Diário da Peste 32


Ontem pela 1a. vez ouvi o grito abafado de um vizinho desesperado:

– Não aguento mais essa quarentena.

As tensões causadas pela pandemia já começaram a afetar negativamente a saúde mental das pessoas. É previsível um aumento das agressões gratuitas, homicídios fúteis e suicídios.

A tentação de abandonar o isolamento é grande. O pico da pandemia será mais intenso se as pessoas não ficarem em casa, suponho.

De maneira geral meus dias são tranquilos. Ao acordar registo os pesadelos e reflito sobre a situação política. Pela manhã tomo sol na sacada lendo um livro depois do café. Banho, almoço e um filme na TV. Eu mesmo escolho a programação, pois tenho uma respeitável coleção de DVDs.

Lá pelas 16 horas começo a ver documentários no YouTube, na BBC e na DW. Minha internet está uma porcaria, mas não posso reclamar. Nenhum técnico vai me atender. Então estou usando o smartphone como roteador.

Uma notícia divulgada no Twitter por Naomi Klein chamou muito minha atenção:
https://twitter.com/NaomiAKlein/status/1256235773881462789?s=19

As consequências da inovação proposta nos EUA (total imunidade legal para as corporações durante a pandemia) é ultrajante.

Os norte-americanos proclamaram a independência e lutaram uma guerra sangrenta para se livrar das garras de um rei inglês que estava acima da Lei. E agora os políticos querem transformar as corporações em entidades com prerrogativas da realeza medieval. Os cidadãos dos EUA serão rebaixados à condição de servos sem direito de confrontar empresários na Justiça.

Nesse contexto, a guerra civil entre grandes corporações acima da Lei será uma consequência tão inevitável quanto a criação de exércitos privados corporativos. Dito isso, podemos concluir que,a próxima revolução americana não será socialista e sim para derrubar o neo-feudalismo.

A complexidade do conflito nos EUA é grande, mas pode ser resumido de maneira simples: os milionários norte-americanos estão importando as estruturas feudais de poder que nunca deixaram de existir no Brasil. Eles são copycat pós-moderno de um país retrô. Essa é uma ironia adoravel.

E assim encerro meu diário com uma nota pessoal. As noites estão ficando mais longas e o sono menos agradável.

Noite passada tive um pesadelo com insetos gigantescos e ameaçadores. Saquei o celular para filma-los mas fui impedido de fazer isso. Quando apontei a câmera para os insetos alguém empurrou minha mão para esqueça. Fiquei profundamente irritado, pois quando retornei à posição original os insetos tinham desaparecido.

– Você me impediu de filmar algo realmente interessante! – disse pensando nos insetos gigantes.

– Verdade. Você já viu o que foi filmado? – respondeu calmamente meu interlocutor.

Acionando o smartphone e descubro que sem querer filmei uma pequena coruja sendo atacada por uma imensa mariposa horrorosa. Os seres alados rodopiam no ar juntos trocando bicadas, depois se separam. Mais frágil, a mariposa levou a pior.

Fiquei surpreso e agradecido. Aquela cena era bem mais bonita do que a dos insetos gigantes pousados calmamente no telhado de uma casa próxima.

“A Coruja é um animal que simboliza a sabedoria, a inteligência, o mistério e o misticismo. Por outro lado, essa ave de rapina noturna, pode simbolizar mau augúrio, azar, escuridão espiritual, morte, trevas e bruxaria.”
https://www.dicionariodesimbolos.com.br/coruja/

“A mariposa, um inseto geralmente de hábitos noturnos, simboliza a morte que transforma – transformação da lagarta ou a imortalidade, o renascer – bem como simboliza a força destruidora da paixão.”
https://www.dicionariodesimbolos.com.br/mariposa/

Derrota de uma paixão destruidora pela clarividência da sabedoria ou vitória das trevas sobre uma metamorfose indispensável. A interpretação do meu sonho ambíguo pode ser igualmente ambígua. Todavia, e isso é mais importante, o conflito terminou no momento em que os dois seres alados se separaram. A mariposa foi ferida e não morta, portanto, seus atributos positivos e negativos ficaram intactos ou irão se recuperar. Portanto, o sonho pode significar apenas a superação de uma fase.

Somente hoje vi essa notícia https://sputniknews.com/amp/environment/202005031079181259-giant-murder-hornets-threat-looms-over-the-united-states/?__twitter_impression=true. Coincidência, suponho.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora