O julgamento de Chirac poderá ser adiado

Julgamento de Jacques Chirac poderá ser adiado

A primeira audiência do julgamento do ex-presidente francês, Jacques Chirac, decorreu esta segunda-feira, em Paris.
Mas o julgamento poderá ainda vir a ser adiado. Só esta terça-feira, o tribunal vai decidir se dá provimento ao pedido de um dos arguídos de pedir ao conselho constitucional que se pronuncie sobre a prescrição dos factos.
Face à dúvida sobre o adiamento do processo, Jacques Chirac não deverá estar presente na sessão de terça-feira, contrariamente ao que tinha sido anunciado pela defesa.

Tribunal de Paris suspende julgamento de Jacques Chirac
Juiz atende apelo da defesa e deve anunciar nesta terça-feira se acata o recurso; ex-presidente francês é acusado de criar empregos fantasmas
EFE
PARIS – O Tribunal Correcional de Paris suspendeu nesta segunda-feira, 7, o julgamento do ex-presidente francês Jacques Chirac. Se confirmada a ação de constitucionalidade alegada pela defesa, o julgamento corre o risco de ser suspenso por meses.
Nesta segunda, o juiz Dominique Pauthe atendeu ao apelo da defesa de que o julgamento de duas investigações distintas, de Chirac e de outros nove acusados, não atenderia critérios constitucionais. Nesta terça-feira, 8, o juiz deve anunciar se acata o recurso. Nesse caso, o processo pode ser encaminhado à instância superior.
É a primeiva vez que um ex-chefe de estado vai a julgamento no país. Chirac é acusado de ter criado empregos fantasmas, entre 1992 e 1995, quando foi prefeito de Paris, para arrecadar dinheiro para seu partido. Em 1995, ele assumiu a presidência da França. Chirac não compareceu ao tribunal.

http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,tribunal-de-paris-suspe…

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome