Gilmar Mendes critica estratégia do governo de atraso em boletins da covid-19

Não há uma razão externada para o atraso das divulgações. Mas o Correio Braziliense apurou que a grande razão é não dar munição aos telejornais noturnos, que apresentam audiência maior.

Jornal GGN – Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal, disse hoje, dia 5, que a divulgação de dados sobre a pandemia de coronavírus no país é questão de saúde pública. O ministro criticou a estratégia do governo Bolsonaro de atrasar a publicação dos dados em suas redes sociais.

O feito do governo Bolsonaro foi denunciado hoje pelo jornal Correio Braziliense. A partir desta quinta, dia 4, o balanço sobre a pandemia será publicado às 22h, e não mais às 19h, como ocorria até então. “Na pandemia, a divulgação de dados oficiais envolve, além do dever de prestar contas, uma questão de saúde pública”, escreveu Gilmar.

O ministro continuou suas críticas afirmando que as informações devem estar disponíveis aos veículos de comunicação de forma ordenada, para auxiliar no combate à pandemia. Disse que tais dados são fundamentais e devem estar abertos ao público, aos gestores e à imprensa, de forma consistente e ordenada.

Não há uma razão externada para o atraso das divulgações. Mas o jornal apurou que a grande razão é não dar munição aos telejornais noturnos, que apresentam audiência maior.

E não só os telejornais são prejudicados. Os jornais impressos também são prejudicados e as rádios que lidam somente com notícias não têm jornais ao vivo neste horário.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora