Bolsonaro nega ter dossiê com plano para retirá-lo do governo

Secretaria de Comunicação diz que informação a respeito é fake news com o objetivo de gerar desconfiança entre o Executivo e os demais poderes

Foto: Reprodução

Jornal GGN – O presidente Jair Bolsonaro negou que teve acesso a um dossiê com um plano para retirá-lo do governo federal.

“A Folha de S.Paulo falou que tem um dossiê que eu fiz dizendo que havia um complô da Câmara, Supremo para me derrubar. Eles inventam coisa. Segundo uma fonte do Planalto… Sempre é assim. Se é tão grave assim, podiam dar o nome da fonte, né?” disse o presidente em frente ao Palácio da Alvorada, a residência oficial da Presidência.

Nesta quinta-feira, a coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo, revelou que o presidente tem dito a parlamentares que tem informações de inteligência de que Rodrigo Maia (DEM-RJ), o governador João Doria (PSDB-SP) e um setor do STF estão tramando um plano para tirá-lo do governo. A coluna não afirmou que Bolsonaro de fato possui esses dados.

A Secretaria de Comunicação do Palácio do Planalto afirmou nesta sexta-feira que não há dossiê nem análise nem conclusão sobre a existência de conspirações em andamento contra Jair Bolsonaro, segundo a própria Folha.

“Não é verdadeira a informação veiculada hoje na coluna Painel da Folha de S.Paulo de que o presidente da República, Jair Bolsonaro, disporia de um dossiê da inteligência do governo sobre uma suposta conspiração contra sua gestão. Trata-se mais de uma desinformação, de uma fakenews que tem o objetivo de criar clima hostil e de desconfiança no relacionamento do Executivo com os demais Poderes da República e seus representantes”, escreveu a Secom.

 

Leia Também
O desastre brasileiro nada casual no aniversário de quatro anos do golpe, por Álvaro Miranda
Na grande mídia, 72% das referências ao Governo Bolsonaro são negativas
Pode faltar profissionais da saúde se descaso do governo continuar, aponta estudo

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora