Índice de preços ao consumidor americano sobe 0,1%

Jornal GGN – O índice de preços ao consumidor para todos os consumidores urbanos norte-americanos subiu 0,1% em fevereiro em uma base ajustada sazonalmente. As informações foram divulgadas hoje pelo Bureau de Estatísticas do Trabalho.
 
Na soma dos últimos 12 meses, o índice aumentou 1,1%. Os alimentos foram responsáveis pelo aumento de praticamente todos os demais itens no mês analisado: 0,4% de alta, impulsionado por um aumento de 0,5% nos índices de mercearia para consumo doméstico.
 
Já o índice de energia diminuiu, com baixa na gasolina, compensada porém nos pontos para óleo combustível e gás natural.
 
Para todos os demais itens, como cuidados médicos, as tarifas aéreas, veículos novos, recreação e cuidados pessoais, a média foi de 0,1%. Apenas habitação se destacou com 0,2%. Em contrapartida, os índices para mobiliário doméstico e operações, vestuário, carros usados
e caminhões e tabaco declinaram em fevereiro.
 
Nos últimos 12 meses, o aumento geral dos preços no país ficou em 1,1%, sendo que o registro foi de 1,5% em dezembro e 1,6% em janeiro. Para todos os demais itens, menos comida e energia, o aumento chegou a 1,6%. O índice de energia fechou o ano em queda de 2,5%, enquanto o índice de alimentos apresentou alta anual de 1,4%.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Bancos de Investimento e Negócios de Valores Mobiliários, por Fernando Nogueira da Costa

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome