Perfil “Dilma Bolada” revela assédio para “mudar de time”

Atualizado em 21/05/2014 com resposta de Pedro Guadalupe

Por Michel

Para quem esperava uma campanha eleitoral mais “light” em 2014 (em comparação com a barra-pesada de 2010), é bom se preparar para o pior. Um bom indício do nível que teremos pela frente pode ser observado no texto que Jefferson Monteiro, criador do perfil “Dilma Bolada”, publicou no Facebook. Pois uma pessoa que se identificou como representante de uma “agência de propaganda” teria se aproximado de Jefferson e feito uma proposta para que este “vendesse” seu perfil, ou seja, trabalhar para outra campanha. Segundo o tal representante, a agência teria oferecido sem sucesso o trabalho para o PSB e o PT – “sobrando’ assim o PSDB, que teria topado a proposta. A fim de conferir até onde iria aquele jogo, Jefferson fingiu que estava interessado. Daí o “marketeiro” pôs o “Dilma Bolada” em contato com Pedro Gauadalupe, recrutado pelo PSDB para cuidar da campanha digital de Aécio Neves. Foi o mesmo Guadalupe que, no ano passado, teria, segundo Jefferson Monteiro, ameaçado tomar-lhe o perfil “Dilma Bolada” caso este não aceitasse aderir à campanha do candidato dele, Guadalupe. Segue abaixo, na íntegra, o texto de Jefferson Monteiro (clique AQUI para o post no Facebook).

“Pois bem, como todos sabem há 4 anos eu criei a Dilma Bolada. Desde então minha vida mudou muito devido a isso. Conheci diversas pessoas, lugares e aprendi um monte de coisa. A minha personagem trouxe uma releitura da vida cotidiana da mulher que governa o nosso país, o tom pessoal sempre foi o mesmo, a exaltação e exacerbação da figura de poder de Dilma. Dilma essa que eu sempre admirei, ainda quando Ministra do Presidente Lula, e que resolvi lá em 2010 criar uma conta fake para assegurar o nome de usuário para que terceiro não o usassem de má fé. Bem, o resto dessa história vocês já sabem.

Tudo ocorrera muito bem até que a repercussão e a influência da Dilma Bolada começou a ganhar destaque na mídia de uma forma geral. Isso acabou atraindo a atenção de pessoas que não simpatizavam com a Dilma verdadeira, a Presidenta. Em meados do ano passado, eu tive um sério problema com uma pessoa chamada Pedro Guadalupe(que hoje trabalha para o PSDB). Pra quem não sabe, Guadalupe é um auto-intitulado “marketeiro digital” que atua em Minas Gerais(mas na verdade a especialidade dele é mesmo comprar uns bots, inflar páginas, spam, umas montagens ~engraçadas~ toscas tudo com o engajamento tendendo a zero). Ele já trabalhou para o PT e agora está com o PSDB. Pois bem, ano passado esse mesmo Pedro Guadalupe criou uma página também chamada “Dilma Bolada” e ameaçou dizendo que caso eu não me juntasse a ele e apoiasse quem ele apoiava, ele iria tomar o nome “Dilma Bolada” de mim e derrubar a minha solicitação de registro no Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI), ele não apenas me mandou mensagens dizendo como expôs isso no Twitter onde todos puderam ver o caráter do sujeito. Eu, obviamente, ignorei e tudo que ele falara foi de fato um blefe.

Dito isto, vamos aos fatos:

Há algumas semanas uma agência de publicidade entrou em contato comigo para conversar. Eu naturalmente aceitei porque é normal as agências procurarem blogueiros e influenciadores para parcerias, eventos, etc. Então, um dos diretores então marcou uma reunião por videconferência e me explicou do que se tratava: a agência que administra diversas páginas aqui no Facebook disse que estava interessada em me convidar para o “casting” deles pois viam em mim um “potencial muito grande”. Primeiramente eles quiseram saber se eu estava coordenando ou tinha algum contato com a direção do PT, ao negar eles foram direto ao assunto: a agência tinha um plano de venda de apoio político das suas páginas para as Eleições Presidenciais deste ano. Ou seja, diversas páginas que todos curtem, gostam e recebem conteúdo diários, iriam fazer campanha eleitoral para o candidato que fechasse um contrato milionário com eles e iria assim difamar os opositores, praticamente um “mensalet”. Na hora que ele me disse isso, eu fiquei meio que sem reação. A naturalidade com que tudo era dito, era realmente inacreditável. Quando eu pedi para que me fosse detalhado o plano, ele me adiantou que já havia tentado fazer acordou ou reunião com a Equipe do PSB(Eduardo Campos) e PT(Dilma Rousseff) mas que não obtivera sucesso. Contudo, ele afirmou que o PSDB de Aécio Neves ficou muito interessado na transição e que havia chances de fecharem com eles. Eu concordei e disse que era bem o estilo tucano de ser e que provavelmente obteriam sucesso nas negociações.

Ao fim da conversa, ele perguntou se eu toparia fazer parte dos “talentos” dele para que fosse feita a negociação com a turma do PSDB. Para a supresa dele eu aceitei. Por sua reação ele provavelmente deu pulos de alegria. Ele não estava acreditando que já tinha o maior trunfo nas mãos: eu, com a Dilma Bolada, para o ninho tucano. (HAHAHA – SABE DE NADA INOCENTE!)

Aos finalmentes: uns dias depois, o cara me retorna o contato dizendo que falou com o Pedro Guadalupe, membro da equipe digital de Aécio Neves, que por sua vez queria falar comigo. Nem deu tempo d’eu responder: o próprio Pedro Guadalupe me enviou um e-mail ansioso se fazendo de amigo, no melhor estilo “lobo em pele de cordeiro” num cinismo sem igual e como se nunca tivesse feito nada pra mim, querendo saber se era mesmo verdade que Dilma Bolada, estava a venda para aproveitar a personagem e usar o seu “capital político/poder para mudar opiniões” dos internautas. Confirmei que eu tinha falado com a Agência e que tudo deveria ser tratado por via dela. A tal agência, por sua vez, disse que eles queriam que eu assinasse um CONTRATO DE EXCLUSIVIDADE para garantir uma amarra da Dilma Bolada a eles e que pudessem efetuar a transação com os tucanos. Eu, é claro, não assinei coisa alguma. Fui em frente, levando a coisa só pra saber até onde ia a cara de pau. Informei que só assinaria após que estivesse tudo acertado e depois que falassem de como seria de fato o tal esquema. Diante disso, na semana passada, a Agência combinou com Pedro Guadalupe uma reunião com os dirigentes responsáveis pelo veredicto final…

Pra mim foi o bastante. Eu, como vocês podem ver, não esperei o tal veredicto. Resolvi expor tudo isso aqui porque eu há mais de 1 ano venho sido constantemente atacado por pessoas dessa corja. Sujos e cínicos que têm a capacidade de inventarem mentiras absurdas que vão desde histórias de que mantenho “ligação direta com a Presidenta” até “de sou pago com o dinheiro público e recebo R$120 mil/mês” como foi dito recentemente num blog de simpatizantes tucanos. Não Pedro Guadalupe, eu não quero o dinheiro sujo de vocês. Diferentemente de você eu tenho caráter. Mas é esse o tipo de gente, que Aécio que diz com a maior cara de pau do mundo que “não vai tolerar campanha suja na internet” mantém na equipe, em contato constante com sua irmã, fazendo o possível e impossível para atacar a honra das pessoas e espalhar todo esse chorume de desinformação na internet. É lamentável que tenhamos chegado a um ponto tão baixo.

Por fim, eu queria dizer que nem todo mundo tem seu preço. E que eu e nem a minha criação estão a venda, nunca estiveram. Eu esperei ansiosamente pra escrever isso: vocês podem comprar quem quiserem mas a mim não. O que eu faço não há dinheiro no mundo que pague. Vocês deveriam ter sido um pouquinho mais espertos e terem tido o feeling pra saber que eu não sou e nunca vou ser como vocês. Lealdade não se compra e nem se vende.

RALA TUCANADA!”

 

RESPOSTA DE PEDRO GUADALUPE, PUBLICADA EM COMENTÁRIO A ESTE POST

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A respeito de notícias que circulam nos meios eletrônicos e na imprensa envolvendo o meu nome em negociações para contratação de Jeferson Monteiro, criador de perfis fakes da presidente Dilma Rousseff nas redes sociais, tenho a esclarecer o seguinte:

1 – Não tenho contrato com o PSDB nem nunca tive. Já trabalhei com o PP, que é um partido da base governista aliada em Minas Gerais.

2 – É publico que desejo participar da campanha eleitoral de 2014 com o PSDB.

3 – Em momento algum tive qualquer tipo de iniciativa de procurar a “Dilma Bolada” (Jeferson Monteiro) ou pessoas ligadas a ele para tentar fazer qualquer tipo de acordo comercial.

4 – Em 29 de abril de 2014, recebi da empresa denominada AMA, que representa personalidades e canais na internet, a informação de que a “Dilma Bolada” participava de seu casting e fui indagado se tinha interesse em contratá-la. Embora não estivesse disposto a negociar a contratação da personagem, achei tão estranha oferta, que decidi apurar – mesmo sem ter comunicado essa decisão ao PSDB – se era verdade que um dos principais rostos do PT na internet estava realmente disposto a abandonar o partido.

5 – Em 9 de maio, enviei um e-mail a Jeferson Monteiro e recebi como resposta a confirmação de que ele estava aberto a negociações. Nesse episódio, eu tive sorte, mas fui ingênuo. Sem saber o que fazer com a informação de que a “Dilma Bolada” estava à venda, encaminhei os emails que comprovam a negociação ao jornal “Folha de S. Paulo”, às 18h30 de 19/05/2014. Essa foi a minha sorte, pois demonstra que a iniciativa de divulgar o diálogo foi minha. Cometi, no entanto um ato de ingenuidade: antes de enviar as informações à “Folha de S. Paulo”, avisei a alguns amigos que trabalham com o PT que estava com esse material e avaliava a publicação de uma matéria a respeito. Creio que essas pessoas alertaram Jeferson Monteiro, que antecipou a sua versão dos fatos. Basta, no entanto, ler os tópicos do diálogo para constatar a realidade dos fatos. Fica no ar a indagação: como o diálogo foi travado em 9 de maio, por que ele esperou até ontem (19) para divulgar a sua versão? Não pode ser apenas coincidência o fato de Jeferson Monteiro ter decidido se manifestar justamente no momento em que a “Folha de S. Paulo” recebeu as informações.

 

Belo Horizonte, 20 de maio de 2014
Pedro Guadalupe Lins Brandão

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

44 comentários

  1. Puuuutz isso é exatamente

    Puuuutz isso é exatamente aquela piada: o cara chega no amigo e fala “os cara lá tão agitando pedir uma pizza, tem 10 mango? O amigo dá. Ele chega nos outros e fala “tô com dez mango, bora pedir uma pizza?” Os cara bota 20. Ele vai lá pega os cartõezinhos de troca, pede pra dar um upgrade de 10. Chega a pizza 4 queijos e calabresa especial; ele come de graça e embolsa vintão. “Ô galera, essa calabresa especial aí deu cinco a mais pra mim, quem vai fazer a Coca Pôw?”

    Só que o Jefferson não quis fazer o “ticket da promoção”, aí fulerô o esquema.
     

  2. Chupa que a cana é doce.

    Chupa que a cana é doce. Desmoralizou perante 500 mil seguidores o exército de “militantes” do Arrocho Neves. Não tem preço.

  3. Cara, galerinha burra essa do

    Cara, galerinha burra essa do PSDB… tem zilhões de fazedores de perfir falsos bem construídos, com sacadas inteligentísismas, hilários e os caras vão procurar o fazedor da Dilma Bolada? KKKKKKKKKKKKKKKKKK.

    E ele gravou, filmou, registrou de alguma forma o assédio? Ou fica tudo na minha palavra contra a deles? mais um KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK… sabe de nada, inocente!!!!!

     

  4. Só fico meio triste

    Ao ler : “Ele já trabalhou para o PT e agora está com o PSDB”.

    E deve ser verdade mesmo. O PT tem mostrado que é mais igual aos outros do que gostariam/gostaríamos.

     

  5. Desespero

    Já posso vomitar? 

    Impressionante a campanha “limpa” que o PSDB vai emplacar.

    Parabéns Dilma Bolada. 

    Duas Dilmas é demais pra eles…

  6. Fogueira de ilusão e vaidade

    Acessei diversas vezes o blog Dilma Bolada. Sem dúvida, revela criatividade. É engraçado, tem algumas boas sacadas, mas às vezes resvala no humor pueril, infantiloide. É uma fadiga natural. Bom passatempo.

    Não invejo e nem desdenho da projeção do seu formulador. Entretanto, acho que há um certo exagero dos blogueiros (não só do Dilma Bolada) ao se  imaginarem capazes de influenciar significativamente seus leitores ou eleitores e simpatizantes de uma corrente ou outra. 

    Quem “frequenta” blog tem opinião formada. As pessoas sem discernimento político não leem jornais e nem se interessam pela internet. Não é o Nassif, o Azenha, o PH Amorim ou a turma do 247 que vão convencer alguém a votar na Dilma e muito menos o Reinaldo Azevedo, o Noblat, o Augusto Nunes ou o Rodrigo Constantino vão levar alguem para o colo do Aécio ou Eduardo Campos. O mesmo vale para Folha, Estadão, Globo e Veja. A esquerda nem tem um jornal digno, abrangente. Getúlio Vargas tinha problema semelhante e Samuel Wainer criou o Ultima Hora.

    Estão “falando” para convencidos. Não orientam opiniões. Entramos num ou noutro blog apenas para confirmação de posições assumidas. Uma espécie de automassagem nas convicções. Eleitores mais liberais ou ecumênicos entram em todos os blogues. Ponderam posts e comentários e raramente mudam seu norte.

    Blog é um apenas mais um tipo de negócio. Não há isenção. Há pouca imparcialidade. Os comentaristas (nós) são sempre os mesmos. E não há nada de errado nisso. Posições definidas atraem correligionários que já pensavam do mesmo jeito. Blogueiros que mordem e assopram não prosperam. Essa é a realidade cibernética.

    O sucesso de um ou outro político ou candidato depende de um rebanho diluido e inacessível à lógica. Até porque, no campo político, é preciso um cabedal muito amplo de conhecimentos para concordar, discordar ou mudar de opinião.

    Resumindo: Blogueiros e comentaristas precisam encontrar a formula mágica do convencimento. Existe? 

    • Muito bom, Itamar. Este seu

      Muito bom, Itamar. Este seu texto merecia um post especial. Blogs e mídia viraram redutos de torcidas organizadas com opiniões já cristalizadas. A única diferença é que, no caso do surgimento da blogosfera, ou melhor, da internet e as chamadas “redes sociais”, hoje há contraponto para a “torcida” midiática – que antes imperava sozinha com suas “verdades unilaterais”. Daí o Fla-Flu só funciona para os “neutros” (gente que não torce para este ou aquele partido ou candidato) que têm bom senso; discernimento etc. Estes tendem a “torcer” para a verdade quando, por exemplo, uma matéria é desmentida. Daí a velha mídia não entende por que perde tantos leitores e espectadores.

      • Coxinhas

        Então vamos deixar de frequentar os blogs ou ouvir opuiniões de outros.Por este raciocínio a gente já vem ( de berço) com o voto formado, o resto é blá, blá ,blá…

        Se Freud soubesse desta afirmação de vocês ele não perderia tempo em tentar modificar o imodificável nas pessoas.

        Em verdade a vida seria monótona – tudo já estava previsto e imexível !

        Claro que o fato de ver uma verdade modifica sua opinião consciente. Se o LULA fizer ms injustificáveis e aéticas  à expectativas que depositamos nele, o PT vai perder o meu voto e de de outras trocentas pessoas.

        Este  exposto pelo Itamar é verdade em se tratando dos coxinhas antipetistas que tem um complexo de superioridade imutável e veem o mundo de forma particular,  e  não vai ter blog ou filósofo que consiga minimizar a ruindade raivosa deles – por sinal muito parecida com as mentes coirmãs citadas acima que habitam o PIG.

    • O modus operandi do Aecio é

      O modus operandi do Aecio é idêntico o do Serra, e como dois bicudos não se beijam, vivem às turras, mas são iguais.  Enfim, um Jefferson com caráter. 

      • Coitado do Tancredo 1

        Será que esta ëtica do Aécio foi herdada do avô ?

        Quando o Tancredo morreu foi uma comoção nacional. A música cantada pelo M.Nascimento virou um hino ao momento político – todo um simbolismo de boa aura !

        O restante da família Neves mais ligada ao Tancredo devia chiar desta postura facista raivosa que o cheirador está imprimindo ao nome Neves…..ou era assim e a mídia sempre escondeu ?

        • Tancredo.

          Não tenho conhecimento da época de Tancredo como político. Mas, pessoas próximas que acompanhavam a política nessa época, cansam de afirmar que ele era o chamado ” político que vivia em cima do muro”. Acredito que toda a comoção diante de sua morte, deveu-se ao momento de euforia causada pelo fim da ditadura. Fosse outro o presidente a morrer nesse período, haveria a mesma comoção. 

        • Não tenho conhecimento da

          Não tenho conhecimento da época de Tancredo como político. Mas, pessoas próximas que acompanhavam a política nessa época, cansam de afirmar que ele era o chamado ” político que vivia em cima do muro”. Acredito que toda a comoção diante de sua morte, deveu-se ao momento de euforia causada pelo fim da ditadura. Fosse outro o presidente a morrer nesse período, haveria a mesma comoção. 

  7. A Internet será o melhor

    A Internet será o melhor espaço para essas maracutaias. Em outro site li que o cara levaria quinhentos mil para passar Dilma Bolada para os tucanos. É claro que tinha ua grna boa por trás do negócio. E que negócio mais sujo! Isso prova que a campanha será mais suja e nojenta que a de 2010. 

  8. Esse jovem é muito talentoso,

    Esse jovem é muito talentoso, eu sempre leio os seus textos no face.

    Só espero que ele se mantenha firme diante do assédio $, e não queira mudar de time. Tem que ter muita convicção do que faz, senão …

    Seria uma perda grande para a Dilma, caso ocorra.

     

  9. Olha só como “O Globo” noticiou

    Do site de “O Globo” (argh!):

    Manchete da matéria colocada em relativo destaque na capa do site (maior destaque só para a manchete principal) : “Criador de Dilma Bolada diz ter recebido proposta para fazer campanha”. Texto logo abaixo da manchete: “Segundo Jeferson Monteiro, agência de publicidade ofereceu R$ 500 mil pela marca”. Não informa quem fez a proposta mas fica parecendo que foi o pessoal da DIlma, né? Se quiser saber que foi da tchurma do Aético, digo Aetílico, desculpe, do Aócio, ô meu Deus, não consego acertar, como é mesmo o nome dele?, ah sim, o Ah, é, sim, das Neves!, bem, enfim, se o (e)leitor quiser saber de quem partiu a proposta, terá que clicar na matéria (quer dizer, assim eu suponho, pois não cliquei, me dá um certo nojo mexer em certas coisas, me desculpem).

  10.   Esse tipo de manobra tucana

      Esse tipo de manobra tucana já é velha.

      Quando eu ainda me dava ao trabalho de ler – e escrever – comentários na Folha online, li um – lá por 2010 – que me chamou a atenção.

      Era de um comentarista rotineiro, que quase sempre batia no PT, mas fazia isso por convicção. Pois bem, um belo dia o cara me escreve que gente do PSDB o tinha procurado para pagar por comentários (É ISSO MESMO), mas ele dizia que não precisava disso porque só escrevia o que acreditava.

      Mais ou menos na mesma época o Josias de Sousa, jagunço eletrônico do Serra, publicou lá por 2009 entrevista com um americano expert em marketing, e o cara dizia com todas as letras que o PSDB estava montando um núcleo de informação na internet, para dar ressonância ao partido de uma forma que parecesse “espontânea”. Dois dias depois voltei para copiar a entrevista, e – surpresa! – tinha sumido do blog do Josias. Foi um pouco antes do “ex-Graeff” dar o ar da graça na internet.

      De lá pra cá, como sabemos, não há eleição sem militantes tucanos travestidos de comentaristas. A CCB-PSDB, ou Central de Calúnias e Boatos do PSDB, existe já faz tempo, e não se restringe a dar “likes” no Facebook ou tentar viralizar ridículas “mensagens de eleitor revoltado” (contra o PT, claro).

     

  11. Sobre honestidade e brasilidade

    Parabéns ao Jefferson. Outro dia alguém me disse que todo brasileiro ja tinha sido corrupto passivo ou ativo. Falei: eu não! O sujeito não queria acreditar. A ultima vez que um guarda me parou numa blitz, estava com o carro de minha mãe. Ele me disse que havia um problema com o IPVA. Não entendi porque meus pais nunca atrasam nada, mas ele disse que não constava que havia sido pago. Ai ele ficou me olhando, com cara de quem esperava algo. Cortei logo e disse, “moço, quanto é a multa ?”  Ele foi em direção à corporação, mas ai deu meia-volta e me entregou os documentos e disse que poderia ir embora.Em casa, minha mãe disse que o IPVA estava pago sim, so que o comprovante novo estava atras do antigo comprovante, que foi o que o guarda me mostrou. Ele queria um por fora, como eu disse que pagaria a multa e sabendo que o IPVA estava correto, teve que abrir mão da propina. 

    Agora, sobre a campanha, vai ser duro outra vez. 

  12. Copa de 2014

    Desculpem, sei que será totalmente fora de pauta, mas…

    Segue o link do site da copa do mundo. Tá bem arrumadinho com todas as informações necessárias para orientar todos, turistas nacionais e internacionais.

    http://www.copa2014.gov.br

    Inclusive relaciona os gastos e investimentos.

     

     

  13. a folha sempre superando

    Criador de ‘Dilma Bolada’ diz ter recebido proposta para fazer campanha por R$ 500 mil

    http://oglobo.globo.com/pais/criador-de-dilma-bolada-diz-ter-recebido-proposta-para-fazer-campanha-por-500-mil-12540532#ixzz32HeMfx7e
     

    ***

    Jornal Extra ‏@jornalextra 6 h

    Jeferson Monteiro, autor da página ‘Dilma Bolada’, diz ter sido abordado por agência de marketing ligada ao PSDB: http://glo.bo/1p93tHI

    ***

    Estadao @Estadao  ·  2 h

    Criador do @diImabr diz ter sido convidado para atuar na campanha de Aécio http://oesta.do/1tfJVnq 

     

    ***

    https://twitter.com/folha_com/status/468763619459858432

     

     

  14. NOTA DE ESCLARECIMENTO
    A

    NOTA DE ESCLARECIMENTO

    A respeito de notícias que circulam nos meios eletrônicos e na imprensa envolvendo o meu nome em negociações para contratação de Jeferson Monteiro, criador de perfis fakes da presidente Dilma Rousseff nas redes sociais, tenho a esclarecer o seguinte:

    1 – Não tenho contrato com o PSDB nem nunca tive. Já trabalhei com o PP, que é um partido da base governista aliada em Minas Gerais.

    2 – É publico que desejo participar da campanha eleitoral de 2014 com o PSDB.

    3 – Em momento algum tive qualquer tipo de iniciativa de procurar a “Dilma Bolada” (Jeferson Monteiro) ou pessoas ligadas a ele para tentar fazer qualquer tipo de acordo comercial.

    4 – Em 29 de abril de 2014, recebi da empresa denominada AMA, que representa personalidades e canais na internet, a informação de que a “Dilma Bolada” participava de seu casting e fui indagado se tinha interesse em contratá-la. Embora não estivesse disposto a negociar a contratação da personagem, achei tão estranha oferta, que decidi apurar – mesmo sem ter comunicado essa decisão ao PSDB – se era verdade que um dos principais rostos do PT na internet estava realmente disposto a abandonar o partido.

    5 – Em 9 de maio, enviei um e-mail a Jeferson Monteiro e recebi como resposta a confirmação de que ele estava aberto a negociações. Nesse episódio, eu tive sorte, mas fui ingênuo. Sem saber o que fazer com a informação de que a “Dilma Bolada” estava à venda, encaminhei os emails que comprovam a negociação ao jornal “Folha de S. Paulo”, às 18p0 de 19/05/2014. Essa foi a minha sorte, pois demonstra que a iniciativa de divulgar o diálogo foi minha. Cometi, no entanto um ato de ingenuidade: antes de enviar as informações à “Folha de S. Paulo”, avisei a alguns amigos que trabalham com o PT que estava com esse material e avaliava a publicação de uma matéria a respeito. Creio que essas pessoas alertaram Jeferson Monteiro, que antecipou a sua versão dos fatos. Basta, no entanto, ler os tópicos do diálogo para constatar a realidade dos fatos. Fica no ar a indagação: como o diálogo foi travado em 9 de maio, por que ele esperou até ontem (19) para divulgar a sua versão? Não pode ser apenas coincidência o fato de Jeferson Monteiro ter decidido se manifestar justamente no momento em que a “Folha de S. Paulo” recebeu as informações.

    Belo Horizonte, 20 de maio de 2014
    Pedro Guadalupe Lins Brandão

     

    • puxa vida… que peninha…Não foi dessa vez

      Puxa, Pedro. Que coisa, heim? Um jogada de mestre do Jefferson Bolado, não é?  Passou na frente para não ter a notícia publicada em primeira mão por aquele jornal tão isento e apartidário!

      Agora eu que estou super bolado.

      Liga não.  Fica tristinho, não!  Estamo contigo nessa dor. Vai passar e logo logo aparece outra oportunidade de ouro como essa! 

      Por acaso,  já que estamos nesse tom amigável entre anigos, me conta como é que foi mesmo essa coisa de ele, o Jefferson boladao, também,  além de te dar bolada (ops) nas costas agora, ter tentado roub…digo…surrupi…ops … tomar… eita… digo: como é que foi esse episódio em que ele quis te convencer que o DILMA BOLADA ficaria melhor com ele e não com você que é tão bem intencionado e é o dono por direito …. hum… divino do blog? Jogue no ventilador suas informações bombásticas.  Esse petralha nao pode ficar impune a sustentar essas coisa absurdas!!!!

      Assina:José Classino Mediano Broquinho Bocó 

    • Fiquei até com dó da sua

      Fiquei até com dó da sua ingenuidade. Acreditar em petistas, sendo correligionário do Aécio é muita ingenuidade mesmo. Até a Dilma Bolada conseguiu te passar a perna e você só ia mostrar os emails pra Folha, não era nem pra Veja. Caramba, que gente é esta que te sacaneou? Logo você, tão meigo e crédulo , não merecia isto !

      Falo sério, fiquei com dozinha mesmo. Você não merecia isto.

    • Os profissionais!

      KKKK  !!!!!   Demorou pouco para conhecer um dos “profissionais” dos quais comento há mais de meio ano!!!  E o número deles cresceu muito desde então!  Serviço sujo , hein? Desprezo pessoas que ganham para destruir reputações! Viva Dilma e Viva Lula!

    • Muitos furos

      E a empresa AMA entrou em contato com você por qual razão? Por que demorou de 29-Abril a 09-Maio para fazer o primeiro contato como rapaz, na inteção apenas de apurar se era verdade? Por que demorou de 09-Maio a 19-Maio pra enviar os e-mails para Folha se o último e-mail vazado era de 09-Maio? Houve mais conversas depois disso? Por que avisou ao PT que ia enviar os e-mails pra Folha? Você começou a conversa, insistiu na conversa e se expos. Assim me parece mais crível que  quando não deu certo você mandou sua versão pra folha antes que o outro publicasse o teor dos e-mails.

      Acho que faltou o Nassif publicar no post o teor dos e-mails. Não consigo colar nada nesse campo de comentário então quem tiver interesse está no site diariodopoder, o que supostamente seriam todos os e-mails trocados (sei q o site é suspeito :)). Nessa troca de e-mails, a negociação parece ser feita em nome do PSDB e fica implícito que a venda seria escondida e que o autor teria que dissimular, esconder, o motivo da virada de casaca e por isso não contaria com supostos “mimos”… 

       

       

       

       

  15. A Folha Virou Cartório de Títulos e Documentos

    Manual para Tucanos:

    Passo 1: Entre numa negociata “limpinha”;

    Passo 2: “Registre” a sua versão no Cartório de Títulos e Documentos FSP;

    Passo 3: Conte com a solidariedade do “Oficial” do Cartório, que o manterá em obsequiso sigilo até segunda ordem;

    Passo 4: Invoque o “registro” se algo não correr bem;

    Passo 5: Durma tranquilo, pois o cartório é de confiança.

     

  16. a forca das dilma-boladas e o

    a forca das dilma-boladas e o jornal da globo

    ontem metade do jornal da globo foi sobre sobre comparativo das cargas tributarias do brasil e outros paizes,,

    corre nas redes sociais um comparativo monstrando que brasil nao é maior carga e tal, ate desenho da globo parecia o mesmo utilizado nas redes, ficou ou pareceu pelo menos evidente que foi uma “resposta”,,,,

    hora de bater nas lei dos medios, quem sabe ela poe um compartivo do brasil e do resto do mundo

  17. Discordo de quem acha que

    Discordo de quem acha que Cerra*  e Aecio sao iguais na rataria de campanha. Cerra toma pra si as decisoes de dossies , de plantacao de factoides contra adversarios, de limar de redacao jornalista que o critica, etc. Jah Aecio eh diferente, ele nao faz nada disso, quem faz por ele eh a sua irma. Essa sim que imprime em Aecio a pecha de Cerra mineiro.

  18. parece que a profissão mais

    parece que a profissão mais antiga do mundo esta progredindo dentro do PSDB. O Aécio BRANCA (se é que você me entende) de Neves vai precisar de bastante publicidade para vender o ARROCHO que vem planejando, limpar o nariz perante a sociedade e limpar o pó da mesa da republica.

    Se é preciso mudar concerteza é mais para a esquerda. 

  19. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome