Celso de Mello pede parecer da PGR para pedido de impeachment de Heleno

Pedido é baseado em crime de responsabilidade e de enquadramento na Lei de Segurança Nacional, de autoria de deputados do PT e PDT.

Foto El Pais

Jornal GGN – O general Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional, quando do pedido de apreensão do celular de Jair Bolsonaro, reagiu de forma truculenta, divulgando nota em que dizia ser o pedido ‘inconcebível’ e alertando para ‘consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional’. O resultado da nota foi um pedido de impeachment enviado ao Supremo Tribunal Federal.

O ministro Celso de Mello, do STF, enviou ontem, dia 28, ao procurador-geral da República, Augusto Aras, o pedido de impeachment contra Heleno, que é baseado em crime de responsabilidade e de enquadramento na Lei de Segurança Nacional, de autoria de deputados do PT e PDT.

O general disse que a nota era ‘genérica’ e ‘neutra’, e que houve uma distorção. ‘Foi uma nota completamente neutra colocando o problema em si, sem citar nomes’, disse o ministro do GSI.

Na semana passada, Celso de Mello enviou ao procurador-geral Aras notícias-crime apresentadas pelos partidos políticos para análise.

Com informações do Correio Braziliense

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  MPT processa Petrobras por manter 73 trabalhadores em cárcere privado na última greve

3 comentários

  1. Me parece que agora sim, as instituições estão em pleno funcionamento. O bando que tomou conta do palácio do planalto precisa entender que os limítes constitucionais são claros, democraticamente claros.

  2. Historicamente a visão de um militar brasileiro sobre segurança nacional nunca foi neutra…
    quem acredita que é possível ser neutra, ou está enganado ou não serve para ser militar

    Mas seria muito bom que fosse neutra mesmo, Bolsonaro não teria recrutado tantos

  3. Eu acredito que o termo esta errado, não se trada de impeachment.
    Para este bando de malucos o certo é interdição.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome