Economia em 10 Lições: Segunda Edição Eletrônica para Download, por Fernando Nogueira da Costa

Este livro didático de Introdução à Economia – aquela fundamental, básica, essencial, necessária para o conhecimento de todo cidadão educado – se restringe a 10 lições.

Economia em 10 Lições: Segunda Edição Eletrônica para Download

por Fernando Nogueira da Costa

Fiz uma revisão em forma do meu livro “Economia em 10 Lições”, lançado há vinte anos. Transformei-o em livro eletrônico com Sumário em hiperlinks para ser lido e consultado mais facilmente cada assunto de seus capítulos e tópicos. Baixe-o gratuitamente no final deste post.

Este livro didático de Introdução à Economia – aquela fundamental, básica, essencial, necessária para o conhecimento de todo cidadão educado – se restringe a 10 lições. Tem como público-alvo quem deseja começar a estudar Economia, inclusive sem pretender se tornar economista, ou seja, estudantes e profissionais de outras carreiras: Administração de Empresas, Ciências Contábeis, Ciências Políticas, Ciências Sociais, Direito, Engenharias, etc.

É um livro de “autoajuda econômica”, no sentido mais apropriado de almejar o ensino da lógica da escolha racional, informada por teorias econômicas. O autor se coloca como conselheiro ou assessor econômico do leitor, “trocando em miúdos” as teorias e os modelos de decisão complexos.

O livro busca ajudar o leitor na arte de pensar o seu ambiente econômico. Pretende ser um guia introdutório ao conhecimento de Economia sem economês, para leigos, rompendo a incomunicabilidade entre os especialistas e os não especialistas.

Ele não fica restrito à matéria convencional de um curso de Introdução à Economia. Concilia a linguagem acessível ao rigor metodológico, contemplando as teorias econômicas contemporâneas realmente relevantes.

Assim, torna-se útil como fonte de consulta permanente inclusive para o estudante de Economia de séries mais avançadas. Este estudante poderá sempre retornar a este manual, devido à facilidade de consulta às definições e conceitos chaves.

Seus conteúdos em Microeconomia, Macroeconomia, Economia Internacional, Desenvolvimento Econômico, e História do Pensamento Econômico permitem também a recordação da matéria pelo estudante de Ciência Econômica com objetivo de prestar o Exame Nacional do Curso de Economia.

Embora os livros-texto em Economia sejam todos parecidos, este diferencia-se dos livros de Introdução à Economia existentes por:

  1. o ensino didático com o propósito prático de auxiliar a tomada de decisões econômicas fundadas na racionalidade científica.
  2. o foco colocado na relação entre a Microeconomia e a Macroeconomia, em economia monetária aberta contemporânea.
  3. o estilo acessível, com leveza e bom humor na apresentação das diversas teorias econômicas – ortodoxas e heterodoxas, antigas e modernas;
  4. o uso de recursos gráficos, humor, ilustrações e referências a letras de músicas e filmes;
  5. uma lista de endereços de sites na Internet com informações econômicas relacionadas a cada Lição.

O objetivo geral do livro é mostrar como o conhecimento econômico possibilita uma melhor análise para as diversas tomadas de decisão econômico-financeira no nosso cotidiano. Sistematiza o conhecimento genérico do cidadão, baseado na experiência vivenciada em “Escola da Vida”, e socializa o conhecimento específico do economista.

O estudo sistêmico busca identificar as repercussões sociais involuntárias das ações humanas intencionais. Essa doutrina das consequências não intencionais sugere haver proposições sobre conjuntos mais além da mera soma de proposições acerca das partes constituintes.

Este é o chamado Sofisma da Composição. Em Economia, o mecanismo de mercado pode ser visto como a consequência social não planejada das interações das decisões individuais, impulsionadas por motivos puramente egoístas em busca dos próprios interesses. Podem ser inconsistentes entre si e gerar problemas macroeconômicos.

Por exemplo, o Paradoxo da Parcimônia sugere a frugalidade ser uma virtude pessoal. Porém, se todos a adotam, cairão as vendas e, em consequência, as rendas futuras. Daí cairá a própria poupança ex-post, isto é, após a multiplicação do desemprego.

Outro exemplo: um empresário ao despedir empregados estará cortando custos. Se uma onda massiva de empresários desempregarem seus trabalhadores, a consequência será a futura queda da demanda agregada. Da mesma forma, se houver corte dos demais direitos trabalhistas e previdenciários, o consumo futuramente cairá e toda a sociedade sofrerá com as más consequências.

O primeiro objetivo parcial – geralmente colocado no primeiro capítulo de cada parte – é examinar microfundamentos da macroeconomia através das teorias das decisões básicas dos agentes econômicos ou das firmas.

O segundo objetivo parcial – colocado no outro capítulo de cada parte – é examinar macrofundamentos da microeconomia através das teorias dos principais problemas resultantes sistêmicos (inflação, desemprego, ciclo econômico e crise cambial) e das relações internacionais entre as decisões de políticas macroeconômicas, em economia aberta.

Dessa forma, as temáticas econômicas (Economia Monetária, Microeconomia, Macroeconomia e Economia Internacional) estão integradas e articuladas entre si, dentro de cada uma das seis partes.

Você poderá baixar e compartilhar gratuitamente o livro eletrônico em pdf: Fernando Nogueira da Costa – Economia em 10 Lições – 2a. Edição 2020

Fernando Nogueira da Costa – Professor Titular do IE-UNICAMP. Autor de “Ciclo: Intervalo entre Duas Crises” (2019; download gratuito em http://fernandonogueiracosta.wordpress.com/).

E-mail: fernandonogueiracosta@gmail.com.

Fernando Nogueira da Costa - Economia em 10 Lições - 2a. Edição 2020

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome