O fim do trio de Luises do Supremo, os sobrinhos do Capitão, por Luis Nassif

Personagens dos mais antigos das histórias em quadrinho, os sobrinhos do Capitão atravessaram gerações com suas peraltices.

O caminho do Capitão brasileiro foi aplainado por três sobrinhos, os três Luíses. Luis Fux seguia Luis Barroso que era aliado de Luis Fachin. Agindo em conjunto, os 4 Luíses perpetraram peraltices clássicas. Fizeram xixi nos pés da Constituição, montaram bullying contra a democracia, enganaram o povo, dizendo que a destruição das instituições faria desabrochar um novo mundo iluminista, e condenaram, condenaram, condenaram de forma arrasadora tudo o que passasse à sua frente.

Dois deles se mantiveram fiéis às suas convicções pré-STF.  Advogado de grandes corporações, o sobrinho Luis Barroso continuou em sua defesa ajudando a desmontar todas as redes de proteção social e permitindo que estatais fossem depenadas de suas subsidiárias. Ligado aos grandes grupos políticos e jurídicos do Rio de Janeiro, Luis Fux se manteve firme em sua trajetória. E ampliou o escopo colocando-se a serviço do setor financeiro em palestras pagas.

O único que mudou foi Fachin. Fez fama defendendo movimentos sociais. Indicado para o STF, mudou tanto a ponto de tornar-se adjetivo: para queimar a candidatura de André Mendonça ao Supremo, línguas viperinas da instituição espalham que ele será o Fachin de Bolsonaro.

Ontem, veio a prova do pudim: a delação de Sérgio Cabral. Ela pega amigos e aliados de Fux, como Luiz Zveiter e a própria esposa de Cabral, grande madrinha de sua indicação para o Supremo.

Aí, desfaz-se a magia dos três sobrinhos do Capitão. Barroso fica a favor a aceitação das delação;  Fux vota contra a aceitação da delação. Ainda grogue depois de ter autorizado as investigações da Polícia Federal e recebendo a pecha de traidor, Fachin troca a bata de vingador pela bata puída do garantiste que ele um dia.

Do alto do Supremo, 4 séculos contemplarão as trapalhadas dos três Luises, enquanto na planície acumulam-se os mortos pela ação do Capitão colocado no poder por eles.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome