Marco Aurélio impede quebra de sigilo contra filho de Perrella

Filho do senador Zezé Perrella é sócio majoritário de empresa suspeita de lavar propina para Aécio
 
Foto: ALMG
 
Jornal GGN – O ministro Marco Aurélio Melo, do Supremo Tribunal Federal, negou pedido de Raquel Dodge, procuradora-geral da República, para quebrar o sigilo fiscal do filho do senador Zezé Perrella, Gustavo Perrella. Além disso, também impediu um pente-fino nas contas de  Euler Nogueira Mendes, um contador muito próximo de Zezé Perrella, tendo, inclusive, sido alvo de inquérito por crime de lavagem de dinheiro para o senador.
 
Marco Aurélio só autorizou a quebra de sigilo contra Aécio Neves, Andrea Neves, Mendherson Souza e Frederico Pacheco, além das empresas ENM Auditoria e Consultoria, de propriedade de Euler, e da Tapela Participações, controlada pelos Perrella. 
 
Segundo a denúncia da PGR, Gustavo é sócio majoritário da Tapera Participações, uma das empresas que teria sido acionada por Aécio para lavar os recursos recebidos em espécie da JBS.
 
Cerca de R$ 500 mil, recebidos da JBS por “Fred” em uma mala, teriam sido passado pela conta da ENM antes de chegar à Tapera.
 
Para Marco Aurélio, contudo, o fato de Gustavo ser sócio majoritário não é justificativa suficiente para a quebra de sigilo de suas contas. O magistrado disse que era fica “satisfeito” com as informações que serão colhidas na ENM.
 
Em maio, o GGN publicou reportagem detalhando as suspeitas dos investigadores da operação Patmos sobre o uso de empresas de Perrella para lavar a propina que a JBS afirma ter pago a Aécio.
 
Leia mais aqui.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Dallagnol desafia PGR a buscar acesso aos dados da Lava Jato na Justiça

13 comentários

  1. marco….

    Perrella, o dono do heliPÓptero? Presidente do Clube lacaio que dá apoio incondicional ao monopólio dos ‘gângsters’ do futebol CBF/RGT/ J.Hawilla/Del Nero/Teixeira/Marin? Braço direito do Aécim/Mala de Dinheiro? Tudo coincidência. Estamos na Terra da Coincidência. 

  2. Marco Aurélio impede quebra de sigilo contra filho de Perrella

    E depois a sra. Carmen Lucia nota que estão falando mal do STF.

    Mas esqueceu de ver o que acontece dentro do próprio STF.

     

  3. É o MAM protegendo e blindando os amigos e aliados tucanos

    Se alguém tinha dúvidas de que o Marco Aurélio Mello é o FHC do STF, elas agora estão completamente dissipadas. Nessa côrte tucana, Gilmar Mendes é o Serjão Motta e Alexandre de Moraes o boquirroto Aloysio Nunes. Cármen Lúcia é o Alckmin do STF. O Carlos Sampaio do STF é aquele a quem Saulo Ramos chamou de “um juiz de merda”, Celso de Mello. Luís Roberto Barroso é o Pedro Taques do STF. Dias Toffoli é o Cássio Cunha Lima do STF. Luiz Fux é o Arthur Virgílio do STF. Edson Fachin é o Beto Richa e Rosa Weber o José Serra da côrte suprema.

    Com ressalvas, escapa apenas Ricardo Lewandowski. e olhe lá.

  4. MELLO O MALANDRO NA ÓPERA

    MELLO O MALANDRO NA ÓPERA BUFA INTERPRETADA NO SUPREMO BORDEL IMPEDE A QUEBRA DE SIGILO DO FILHO DO TRAFICANTE ZEZÉ PÓRRELA,TUDO BANDIDO E SEGUE OS CAFETÕES DAS LEIS NA SUPREMA CORTESÃ FAZENDO DO BRASIL UM IMENSO PUTEIRO ONDE A BUNDA DO POVO É A CARNE OFERECIDA.

  5. E eu me pergunto :

    Quanto será que cada um está levando, para tanta lealdade ao PSDB e seus amigos e filhos !

    É muito triste pensar assim, mas, de uns tempos para cá, é o que me vem logo à cabeça. Um partido praticamente sem futuro, sem nenhum candidato honesto para concorrer  à Presidência , apesar da proteção  e lealdade caninas em todas as instâncias . Se isto não for por algum tipo de pagamento ou promessas de futuro esplendoroso, não sei de mais nada.

  6. Esse STF além de

    Esse STF além de absolutamente inútil, imprestável, é e sempre foi uma pocilga, um habitat natural de porcos e ratos. Em uma futura Assembleia Nacional Constituinte deve ter todos esses e essas canalhas expulsos/as a pontapés. É preciso derrubar a Bastilha para que o país sobreviva.

    • POCILGA.

      Por falar em POCILGA, o Carlos “Cunha” Marum assume, na próxima quinta, a “Casa COVIL” do quadrilheiro e golpista.

       

  7. Perfumaria

    Se o dinheiro vinha em malas, certamente não passou em conta dos interessados. Vai direto para offshores e volta como investidor estrangeiro ou vai parar em algum apartamento emprestado. No caso do Aécio e irmã sim, o dinheiro, que era para pagar por um apartamento, deveria sim aparecer na conta dele, ou da irmã. É o sinal da a venda do apartamento para o Joesley ou Wadisley, sei lá. Tem que estar lá, integral.

    Quanto ao perrelinha gente, que fique claro, é  filho do Perrella não é o filho do Lula. Trata-se do artigo 716 alínea 1 da nova constituição que diz basicamente o seguinte: a lei é para todos… filhos do Lula.

  8. Há muitos e muitos anos, eu

    Há muitos e muitos anos, eu era uma joverm mãe, na mesa de um almoço dominical, inflamadamente, discordava de meu falecido pai . Ele afirmava que todo homem tem seu preço e eu, tadinha com vinte e poucos aninhos, cheia de sentimentos nobres, dele discordava veementemente. Até me causava muita estranheza sua afirmação. Qdo. ele então me disse: imagine que tu minha filha sejas uma juíza que tem nas mãos um processo ,com provas irrefutáveis, flagrante e tudo o mais , que o réu seja por exemplo, um traficante de cocaína. Aí tu recebes um singelo telefonema : “sabe Dra. aquela sua filhinha que estuda em tal lugar, que tem por babá a fulana que mora em tal lugar e dá uma boa qtidade de informações a respeito dos que te são caros. E quem deu o tal telefonema termina dizendo que pode atér passar muitos anos mas um dia , bem , acidentes acontecem. E eu naquele dia distante mais de 30 anos perdi mais um pouco de minha ingenuidade e conheci meu preço.  É,  todo homem tem seu preço. E segurança, ora bolas, segurança, qdo alguém quer mesmo, acha falhas , não é?

  9. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome