Balanço: TRF4 mostrou-se mais punitivista que Sérgio Moro

 
Jornal GGN – Saiu o balanço dos julgamentos do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), Corte de segunda instância responsável por revisar os julgamentos do juiz da Lava Jato, Sergio Moro, da Vara Federal de Curitiba. O resultado é que em 77% de todos os casos analisados pelo TRF4, foram mantidas ou aumentadas as penas de Moro. 
 
Ainda, para quase metade (49,3%) de todos os julgamentos sobre as decisões de Moro, as penas da segunda instância foram maiores do que as do juiz de Curitiba considerado punitivista. Apenas 22,5% dos casos obtiveram a redução das condenações de Moro.
 
O levantamento, em números reais, foi divulgado pelo G1. Os cálculos em porcentagens são do GGN. A Oitava Turma do TRF-4 encerrou as atividades judiciárias nesta quarta-feira (20), semana em que todos os tribunais do país vão fechando para o recesso forense. 
 
Se os números são reduzidos nos casos em que o Tribunal Regional diminuiu a pena estabelecida por Moro a réus, as absolvições em casos de já condenados foram ainda menores: apenas 6 investigados. 
 
Por outro lado, ainda outros seis investigados pelo juiz de Curitiba que foram absolvidos pelo magistrado, quando o Ministério Público Federal (MPF), na figura de acusador da força-tarefa, recorreu à segunda instância, foram condenados pelo TRF-4. 
 
Já outras 17 absolvições dadas pelo juiz da força-tarefa da Operação Lava Jato foram mantidas pela segunda instância. 
 
O Tribunal de Porto Alegre carrega hoje uma grande carga de trabalhos deixados pela Operação Lava Jato: são um totla de 23 processos em tramitação, e quase 900 recursos de defesas de réus e do MPF, no total.
 
Ainda assim, a instância mostra estar realizando um trabalho efetivo, uma vez que 89% de todos os recursos que já chegaram da Lava Jato, desde 2014, já foram julgados até este ano.
 
 
 

6 comentários

  1. Todos já sabem o que vai

    Todos já sabem o que vai ocorrer, pois foi previamente acordado: o juiz de piso condena a 9 anos (razões óbvias) e a segunda instância aumentará a pena para 13 anos (razões óbvias também). E não acontecerá nada, apesar do claro deboche.

    • pra que se já temos definição

      pra que se já temos definição pra pré julgamento  ..preconceito  ..golpe de estado ..perseguição  ..vingança ..INJUSTIÇA por exemplo ?

  2. Se pelo menos tivessem uma

    Se pelo menos tivessem uma única prova o povo tinha que se conformar. O problema é que eles não tem! Até hoje não conseguiram provar que o ex Presidente Lula é dono do triplex e mesmo assim o dito Juiz Moro o condenou alegando convicção! Convicção sem provas! Tem muita gente que leva zero em provas escolares por acreditar em suas convicções distorcidas. E o TRF-4 com essa pressa toda, já deu sinais de que tem concebido o veredito sobre o caso, um veredito provavélmente confirmatório do primeiro julgamento. E uma pergunta: porque só o processo de Lula anda rápido na justiça? 

    E ainda desistem de periciar os documentos referentes aos aluguéis pagos pelo ex Presidente Lula (outro processo), esses processos da lava jato para opinião pública está tão viciado que não tem jeito nem de disfarçar… 

  3. Saiu no G1 ?
    É uma forma
    Saiu no G1 ?
    É uma forma subliminar de pressão para turma do TRF4.
    Recado do tipo: olha, vocês condenaram quase 80% dos caso em 2a.instancia Do Juiz Moro.
    Vocês estão agora diante do caso mais importante para nós. Olham lá hein , vejam bem o que vão fazer.

    Olhem nosso acordo. Não nos decepcionem .Senão a vida de vocês e familiares vão virar um inferno.

    Estamos avisando, 80% de condenação com penas aumentadas.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome