Marcelo Odebrecht visita sede da empresa após sair da prisão domiciliar

Empresário estava em prisão domiciliar desde 2017 e conseguiu a progressão do regime nesta quinta-feira

Marcelo Odebrecht. Foto: Odebrecht/Divulgação

Jornal GGN – O empreiteiro Marcelo Odebrecht conseguiu nesta quinta-feira (12) a progressão do regime, não tendo mais que cumprir, a partir de hoje, a prisão domiciliar.

Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo, uma das primeiras coisas que o empresário fez foi visitar a sede da empresa, em São Paulo.

“Marcelo cumprimentou algumas pessoas e foi aplaudido por funcionários. Ele percorreu vários andares do prédio localizado na marginal Pinheiros”, escreveu Bergamo.

O empreiteiro foi preso em 19 de junho de 2015 e passou a cumprir prisão domiciliar em dezembro de 2017. A pena estava prevista para terminar em junho de 2020, mas Marcelo conquistou a progressão com o benefício da “cláusula de eficiência”.

Segundo esse instrumento, caso o empresário conseguisse trazer nova evidências que comprovasse o que disse à Justiça, o período de prisão domiciliar seria reduzido.

O GGN prepara uma série de vídeos que explica a influência dos EUA na Lava Jato. Quer apoiar o projeto? Clique aqui.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Pedido de liberdade de Lula está com juiz para decisão

3 comentários

  1. Como previsto, os poderosos de verdade já estão soltos.
    Isto é, os corruptores históricos – ou seja, os grandes empresários – estão soltos.
    Isso merece muito barulho!
    O objetivo sempre foi tentar destruir o PT.

  2. AntiCapitalismo de Estado Absolutista. Os 550.000 Empregos gerados por Gigante Empresa Brasileira foram reduzidos em quase 1/3. Mesmo com sequências de gravações revelando a extorsão, a exigência canalha de pagamentos por parte do Estado Brasileiro, da Presidência da República e Congressistas roubando a Nação e Empregados Brasileiros de Odebrecht, JBS e outras, quem sofreu e pagou por estes Crimes foi Empresariado e Empregos Brasileiros. É Inacreditável !!!!!! Criminosos na ânsia por vingança contra a Liberdade, a Livre Iniciativa, a Meritocracia, Empregos e Empresas Privados Brasileiros, gerando uma Nova consciência na Sociedade contra este Estado Caudilhista Ditatorial Absolutista, usaram do Poder e das Forças Policiais para sabotar e prejudicar Empresas Brasileiras e seus Empregos como na OPERAÇÃO CARNE FRACA. São os mesmos canalhas que tentam rotular os Empresários Brasileiros como ‘covardes’. 14.000.000 (Quatorze milhões) de DESEMPREGADOS numa Economia estagnada. “Conheceis a Verdade. E a Verdade Vos Libertará”. Pobre país rico. Mas de muito fácil explicação.

  3. “Marcelo conquistou a progressão com o benefício da “cláusula de eficiência”.

    Segundo esse instrumento, caso o empresário conseguisse trazer nova evidências que comprovasse o que disse à Justiça, o período de prisão domiciliar seria reduzido”

    Primeiro, nao existe i direito de ser solto e “trazer novas evidencias que comprovem” no planeta.

    Segundo, tem alguem escrevendo no blog por pelo menos 5 anos, que tem um problema tao serio com pluraus verbaus que nos fiquemos ate desanimados, viu?

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome