Comissão convoca Braga Netto para explicar suposta ameaça às eleições

A convocação de Braga Netto teve 15 votos a favor, contra 7. De acordo com o colegiado, o ministro deve ser ouvido no dia 17

Foto: Alan Santos/PR

Jornal GGN – A Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados decidiu nesta terça-feira, 3, convocar o ministro da Defesa de Jair Bolsonaro, general Walter Braga Netto, para prestar esclarecimentos sobre suas supostas ameaças às eleições de 2022.

O requerimento tem como base uma reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, publicada no último dia 22. O texto apontou que Braga Netto teria ameaçado o cancelamento do pleito previsto para o ano que vem, caso o voto impresso não fosse aprovado no Congresso. O recado teria sido enviado por interlocutores ao presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL). 

O ministro negou as acusações, mas vale ressaltar que Jair Bolsonaro (sem partido) vem defendendo o voto impresso e ameaçando as próprias eleições caso o sistema de urna eletrônica continue. 

A convocação de Braga Netto foi um pedido do deputado Rogério Correia (PT-MG) e teve 15 votos a favor, contra 7 na comissão. De acordo com o colegiado, o ministro deve ser ouvido no dia 17 de agosto.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome