Dirceu admite erros do PT com caixa 2 e no relacionamento com empresários

Ex-ministro separa o joio do trigo, negando enriquecimento pessoal de petistas. Ele ainda critica Lava Jato e mostra-se no jogo político contra Bolsonaro
 
 
Jornal GGN – O ex-ministro José Dirceu reconheceu que a direção do PT no trato com caixa 2 de campanha eleitoral e na relação com as empreiteiras que caíram na Lava Jato. Mas negou que as lideranças do partido tenham enriquecimento ilicitamente a partir de corrupção no governo. Na entrevista divulgada pelo Estadão nesta terça (19), Dirceu ainda disse que foi “ingenuidade” do partido, durante a gestão de Dilma Rousseff, não ter feito um “pente-fino” em leis que hoje são exploradas à exaustão pela Lava Jato, principalmente a de delação premiada.
 
“O problema nosso foi ingenuidade de não fazer um pente-fino nessas leis (delação premiada, organização criminosa e antiterror) e não perceber que o modo aberto em que se deixou várias questões permitia o que está acontecendo. (…) Erramos ao não nos darmos conta de que vários pontos podiam ser usados de maneira antidemocrática, ser instrumentos de repressão e não de Justiça”, disse.
 
Para Dirceu, “problema de caixa 2 de eleição, relações com empresas, é uma coisa; outra é enriquecimento pessoal e corrupção. Uma coisa é a responsabilidade nossa, dos dirigentes, pelo caixa 2, pela relação com as empresas, pelo custo das campanhas. Outra coisa é o partido. Você não pode condenar um partido.”
 
A mesma avaliação que faz da Lava Jato – uma operação montada para fins políticos – Dirceu também faz do Mensalão. “Não me defenderam [da cassação do mandato, no Mensalão] porque fizeram uma avaliação errada do que era o mensalão. Errada do que era a conjuntura. Se eu for me sentir vítima, teria morrido de enfarte ou de câncer há muito tempo. Eu tenho experiência política suficiente para compreender que isso era luta política e eu era o alvo da luta político. Podia ter sido outro. Eu superei isso, tanto que, apesar da Lava Jato, continuo na militância política.”
 
BOLSONARO
 
Sobre a oposição a Bolsonaro, Dirceu disse que é preciso, primeiro, deixar o presidente eleito sentar na cadeira e apresentar o que de fato pretende para o País, pois até agora as declarações sobre projetos em muitas áreas têm sido conflitantes.
 
“Deixa ele governar. Não foi eleito? Vamos fazer oposição conforme as propostas que ele fizer, independentemente do fato de que somos oposição a ele já, pois temos concepções diferentes de País, de vida, de tudo. Quero que ele comece a governar, tomar decisões, porque senão fica parecendo que você está torcendo para dar errado, né? Não estou torcendo para dar errado; só estou dizendo que não vai dar certo. Não deu em outros países, não vai dar aqui.”
 

9 comentários

  1. Estigma

    O mal do Brsil é o estigma que se cria em cima de tudo.

    Um projeto como os CIEPS de Brizola e Darcy eram chamados de escola de favelado.

    Em minhas andanças pelo Rio, à época , vi muitas crianças com medo de que as mães os mandassem para estudar nos Brizolões, tamanho era o estigma.

    José Dirceu é uma mente brilhante que para sempre ficará estigmatizado como mensaleiro.

    O mensalão é um episódio que deveria ser passado a limpo.

    Eu daria um dedo para assistir um debate, tipo jogo da verdade, entre José Dirceu e Joaquim Barbosa, mas receio que o segundo não teria coragem nem hombridade para tanto.

    • Hoje está mais do que claro o
      Hoje está mais do que claro o que se passou desde a FRAUDE judicialesca, a do mensalão

      Dirceu, Genoino e Dilma não podiam jamais estar no comando ..muito menos como foi das forças armadas no caso da presidente ..cedo ou tarde cairiam, foram terroristas, inimigos diante da turma das forças ocultas

      Enquanto isso, uma família de psicopatas, cujo chefe até hj instiga a violência e o preconceito, que mesmo depois da anistia propagou atentado e exaltou a tortura ..esse saco de bosta já já será aceito pela democracia, pra ser nosso presidente.

  2. Uma pena.


    Poxa vida. Dá até vontade de chorar.

    De certo ninguém resiste a tanto tempo sem vacilar, e entregar a “rapadura”.

    Quando Zé Dirceu admite “erros”, é impossível não perguntar:

    – Como o PT, dentro da estrutura eleitoral e dos sistemas de financiamento, poderia fazer diferente e ganhar eleições?

    É isso? O PT disputaria com chances se enfrentasse orçamentos de campanha de 80, 100 milhões com venda de camisetas e contribuições de filiados?

    Teria apoio e tempo de TV (que virou condição imprescindível, com o cerceamento da campanha nas ruas) sem alianças com os partidos, que pediam em troca vantagens econômicas?

    Tudo bem, vamos abraçar a tese do “erro”. Mas o que seria o certo, e mais, o que teria dado certo?

    • “- Como o PT, dentro da

      “- Como o PT, dentro da estrutura eleitoral e dos sistemas de financiamento, poderia fazer diferente e ganhar eleições?”

      Para mim é bastante óbvio. A direita nos ensinou muito bem como fazer: mentindo e enganando se chega muito longe. A família Bozo tomou o poder assim.

      Chega de republicanismo e chega de covardia. A direita não joga pelas regras, portanto, a esquerda não tem essa obrigação. Assim é a guerra de classes.

  3. Só para constar, a figura

    Só para constar, a figura “enriquecimento ilícito” é aplicada no direito penal para qualquer valor recebido indevidamente e de má fé. Tanto faz se é um prêmio de mega sena acumulada ou um real. Trabalho em uma universidade pública e me recordo de um caso de um sujeito que foi processado pelo MP por ter sido contratado irregulamente para uma função cuja gratificação era de 100 (cem!) reais por mês.

    Dito isso, se ficaram com qualquer trocado em transação escusa, “enriqueceram” ilicitamente.

  4. Eh isso ai, Dirceu

    Como disse ha alguns dias no polêmico post do Aldo Fornazieri, pouco a pouco o PT vai fazendo seu acerto de contas ou o seu mea culpa. 

    O que diz Driceu não é novidade, porém quando a gente conversa com pessoas que não lêem blogs ou se lêem ficam restritos à velha midia, percebe-se que existe uma lacuna muito grande de falta de informação politica nessas pessoas. 

    Então é bom que Dirceu tenha dito ao Estadão que o PT cometeu erros, mas não aqueles que a Lava Jato e imprensa atribuiram ao PT.

  5. SÓ ERRA QUEM BATE O PÊNALTI,A
    SÓ ERRA QUEM BATE O PÊNALTI,A TORCIDA VAI ACHAR RUIM MESMO,JÁ O JUIZ DA PARTIDA SÓ VÊ O Q QUER,ENQUANTO ISSO…O BRASIL VAI SENDO DEPENADO E NINGUÉM VÊ(OU NÃO QUER VER!)

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome