas semanas, o escritor humanista Jean Marie Le Clézio assinou uma tribuna no Nouvelle Observatoire na qual acusa duramente o governo Macron e sua politica fascista face aos imigrantes. Quem, no Braisil, vai fazer um “Eu acuso” em algum dos jornais brasileiros? E qual jornal, hoje, publicaria um artigo em que se diga toda a verdade sobre todo esse processo que nos trouxe a beira da histeria entre os poderes? Nicolas Sarkozy, na semana que passou, deu longa entrevista no principal telejornal francês, explicando sua prisão preventiva e a perseguição juridicia da qual ele se sente coagido. Lula nunca teve um tratamento parecido nas grandes televisões no Brasil. As entrevistas que da, em geral, ficam restritas à Internet.

    Não sei se o habeas corpus sera concecido, mas pelo roteiro até aqui, as coisas podem piorar muito no Brasil. Inclusive para a imprensa, que hj pensa que pode tudo.

    • Ir embora?

      Se todos os progressistas desse país que vêm lutando desesperadamente nesses últimos anos pensassem igual a você e aos seus pais, nós deixaríamos o país de mãos beijadas para os protofacista.

      Eu considero isso deserção.

      • Calma

        Meu pai tem mais de setenta anos e acho que ele não quer viver num Pais sem liberdades. Ele ja fez a luta dele la atras e ver o Brasil retroceder dessa forma, deve doer demais. Porém, acho pouco provavel que ele deixe mesmo o seu Brasil. Agora o Brasil vive uma sobreposição de violência que é dificil de suportar. 

  38. STF: diarréia de medo diante das câmeras de televisão.

    Estamos diante de um STF que acabou com o Estado laico no Brasil. Esperavam o que dele? Respeito ao Estado democrático de direito? O STF apenas está entregando o mesmo que entrega desde a admissibilidade do julgamento do suposto “Mensalão”, em 2007.

    Os vexames são diários. Os genuflexos da “Cruela De Vil” perante a Rede Globo e o ataque diarréico da “Ginger Spice que não deu certo” diante de um tuíte são apenas mais dois de uma gigantesca série.

    Resta a nós a denúncia internacional de tais descalabros, a união em torno de Lula e a certeza de que será preciso um expurgo “a lá” Erdogan no Estado brasileiro quando as forças progressistas voltarem ao Planalto. E não será pelo voto pois haverá uma gigantesca fraude eleitoral hondurenha neste ano. Será pela força revolucionária do povo.

  39. Pensar o dia seguinte. Todos

    Pensar o dia seguinte. Todos por Lula, sim, Lula candidato, sim, mas por prudência o PT deve estar preparando um outro candidato com o apoio de Lula, e que, pelo amor de Deus, deve ser puro-sangue. Nada de apoiar gente como Ciro Gomes. Só os desprovidos de inteligência não percebem que Ciro Gomes é um candidato da direita. Ele mal esconde isso. Não defenderá Lula nem agora nem depois de eleito, se for. Lembrem-se de Cristovam Buarque, Lideranças do PT, que vocês por alianças, deixaram aos eleitores em Brasília como única opção para o senado, oito anos atrás. Valeu a pena elegermos ele? Ciro será igual. 

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome