Governo Bolsonaro define comandos da Caixa, do Banco do Brasil e do Ipea

Foto: Agência Brasil

Por Rafael Vilela

Da Agência Brasil

A equipe econômica do governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, definiu os nomes para presidir o Banco do Brasil, a Caixa Econômica Federal e o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), segundo uma fonte da equipe de transição. O anúncio oficial deve ser feito ainda nesta quinta-feira (22), após o fechamento do mercado financeiro.

Para o Banco do Brasil, foi escolhido o professor da Fundação Getulio Vargas (FGV) Rubem de Freitas Novaes, que é doutor em economia pela Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, a mesma instituição em que Paulo Guedes concluiu seu doutorado. Novaes também já foi diretor do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A Caixa Econômica Federal será presidida pelo economista Pedro Guimarães. Ele é sócio do banco de investimentos Brasil Plural e tem longa atuação no setor financeiro.

Já o Ipea será comandado por Carlos Von Doellinger, economista da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que integra a equipe de transição de governo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Bolsonaro ataca Witzel, que diz que vai processar mandatário

1 comentário

  1. Imoralidade

    Como se a Caixa e o Banco do Brasil não dessem, sobretudo o BB, enormes lucros,  escolhem-se dois privatistas para dirigi-los. Como é totalmente impossível privatização sem corrupção, sobretudo quando não há a mínima justificativa econômico-financeira pra tal, já se sabe o tamanho da que virá. Chamar de imoralidade é tão delicado que parece até elogio.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome