Parlamentares islandeses tentam criar lei para conceder cidadania a Snowden

Jornal GGN – Parlamentares islandeses fizeram uma proposta que poderia conceder cidadania imediata a Edward Snowden, ex-analista da Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos (EUA).

O parlamentar Ögmundur Jonasson, do Partido da Esquerda Verde apoia a proposta – juntamente com os partidos Pirata e Futuro Brilhante – de conceder cidadania ao ex-analista. Nesta quinta-feira (4), a questão foi encaminhada ao comitê de assuntos jurídicos, mas a ideia recebeu apoio mínimo. 

Jonasson argumentou ao Parlamento que Snowden “está sendo perseguido e não tem para onde ir”, revelaram os veículos do país.

A proposta de concessão de cidadania recebeu um apoio limitado, antes do recesso de verão. Contando com o apoio de apenas seis parlamentares entre os 63 membros da casa.

Acredita-se que Snowden esteja preso em uma zona de trânsito do aeroporto de Moscou, em busca de asilo de mais de uma dúzia de países. O ex-analista já declarou que estava inclinado a pedir asilo em um país que compartilhe seus valores e que “a nação que mais abrangente é a Islândia”. Mas, para isso, Snowden teria, primeiro, de chegar à ilha. 

A concessão de cidadania imediata a Snowden iria contornar esse problema. A mesma tática ajudou o excêntrico enxadrista Bobby Fischer a viajar do Japão à Islândia, em 2005, para escapar às sanções impostas pelos EUA à ex-Iugoslávia.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome