Poucos chefes-de-estado foram à abertura das Olimpíadas

Jornal GGN – O desprestígio não é do Temer, é do próprio movimento do golpe. Esta é a conclusão que pode-se chegar ao ler a matéria de Jamil Chade, no Estadão. A baixa presença de autoridades, depois da propalada presença confirmada de 45 chefes-de-estado, contrastou com a efetiva marca de 18 chefes presentes e uma miríade de autoridades menores e vices, inclusive o brasileiro.

Segundo apurado por Jamil Chade, autoridades se recusaram a sentar no camorote do vice-presidente Michel Temer, e muitos dos locais VIPs permaneceram vazios. Não foi só o estrondoso vaiar que Temer enfrentou, mas também uma reprovação silenciosa de tantos chefes-de-estado quantos ali estiveram.

Leia a matéria de Jamil Chade no Estadão.

do Estadão

Abertura teve apenas 18 líderes internacionais e saída ‘à francesa’

Baixa presença de autoridades contrasta com anúncio anterior do Itamaraty

Jamil Chade

O Itamaraty havia anunciado que 45 chefes-de-estado e de governo estariam na abertura dos Jogos Olímpicos, na noite desta sexta-feira. Mas uma lista obtida pelo Estado revela que o número total foi de apenas 18, sendo que os demais eram apenas vice-primeiros ministros, governadores e autoridades de segundo escalão. 

A reportagem do Estado foi a única a entrar nos camarotes presidenciais e constatou como muitos dos locais VIPs permaneceram vazios, enquanto ministros e autoridades circulavam sem qualquer compromisso. Alguns deles ainda tiveram tempo para abrir freezers para escolher sorvetes ou conversar sobre as apostas de medalhas.

Michel Temer é vaiado ao anunciar a abertura oficial da Olimpíada do Rio

Depois de Londres em 2012 receber mais de 90 chefes-de-estado, de Pequim ter mais de 70, Atenas com 48 e Sidnei com 24, a Rio-2016 acabou sendo prejudicada pelo caráter interino do governo brasileiro, da crise e, segundo o Itamaraty, pela “distância” que representa uma viagem até o País. 

Estavam no Maracanã apenas os líderes máximos de Andorra, Argentina, Bélgica, Eslováquia, Fiji, França, Geórgia, Holanda, Hungria, Itália, Lituânia, Luxemburgo, Monaco, Paraguai, Portugal, República Tcheca Servia e Suíça. Na lista do governo, o Planalto incluiu ainda os dignitários que, no fundo, eram membros do COI, como os de Luxemburgo e Monaco, e que tinham obrigação de estar em seu próprio evento. 

Ainda estavam presentes vice-primeiros ministros, vice-presidentes ou príncipes da China, Jordânia, Guiné Equatorial, San Marino ou Uzbequistão. Alguns chefes de diplomacia também estavam na lista, como o americano John Kerry. A lista se contrasta com o que o governo anunciava ainda em maio de que tinha mais de 50 pessoas confirmadas e que esperava chegar a 70 convidados VIP.

CORREDORES

A ausência era nitidamente notada nos corredores internos do estádio, vazios e com comida, funcionários e seguranças sobrando. A falta de líderes internacionais ainda permitia tempo para que ministros e políticos brasileiros usassem o tempo para conversar, sem ter de recepcionar os estrangeiros. 

Enquanto as delegações desfilavam, o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, conversava numa das mesas com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Em outro canto, o chanceler José Serra falava ao telefone. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, circulava ainda tranquilamente, buscando algo para beber nos balcões vazios dos bares montados no local. 

O governo brasileiro tentou convidar os poucos líderes a ficar no principal camarote, ao lado de Michel Temer, presidente interino. Sem sucesso, o local foi preenchido por diversos ministros do governo e autoridades municipais e do governo do estado. Antes mesmo de terminar o evento e logo depois do desfile da delegação da França, o presidente François Hollande deixou o Maracanã, à francesa. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

10 comentários

  1. Tô vendo uma esperança.

    Se a previção sobre a presença de convidados às olipíadas tiver a mesma precisão sobre os votos para confirmação do Impitima, então ainda temos uma esperança.

  2. Sou uma égua, mesmo: pois não

    Sou uma égua, mesmo: pois não é que já começo a ter pena do cidadão? Sua rejeição extrapolou até fronteiras. Tadinho.

    Está aí no que dá brincar de golpe. Ainda vai?

    Preocupa-me se o Senado Federal, irresponsavelmente, impedir a inocente  presidente DE DIREITO, deixando o país por mais de dois anos nas mãos desse senhor, hoje mais enjeitado que alface em prato de criança. Fala-se até na criação de um novo marcador estatístico: o ITR-Índice Temer de Rejeição. 

  3. ELES SÓ TÊM A TEMER E NÓS A TEMER

    Não há outra saída para os golpistas a não ser empurrar Temer pela goela abaixo do povo.

    Rodrigo Maia?

    Seria outro fiasco: tem biografia duvidosa e o Brasil seria governado por César Maia, um arremedo de Mussolini tupiniquim, um Jânio Quadros carioca.

    Temer será blindado de todas as formas nos próximos dois anos – se é que virão – pela mídia doidivana e pelos homens nus de capa preta.

    Mas Temer sobreviverá à Olimpíada?

    Lista da Odebrecht, vaia no Maraca, repressão a manifestantes, Chico e Caetano, o Careca do ABC…

    O Rio já está com cara de 1968: 

    ressuscitaram Jobim, Vinícius, Elza Soares e toda aquela turma que ajudou a derrubar 64.  

    Ah, também não faltam os milicos. Eles estão por toda a parte.

    De novo nessa história só tem o Careca do ABC, circulando sorridente com seu facão em punho procurando ceifar pés de maconha na Vila Olímpica.

    Quem assistiu a abertura dos jogos se deparou com aquela figura tosca e sorridente a circular pela área vip do estádio. Parecia pinto – não o Magalhães – no lixo.

    E que lixo…

    Não gambiarra, lixo mesmo.

    Pra fechar 68 no Rio,  só mesmo a delaração do Gilmar de que o Rio ficará ocupado por tropas até o fim das próximas eleições.

    É Frota  – não o Alexandre – , mas o general ressurrecto na figura de Herr Gilmar.

    O Rio tá todo 68, sem tirar nem por.

    Ah, já ia me esquecendo dos tanques. Eles estão por ttoda parte na cidade.

    Vieram depois do golpe.

    Tarde.

    Mas parece que vieram pra ficar

    Tá tudo 68 no Rio.

    Venham pra cá,  gente, antes que um aventureiro lance mão.

    Ah, só o Pitanguy pra dar um jeito nessa cara velha que deram ao Rio nos últimos dias…

    Pitanguy morreu? Caraca, não sabia.

    Estamos fodidos mesmo.

    Mesmo assim, venham pra cá. 

    Pois ainda que o passado nos encubra com seu manto negro,

    o melhor lugar do mundo…

    é aqui

    e agora.

  4. As desculpas, as desculpas

    Depois de Londres em 2012 receber mais de 90 chefes-de-estado, de Pequim ter mais de 70, Atenas com 48 e Sidnei com 24, a Rio-2016 acabou sendo prejudicada pelo caráter interino do governo brasileiro, da crise e, segundo o Itamaraty, pela “distância” que representa uma viagem até o País.

     

    24 chefes de Estado em Sydney, que é mais longe do centro que o Rio. Tá, o problema é a distância, Itamaraty. Entendo que vocês são obrigados por ofício a se justificar dessa maneira, mas… vocês mesmos acreditam nisso?

  5. Libertas quae sera Temer, Aécio e FHC

    Se é pra lutar contra o fascismo, então……

    MANCHETE DO DIA: VAIAS A TEMER DECLARAM ABERTAS OLIMPÍADAS NO BRASIL!
    E, antes que eu esqueça: Fora Temer! Fora Temer! Fora Temer!

  6. Patético
    Assisti a Abertura da Olimpíada na 6a , e o que mais me impressionou ( mais do que a vaia ) foi a figura e o jeito patetico de Temer para a ocasião .
    O indivíduo parecia estar enterrado em sua poltrona , com um semblante constrangedor, provavelmente por ter certeza da vaia q levaria em poucos minutos , no momento de declarar a Abertura dos Jogos . Na hora da Declaração , então , parecia querer se livrar do microfone o mais rápido possível , e sair dali correndo . As palavras saíram em velocidade espantosa ! Acho q foi a Declaração de Abertura mais rápida e sucinta de toda História !
    Bem feito , ele merece passar por tudo isso , e mais !

  7. Sinceramente ? Temer vai ser

    Sinceramente ? Temer vai ser enfiado goela abaixo do povo e do mundo.

    O Brasileiro pagará caro pela ingratidão !!!

    Tenho pena só de mim e de mais ninguém…

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome