“A hora da divisão já passou”, diz Temer, elogiando Bolsonaro em discurso

“Torço pelo sucesso do novo presidente da República. Quero que o Brasil cresça e avance ainda mais do que no período em que estive à frente da administração federal”
 

Foto: Alan Santos/PR
 
Jornal GGN – No pronunciamento para o Dia da República, na noite de ontem (15), o presidente Michel Temer disse que a “hora da divisão já passou”, com o fim das eleições, desejou sucesso a Jair Bolsonaro e disse que estamos em um momento da “força e a estabilidade” no Brasil.
 
“Vivemos um dos mais longos ciclos democráticos de nossa história que, na verdade, sempre foi repleta de interrupções na normalidade institucional. Nossa Constituição comemorou 30 anos em outubro, provando a vitalidade de nossas instituições. Agora, a missão é manter o país unido e pacificado”, destacou.
 
O pronunciamento em rede nacional foi feito em comemoração ao 129 anos do Dia da República, neste 15 de novembro. Sobre isso, Temer disse que este ano é especial “porque nossa democracia se manifestou, com vigor extraordinário”, ao fazer referência às eleições deste ano.
 
E tratou de elogiar Jair Bolsonaro, futuro presidente, dizendo que a transição de governo “é das mais civilizadas e cordiais”. “Torço pelo sucesso do novo presidente da República. Quero que o Brasil cresça e avance ainda mais do que no período em que estive à frente da administração federal”, disse.
 
Durante a fala, Temer disse que abriu “todas as informações à equipe do presidente eleito, para que possam tomar ciência da real situação do governo em todos os campos”, destacando o papel de sua equipe de gestão nesta passagem da faixa presidencial.
 
E insistiu na imagem positiva frente ao futuro governo: “Trabalharei todos os dias para deixar a casa em ordem e tudo preparado para fazer ainda mais. Afinal, o sucesso do presidente Jair Bolsonaro será o sucesso de todo nosso país.”
 
E aproveitou para fazer uma auto-defesa, dizendo que entregou o país melhor do que recebeu: “[Membros do governo Bolsonaro] encontrarão as finanças em ordem, a inflação sob controle, as contas públicas organizadas, as exportações crescendo, obras sendo concluídas, gestão aprimorada, agricultura batendo recordes de produção. (…) É um Brasil completamente diferente daquele que recebi.”
 
“Insisto na nossa união para construirmos um futuro melhor. A hora da divisão já passou. Agora somos um só país, uma só nação, um só Brasil”, concluiu. Acompanhe, abaixo:
 
https://www.youtube.com/watch?v=GEd8aAyLyGg width:700 height:394
 
 

 

2 comentários

  1. Claro que não….
    Já viram
    Claro que não….

    Já viram lojistas desunidos? São unha e carne, principalmente na benemerência…….

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome