Dilma anuncia Levy e Barbosa nesta quinta, sem cerimônia de posse

Jornal GGN – O ministro da Secretaria de Comunicação Social do governo federal, Thomas Traumann, informou na tarde de hoje que a nova equipe econômica será anunciada nesta quinta-feira (27), no Palácio do Planalto, pela presidente Dilma Rousseff (PT).

De acordo com Traumann, não está prevista nenhuma solenidade de posse, ao contrário do que outros membros do governo Dilma haviam mencionado à imprensa nos últimos dias. Dessa forma, Miriam Belchior e Guido Mantega continuarão nos ministério do Planejamento e Fazenda, respectivamente.

Ainda segundo o ministro da SECOM, os novos membros da equipe econômica – Joaquim Levy, que irá para a Fazenda, e Nelson Barbosa, alojado no Planejamento – formarão uma equipe de transição rumo ao segundo mandato de Dilma que deve despachar junto ao Planalto nos próximos meses.

A Folha de S. Paulo publicou que Traumann informou que os novos ministros podem comentar sobre a atual situação econômica do governo amanhã, pois não ficou claro quem irá executar as medidas do pacote fiscal que a Fazenda está alinhavando. O jornal ainda observou que “O arranjo [formação de equipe de transição] é inusual, uma vez que ocorrem geralmente entre governos de partidos diferentes – há até previsão legal para criação de cargos nesses casos.”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Economia pós-pandemia: Especialistas desmontam mito da austeridade fiscal

4 comentários

  1. Dilma perde a chance de fazer uma reforma nos ministérios

    Com a reforma dos ministérios para 14 pastas, com 72 secretarias, seria a maior moleza, distribuindo cargos e orçamentos no congresso, fazer maioria, presidência e de quebra, endireitar o país.

    Não faz, porque não quer, vontade política.

    Acorda, Dilma!

  2. Joaquim Levy é pos-graduado

    Joaquim Levy é pos-graduado na Faculdade de Economia da Universidade de Chicago, que foi fundada através de uma doação do lendario John D.Rockefeller.

    É uma ironia que estando os EUA em plena decadencia, o dolar como moeda de reserva derretendo, o Brasil escolha um economista de cultura americana, quando poderia escolher algum com formação na China, na India ou na Russia,

    paises que hoje são o referencial do mundo, segundo a linha Sul-Sul do Iamaraty e do PT.

    Afinal, segundo pensa a doutrina petista do Itamaraty liderada pelo genial Pinheiro Guimarães, o que vale hoje é o Banco dos Brics, o FMI e o Banco Mundial já estão para fechar, valiosa vai ser a moeda dos Brics, o PASTEL, moeda reserva do planeta.

  3. é isso, desejar boa sorte e

    é isso, desejar boa sorte e respeitar a escolha da

    candidata que venceu as eleições.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome