Bolsonaro diz ter plano para usar Exército contra medidas de governadores na pandemia

Segundo Bolsonaro, se for necessário, as Forças Armadas serão usadas para garantir o artigo 5º da Constituição, que estabelece liberdades religiosas, direito de ir e vir e o livre exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão

Reprodução/Youtube

Jornal GGN – Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta sexta-feira, 23, que pode convocar as Forças Armadas para irem às ruas contra as medidas restritivas adotadas por governadores e prefeitos no combate à pandemia da Covid-19. As declarações foram dadas ao jornalista Sikêra Jr., da TV A Crítica, em Manaus (AM). 

Desde o início da crise sanitária, Bolsonaro não hesita em se manifestar contra o isolamento social, medida defendida pelas autoridades de Saúde para conter a transmissão do vírus.

“Se eu decretar isso, vai ser cumprido”, afirmou o presidente. “As Forças Armadas podem ir para as ruas sim, dentro das quatro linhas da Constituição, para fazer cumprir o Artigo 5º, direito de ir e vir, acabar com essa covardia de toque de recolher, direito ao trabalho, liberdade religiosa, de cultos”, disse.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora