Ministro do Meio Ambiente vai chefiar delegação para COP 26

Com anúncio, vice-presidente Hamilton Mourão fica fora da comitiva; encontro será realizado nas duas primeiras semanas de novembro

Presidente da República, Jair Bolsonaro e o Vice-Presidente Hamilton Mourão. Foto: Alan Santos/PR

Jornal GGN – O presidente Jair Bolsonaro deixou o vice Hamilton Mourão de lado e preferiu convocar o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, para chefiar a delegação brasileira que será enviada à Cúpula do Clima (COP 26) das Nações Unidas, em Glasgow, na Escócia.

“Eu vou ser o chefe da comitiva, como todo ano foi, junto ao Itamaraty nas negociações”, disse o ministro, segundo o jornal O Estado de S.Paulo. A decisão do presidente confirma o desprestígio de Mourão, que havia solicitado a Bolsonaro para ser o representante máximo do país na conferência.

Hamilton Mourão é o atual presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal, que monitora dados do bioma e coordena ações de combate a incêndio e atividades ilegais. Quando necessário, o vice-presidente também responde pelo gerenciamento das atividades de órgãos civis ligados ao Meio Ambiente e militares das Forças Armadas.

Clique aqui e colabore com o jornalismo independente do GGN

Diplomatas ouvidos pelo jornal dizem que Mourão daria mais peso político à comitiva. Segundo auxiliares do vice-presidente, o próprio Bolsonaro cogitou assumir a chefia da comitiva, o que levou até a equipe de segurança instituição a uma viagem precursora, mas mudou de ideia.

O ministro das Relações Exteriores, Carlos França, também não irá. De acordo com diplomatas, ambos devem estar presentes na reunião do G20, programada para ocorrer na Itália, e irão emendar viagens na Europa e no Oriente Médio.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome