EUA amplia déficit comercial em maio

Desempenho ruim deve influenciar ritmo de crescimento do país

Jornal GGN – O déficit comercial dos Estados Unidos avançou em ritmo acima do previsto pelos analistas durante o mês de maio, atingindo um total de US$ 41,1 bilhões, segundo dados divulgados pelo Departamento do Comércio. O indicador registrou um acréscimo de 10,1% no período, em dados corrigidos de variações sazonais.

O resultado – que deve afetar os dados do crescimento norte-americano – foi diretamente afetado pela queda do volume exportado (-0,2%, para um total de US$ 182,4 bilhões), ao passo que as importações subiram 1,6%, para US$ 223,5 bilhões.

Na avaliação setorial, a queda das vendas ao mercado internacional foi influenciada pelos setores de aviação civil (-7,5%), automóveis (-2,3%) e bens de consumo (-1,9%), enquanto o aumento das importações foi puxado por materiais industriais (+7,1) e telefones celulares (+2,9%), além da compra de serviços no exterior, que alcançou US$ 41,4 bilhões.

(com AFP)

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  15 razões para esperar um novo ataque interno à economia do Brasil, por João Sicsú

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome