Semiárido recebe 20 mil novos sistemas de captação e armazenamento de água

Jornal GGN – No último dia 28 de maio, a Petrobras e a ASA (Articulação do Semiárido Brasileiro) concluíram as obras de 20 mil novos sistemas de captação e armazenamento de água. Com isso, a oferta de água voltada para a produção de alimentos e criação de animais passa a atender cerca de 100 mil pessoas, em nove estados do semiárido brasileiro.

Durante 12 meses, a Petrobras investiu R$ 200 milhões no programa. Além dos 20 mil sistemas, foram construídos 130 bancos de sementes, para garantir a diversidade das espécies tradicionais camponesas, e 65 viveiros de mudas, dedicados à recuperação do bioma da caatinga.

As famílias poderão produzir para o próprio consumo e realizar trocas solidárias e comercialização em pequena escala, mesmo na época de estiagem. Os agricultores do município de Serrinha (BA), que recebeu 98 sistemas de captação e armazenamento, aguardam a chegada das chuvas para iniciar suas atividades produtivas.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Em Nova Iorque direção da Petrobrás recebe a ordem para pagar US$ 35 bilhões em dividendos

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome