Coronavírus: 38% das vítimas fatais em 2021 sequer chegaram à UTI

Levantamento elaborado com dados do Ministério da Saúde mostra que 28 mil pacientes morreram sem receber tratamento intensivo

Reprodução

Jornal GGN – Mais de 28 mil brasileiros morreram de covid-19 em 2021 sem sequer conseguir a chance de um tratamento intensivo: os pacientes que perderam a vida sem passar por uma UTI neste ano chegam a 38% dos registros, mas o percentual atinge 40% quando a análise considera o período entre 14 e 20 de março.

Segundo análise do jornal O Globo, são quatro em cada dez das 73.105 mortes por Covid no ano na base do Sivep-Gripe, sistema usado pelo Ministério da Saúde para monitorar as internações nas redes pública e privada.

Os dados consideram pacientes classificados como de covid-19 e aqueles diagnosticados com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) não específica, mas que apresentam sinais comuns à covid-19, como febre acompanhada de tosse, dor de garganta, desconforto respiratório e falta de ar, entre outros sintomas.

Os pacientes que morreram sem passar pela UTI passou de 50% no período entre meados de janeiro a meados de fevereiro deste ano, quando os sistemas de saúde da região Norte entraram em colapso, a proporção de pacientes que morreram sem passar pela UTI passou de 50% – o percentual chegou a 60% no Amazonas, Roraima e Acre.

Os percentuais mais elevados atualmente estão sendo vistos no Sul: o patamar não baixa de 53% em Santa Catarina há quatro semanas, e o percentual no Rio Grande do Sul passou de 50% no início de março. No Sudeste, o Rio de Janeiro tem 35%, e São Paulo, 41% de mortes entre pacientes com Covid fora da UTI.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora