OMS luta contra notícias falsas e ‘perigosas’ sobre coronavírus

Informações pouco claras e enganosas podem "comprometer a confiança" nas autoridades de saúde, disse a agência da ONU.

Jornal GGN – A Organização Mundial da Saúde afirma que reunirá cientistas de várias áreas para combater a crescente desinformação sobre o Covid-19 que está colocando vidas em risco.

Pesquisadores de disciplinas que vão de matemática a TI, sociologia, psicologia, saúde e comunicação devem fazer parte do projeto da OMS. A colaboração se concentrará em um novo campo de pesquisa, que a OMS chamou de “infodemiologia”.

Informações pouco claras e enganosas podem “comprometer a confiança” nas autoridades de saúde, disse a agência da ONU.

“O aspecto mais prejudicial do infodêmico tem sido informações falsas e enganosas de atores que não são da área da saúde. Isso levou à partilha de reivindicações perigosas e não comprovadas”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora