Pesquisa Datafolha: “novidades envelhecidas” que até o mundo mineral já sabia

 
Dilma 41%, Serra 33%…Enfim o Datafolha se arrisca a mostrar, bem de perto, o tamanho da boca do jacaré…

O Datafolha confirma vantagem de Dilma e abre novamente a boca de jacaré, que cada vez mais se parece com uma boca de hipopótamo!
O resultado entra em linha de acerto com os demais institutos de pesquisas, com certo atraso e, porque não dizer, teimosia insana do pessoal da Folha de São Paulo e seus sócios tucanos paulistas em manter Serra à frente…
Outra questão interessante a questionar é: qual terá sido o “fenômeno” social, político ou econômico, ou quem sabe todos eles juntos que explique, segundo a metodologia do Datafolha, uma virada de 9 pontos?
Afinal Dilma cresceu 3 pontos e Serra caiu 6 e aparece com reais possibilidades de liquidar a elição no primeiro turno.

O que pode ser explorado desse resultado?
Creio que não muito além dos discursos confiantes de quem se consolida com vantagem ou do falso otimismo de quem se distancia da liderança.
Fica claro é que o Datafolha e os patrocinadores de suas pesquisas eleitorais, apostaram alto em resultados artificiais, inflados para manter seu candidato à frente até o início da campanha na TV, buscando, quem sabe, influenciar o eleitor ao tentar criar um falso clima de disputa acirrada, nos pontinhos percentuais.
Mas precisavam combinar com o Vox populi, CNT-Sensus e até com o Ibope.
Ou seja: os números de hoje do Datafolha são “novidades envelhecidas” divulgadas pelo casal JN, apenas um retrato atualizado e que até o mundo mineral já tinha conhecimento.

Leia Mais>>>

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome