Coincidências de Bataclan e Rue de Charonne

Por Jair Fonseca

https://www.youtube.com/watch?v=sHY1xCl4Qak width:700 height:394

No massacre de ontem, no Bataclan de Paris, tocava a banda americana Eagles Of Death Metal. Será que os assassinos a escolheram pelo nome e nacionalidade? Pode ter sido por mero acaso, dado que a coisa foi mesmo planejada como ato terrorista. E quem morreu não era da banda (que do estilo death metal não tem nada), era do público e dos trabalhadores da casa.

Ali por perto, na rua Charonne, foram fuziladas aleatoriamente pessoas que estavam num café. Seria porque nessa rua foram mortos pela polícia, em 1961, cerca de trinta argelinos (e franceses) num protesto contra a guerra da Argélia (e o massacre) dos colonizados? Ou foi por outra (des)razão? 

Por Anna Dutra

Jair,
Segregação, sectarismo e intolerância: as trilhas que estão sendo pavimentadas nos últimos 100 anos e que nos levarão de volta ao primeiro milênio. Só que agora com armas químicas, EI, drones. A degola voltou, mas a sofisticação e crueldade carregam a marca da Besta Contemporânea. Que haja consolo para os vivos. Os mortos descansam agora.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora