Lula e FHC assinam nota em apoio a Argentina contra investidas de Guedes no Mercosul

Guedes propôs reduções tarifárias unilaterais no Mercosul. Segundo argentinos, tal mudança colocaria em risco a indústria do país

Foto: Ricardo Stuckert

Jornal GGN – Os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva são autores de uma nota conjunta que presta apoio ao presidente da Argentina, Alberto Fernández, contra a posição do ministro da Economia de Bolsonaro, Paulo Guedes, que pode reduções tarifárias unilaterais no Mercosul, que podem prejudicar o país. 

De acordo com a coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, os argentinos alertam que as mudanças propostas pelo governo brasileiro colocariam em risco a indústria do país e defendem, portanto, percentuais menores de reajuste, que incidam principalmente em bens intermediários.

Em documento, Lula e FHC afirmam que este não é o momento para tais reduções e ressaltam que é preciso manter a “integridade do bloco” com o objetivo no desenvolvimento industrial e econômico conjunto da América Latina.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome