Bolsonaro “parabeniza” STF por permitir venda de refinarias da Petrobras

O julgamento do STF partiu do próprio Congresso, que enviou uma solicitação à Corte para que impedisse a venda das refinarias

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Jornal GGN – O presidente Jair Bolsonaro elogiou o Supremo Tribunal Federal (STF) pela decisão que aprovou a venda de refinarias da Petrobras, sem a necessidade de autorização do Congresso Nacional. Por uma maioria de 6 votos contra 4, a Corte autorizou o governo federal a vender as refinarias, nesta quinta (01).

A decisão, que representou uma vitória para o governo Bolsonaro e os objetivos da agenda de Paulo Guedes de privatizações, ao mesmo tempo de desinvestir na estatal, deve deslanchar a venda de 8 refinarias, que são mais da metade do parque total, que conta com 13 unidades.

A negociação das sedes de refino envolvem valores entre R$ 63,6 bilhões a R$ 83,6 bilhões, segundo agências de investimetnos.

“Parabenizo o STF, que no dia ontem, por 6 x 4, autorizou a Petrobrás liberar venda de refinarias, sem o aval do Congresso”, escreveu o mandatário, nas redes sociais, nesta sexta.

O pedido de análise da Corte partiu do próprio Congresso, que enviou uma solicitação ao STF para que impedisse a venda das refinarias. O Supremo ainda pode voltar a discutir o tema, uma vez que a decisão foi uma medida cautelar, ou seja, imediata, que poderá ser recorrida com profundidade em recursos.

Leia mais:

Com caso Petrobras, Supremo não se mostra à altura do momento

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora