Reforma administrativa deve ir ao Congresso semana que vem

Afirmação foi feita pelo presidente Jair Bolsonaro, desde que não ocorra “nenhuma marola até lá”

Jornal GGN – A reforma administrativa deve chegar ao Congresso na próxima semana, desde que não ocorra “nenhuma marola até lá”, segundo o presidente Jair Bolsonaro.

A declaração foi dada na manhã desta quinta-feira, segundo informações do jornal O Estado de São Paulo. Bolsonaro ressaltou que, após o envio, o Legislativo “pode tudo”, inclusive rejeitar as sugestões do Executivo e aproveitar outro texto.

Esta semana, o governo cogitou desistir do envio da proposta para aproveitar apenas matérias já existentes, mas recuou diante da resistência do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O presidente avalia que a reforma sugerida pelo governo “está muito tranquila” porque não interfere nos direitos dos atuais servidores. Mas, destacou que só conseguirá enviar a proposta se não houver “nenhuma marola” – como as recentes declarações do ministro da Economia, Paulo Guedes, que chamou servidores públicos de “parasitas” e afirmou que a cotação do dólar estava “uma festa danada” a ponto de “empregada doméstica viajar para a Disneylândia”.

Com informações do Estadão.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A falácia do investimento estrangeiro num país devastado, por Álvaro Miranda

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome