São Paulo anuncia quarentena para Natal e Ano Novo

Quarentena valerá em todo o estado de São Paulo entre os dias 25 a 27 de dezembro e 01 e 03 de janeiro. Nos demais dias, mantém a Fase Amarela, exceto Presidente Prudente que recuou para Fase Vermelha.

Jornal GGN – São Paulo anuncia uma Operação de fim de ano, com o aumento das medidas restritivas em todo o estado, com a aplicação de quarentena entre os dias 25 a 27 de dezembro e 01 e 03 de janeiro, período em que funcionarão somente os serviços essenciais.

Além disso, a partir desta semana, a região de Presidente Prudente sofreu uma reclassificação para a Fase Vermelha. A justificativa para a mudança de restrições em Presidente Prudente foi o aumento da ocupação de leitos por Covid-19, que atingiu 83% de sua capacidade.

O restante do estado, até o dia 24 de dezembro, dos dias 28 e 31 de dezembro e entre os dias 04 ao 07 de janeiro, mantém a Fase Amarela.

Ainda, no anúncio feito pelas Secretarias do governo de João Doria (PSDB), durante todo o mês de janeiro, não haverá o retorno à Fase Verde, ou seja, o estado estará em estado de atenção, com alguns serviços proibidos e outros permitidos, dependendo da fase que será anunciada.

Atualmente, a Fase 3 Amarela permite o funcionamento de comércio, shoppings, restaurantes, entre outros, mas com a restrição e limite de pessoas dentro dos estabelecimentos, horários reduzidos, etc.

Já a Fase 1 Vermelha proíbe o funcionamento de estabelecimentos comerciais, shoppings, restaurantes, eventos, atividades culturais, etc. Os serviços essenciais que estão permitidos são alimentação, abastecimento, saúde, bancos, limpeza e segurança.

Essa é a fase que voltou a assumir a região de Presidente Prudente. E para as demais regiões, essa é a fase que valerá também para o período especial de Natal e Ano Novo.

“Eu gostaría muito de estar aqui dizendo que vamos poder celebrar, de uma forma livre, com as nossas famílias, nas ruas, em aglomerações, mas essa não é a realidade. O coronavírus não vai embora no Natal”, disse a Secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen.

“Infelizmente esse ano, no Natal e Ano Novo, não estamos em período de festas”, completou.

“Se nós mantermos o comércio funcionando normalmente, se mantivermos os shoppings funcionando normalmente, estaríamos sinalizando à população que estamos em uma situação que podemos sair”, disse o coordenador do Centro Estadual de Contingência Covid-19, João Gabbardo.

O governo de São Paulo anunciou, ainda, que a próxima reclassificação ocorrerá no dia 7 de janeiro. Ou seja, as possíveis mudanças de fase para o estado serão anunciadas nesta data, um dia após a reunião agendada entre a equipe do governo de São Paulo e os novos prefeitos que assumirão os municípios do estado.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

6 comentários

  1. Pra mim isso é inócuo. Os dias elencados tem pouco efeito pra intenção de baixar os índices. Se fossem serios mesmo e com as devidas consequências decretariam lockdown de 23/12 a 3/1 mas o interesse comercial fala sempre alto e por último. Enfim, vai enxugar gelo.

  2. Enquanto isto mais um ÕNIBUS se acidenta nas ESTRADAS DAS PRIVATARIAS TUCANAS de Pista Simples, sem acostamentos, traçados sinuosos, matando 7 Pessoas que se tornarão 15 ou 20, já que socorreram uns 15 cadáveres para salva-los das Manchetes dos Jornais. Depois de amanhã a verdade é restabelecida. Mas com FAIXA CONTÍNUA por toda extensão para livrar a responsabilidade de Governo Canalha do Tucanato de Dóriia ou alguma Concessionária que ganhou o presente de PEDÁGIOS EXTORSIVOS com prazo para Obras que sabe lá quando precisam ser feitas. Mais uma SP, como SP 270 RAPOSO TAVARES ESTRADA DA MORTE. Este Acidente na SP 425 Assis Chateaubriand. Quantos foram os mortes de duas semanas atrás em alguma SP de Privatarias e Pedágios extorsivos de pista simples e faixa contínua por toda extensão? 25 ou 30? O que importa? Rodapé dos Noticiários da parte da manhã para ser “desaparecidos” já na parte da tarde. Fora os mesmos acontecimentos no PR, RS ou MG. O importante neste momento é não tirar a Covid dos Noticiários. Sabemos. Parceria Prefeitos e Governadores com a maior Fábrica de FAKE NEWS do planeta. A grande Imprensa Brasileira !! O que importa estas arapucas que chamam de Estradas ou suas Dezenas de Mortos. Importante é bater na Presidência para voltar tudo ao ‘normal’. Pobre país rico. Mas de muito fácil explicação.

    • 90 anos de Estado Ditatorial Caudilhista Absolutista Assassino Esquerdopata Fascista. Agora estes Governos não tentam nem disfarçar a mão pesado da arbitrariedade e ditadura. OAB se cala e se esconde numa cumplicidade já secular. Afinal tudo precisa voltar ao “normal” em farsante Redemocracia. Sabemos. A Verdade é libertadora.

  3. Grande ideia, governador. Vou comemorar nos bares com aglomeração e sem fiscalização!
    Ah, também vou comemorar pensando no prefeito de São Paulo.
    Que declarou ter contratado fiscais para ampliar a fiscalização…

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome