Blog do Zé Dirceu – Esclarecimento: ao público e a Hélio Bicudo

Começo este blog hoje com um esclarecimento: ao contrário do que ele afirmou em entrevista a Rádio CBN ontem, eu nunca disse ao jurista, ex-deputado e ex-vice prefeito de São Paulo (pelo PT), Hélio Bicudo, que o programa Bolsa Família foi implantado pelo governo como um “recurso eleitoreiro”.

Não disse ao Hélio, nem a ninguém. Nunca diria, nem teria razões para tanto, porque não é este o meu ponto de vista sobre o programa, mas sim que ele foi criado dentro da série de projetos de inclusão social e combate à fome tocados e ampliados sempre nos 8 anos de governo Lula.

O ex-presidente dizia, ainda na sua 1ª campanha eleitoral, quando se elegeu em 2002 que se conseguisse que os brasileiros tivessem 3 refeições/dia estaria realizado, lembram-se?

Combate à fome, à miséria absoluta – era este o espírito do Bolsa Família, criado e implantado quando eu ainda estava no governo, como ministro-chefe da Casa Civil. Aliás, ainda que não com este nome e detalhado na forma como é executado hoje, o programa foi gestado desde a elaboração do programa de governo da 1ª gestão Lula na Presidência da República.

Entendo que o dr. Hélio Bicudo tenha feito a declaração – hoje ele está na oposição e esta, pode até ser que ele nem perceba ou sinta isto, tem sido feita de forma ressentida contra o governo. Eu jamais poderia ter feito uma declaração dessas que não se coaduna com a minha visão sobre o Bolsa Família desde a sua concepção à execução até hoje.

http://www.zedirceu.com.br/index.php?option=com_content&task=blogcategory&id=1&Itemid=2

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora