Home Destaque Secundário Ramagem, da Abin, diz que passeio de moto de Bolsonaro foi “memorável”

Ramagem, da Abin, diz que passeio de moto de Bolsonaro foi “memorável”

Ramagem, da Abin, diz que passeio de moto de Bolsonaro foi “memorável”
Presidente Jair Bolsonaro durante passeio de moto pelas ruas de Brasília no Dia das Mães (09/05). Foto: Marcos Corrêa/PR

Jornal GGN – Alexandre Ramagem, diretor-geral da Abin (Agência Brasileira de Inteligência), afirmou que o passeio de moto do presidente Jair Bolsonaro foi “memorável”.

Ramagem é personagem de confiança do mandatário, ligado aos filhos do presidente, e foi pivô da tentativa do presidente Jair Bolsonaro de trazê-lo para o comando da Polícia Federal, no ano passado, como forma de controlar as investigações contra a família Bolsonaro.

O chefe do serviço de inteligência postou imagens do evento deste domingo (23), que chocou pela falta de distanciamento social, aglomerações, o não uso de máscatas e tumultos provocados pelo presidente em meio à pandemia de Covid-19.

“Trabalho realizado com excelência pelas forças de segurança. Parabéns, Rio de Janeiro! Evento memorável ! @jairbolsonaro”, comemorou Ramagem, nas redes sociais:

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

2 COMMENTS

  1. A taxa de óbitos de bolsominions x anti bolsominions estava em 3×1. Dias deste, no MS,li em reportagem que a taxa de contágio nas cidades que votaram maciçamente em bozo chega a 7 x 1 que municípios anti bozo. Se eles querem morrer, quem sou eu para contrariar?

  2. Parabéns Rio de Janeiro? Tá de sacanagem né?
    Tá morrendo gente aqui de todo jeito, ou na mão do virus, ou na mão da milícia, ou da bandidagem desorganizada ou da polícia.
    Mas a maior parte ficou em casa, se cuidando para tirar estas excrescências que arrasaram o país.
    Agora, memorável mesmo foi o esporro q bozo e trupe devem ter levado no Equador. Imagino que devem ter falado pro bando “Ô sujeito, aqui é Equador, não é aquela zona lá não. Bota a Porra da máscara.”

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

GGN
Sair da versão mobile