Coronavírus: China inicia testes clínicos com duas vacinas

Medicamentos foram desenvolvidos com o vírus desativado, e são o primeiro lote de remédios com aprovação para tais testes

Foto: Reprodução

Jornal GGN – A China aprovou duas vacinas com o vírus da Covid-19 desativado para que testes clínicos sejam feitos, segundo anúncio feito pelo mecanismo de prevenção e controle do Conselho de Estado contra o coronavírus.

Segundo informações da agência Xinhua News, os medicamentos foram desenvolvidos pelo Instituto Wuhan de Produtos Biológicos sob o Grupo Farmacêutico Nacional da China (Sinopharm) e pela Sinovac Research and Development Co., Ltd, uma empresa sediada em Pequim.

As vacinas são o primeiro lote de medicamentos inativos da China que obtiveram aprovação para testes clínicos. Ao usar microorganismos patogênicos mortos como forma de melhorar a imunogenicidade, tais medicamentos apresentam vantagens como um processo maduro de produção, padrões de qualidade controláveis, uso para vacinação em larga escala e avaliação por padrões internacionais.

O uso de vacinas inativas tem sido adotado para o combate a doenças como influenza, hepatite A, febre aftosa e poliomielite.

Leia Também
Testes para COVID-19: PCR, sorologia, e o que isso pode impactar nossas vidas, por Bernardo Carvalho e Maurício Luz
Coronavírus: Mais de 1,92 milhão de casos confirmados no mundo

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora