Apagão atinge três regiões do país, mas é ignorado pela imprensa

Jornal GGN – No último domingo (16), uma falha em um equipamento da subestação de Ibiúna (SP), ligada ao sistema de Furnas, provocou um apagão que afetou estados na região Sul, Sudeste e Centro-Oeste e também parte do Paraguai.

O problema foi registrado às 19h50 e o abastecimento foi normalizado às 20h24. De acordo com Itaipu, o sistema de alívio de carga precisou ser ativado por razões de segurança. O Operador Nacional do Sistema (ONS) afirma que o apagão durou mais de dez minutos no Brasil, mas não precisou quantas cidades foram afetadas.

De acordo as distribuidoras de energia elétrica, o apagão atingiu diversos bairros no Rio de Janeiro, ao menos seis municípios em Goiás, mais de 106 mil imóveis no Distrito Federal. Também foram registradas falta de energia em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul, que muito sofreu com as fortes chuvas nos últimos dias.

Apesar da extensão do problema, a imprensa forneceu informações escassas sobre o apagão do último domingo, sendo que ele não ganhou destaque nas edições desta semana da Folha. Uma das poucas informações do Estadão é, na verdade, da agência Reuters. O portal G1 trouxe mais informações, principalmente devido à rede de afiliadas do grupo Globo.

O último apagão no país ocorreu em janeiro de 2015, provocado pelo consumo elevado de energia devido às altas temperaturas. Foram atingidos estados como São Paulo, Rio, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Rondônia e Distrito Federal. Na época, o blecaute ganhou destaque na capa tanto da Folha quanto do Estadão.

 

4 comentários

  1. Apagão não

    Blackout… apagão é o termo usado para a produção insuficiente de energia… especialidade dos tucanos incompetentes…

    Mas se a imprensa corrupta brasileira fosse coerente, teria que fazer um auê com o apagão do temer… mas ela é corrutpa… então esquece…

  2. A época de Médici voltou

    Prezados,

    Desde maio e agora, depois da bilionária bolsa-mídia-golpista/sabuja, o chapa-branquismo vai atenuar toda e qualquer notícia negativa contra o governo golpista ou que possa atingi-lo e alguma maneira. Se a presidenta legítima, Dilma Rousseff, ainda estivesse na presidência, todo o PIG/PPV daria essa notícia de falha no sistema elétrico como manchete de primeira página. Devemos relembrar o que disse Rubens Ricúpero, naquela fala vazada pela Globo e que causou sua queda: “O que é bom a gente fatura, o que é ruim a gente esconde”.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome