Moro defende advogada e questiona investida de aliado de Cunha contra delatores

Jornal GGN – Em despacho publicado nesta quinta-feira (23), o juiz da Lava Jato, Sergio Moro, saiu em defesa da advogada Beatriz Catta Petra, que há duas semanas foi convocada pelo deputado Celso Pansera, aliado de Eduardo Cunha, para prestar esclarecimentos sobre seus honorários à CPI da Petrobras. Segundo Moro, não há motivos concretos para questionar a legalidade dos pagamentos feitos à Beatriz por seus clientes na Lava Jato.

Moro classificou como “constrangedor” o requerimento feito por Pansera, apresentado à CPI após circular nos bastidores a informação de que Cunha seria citado em delação premiada de Julio Camargo. O empresário disse que o presidente da Câmara cobrou pessoalmente o recebimento de 5 milhões de dólares em propina, em 2011, e informou que o dinheiro seria usado em campanha eleitoral.

“O tema dos honorários contaminados é polêmico. Apesar disso, a investigação poderia se justificar se houvesse indícios concretos de origem criminosa dos recursos utilizados para o pagamento cumulado com prova de que o defensor tinha conhecimento direto de que estaria recebendo recursos de origem criminosa. Entretanto, o requerimento não veicula qualquer apontamento concreto nesse sentido, partindo de uma especulação abstrata”, escreveu Moro.

Após pressão da CPI, Beatriz decidiu abrir mão de todos os clientes que representava na Lava Jato. Segundo informações da Folha, ela vai deixar o País para morar nos Estados Unidos, onde abriu um escritório no ano passado. Desde que renunciou ao caso, ela tem evitado a imprensa.

Moro ainda questionou a iniciativa de Pansera, que tem feito requerimentos focados apenas em advogados ou réus da Lava Jato que decidiram fazer colaboração premiada. O deputado também tentou quebrar o sigilo da família do doleiro Alberto Youssef – que, assim como Julio Camargo, implicou Eduardo Cunha no esquema de corrupção da Petrobras.

Leia também:  MP vai investigar conduta de PMs contra manifestantes antifacistas

Segundo Moro, em “similar situação” de Beatriz estão “diversos advogados de outros investigados ou acusados neste processo, quer tenham firmado acordo de colaboração ou não. Poder-se-ia cogitar de apurar os pagamentos efetuados aos advogados de acusados não-colaboradores como Renato de Souza Duque ou de Nestor Cerveró, que também são acusados de receber propina no esquema criminoso da Petrobras e tiveram ativos sequestrados por ordem deste Juízo.”

“Utilizo os exemplos não para afirmar que deveriam ser investigados, mas para ilustrar que não se vislumbra motivo concreto para, entre tantos e tantos acusados e investigados em similar situação, ter sido selecionado pelo referido deputado exatamente a advogada Beatriz Catta Preta”, acrescentou Moro. “(…) apenas causaria constrangimentos aos acusados e seus defensores, não se vislumbrando, com facilidade, o seu propósito, especialmente quando concentradas, pelo menos os requerimento do aludido Deputado, somente sobre os acusados que resolveram colaborar com a Justiça e nenhum outro”, endossou.

Moro disse, ao final, que não é o caso de atender ao requerimento. Mas antes da decisão definitiva, intimou o Ministério Público Federal e a Ordem dos Advogados do Brasil para manifestarem-se sobre o assunto.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

30 comentários

  1. Um destrambelhado.

    Moro é Juiz ou Advogado de Defesa da Drª Catta Pretta? Moro estará interessado em saber popr que ela vai morar em Miami cheia da grana? Por que ele faz uma acusação ridícula dessas e ele e seus capángas do Paraná – MP e PF – não deixaram a Drª Dora Cavalcanti assistir ao seu Cliente?

     

    Moro, Vá à … pede pra sair… seu tempo está acabando e seus holofotes serão desligados quando Vc não for mais útil a quem lhe promove…

  2. Fuga

    Até parece que é assim um estrangeiro abrir um escritório de advocacia nos EUA. Seria mais franco a advogada dizer: “Vazei”.

    • Está na moda brasileiros

      Está na moda brasileiros abrirem escritórios de advocacia nos EUA, principalnente em Miami e New York. Há vários deles. Não falta trabalho. Mas pela pressa em vazar, a impressão que se tem é que os cavalheiros do Cunha se encontraram por acaso com a advogada num corredor qualquer, justo no momento em que aconteceu um terremoto e faltou energia elétrica.

      • D. Catta Preta tem “green card”?

        Moro fez curso no US Dept. of State, Janot e uma patota foram repentinamente (como a Catta Preta) para lá, sabe-se lá porque, a PF tem suporte e patrocinios de instituições como o FBI, o qual investiga empresas brasileiras na América Latina e virou moda processarem estatais brasileiras nos estêites. 

        Senador brasileiro (?) propõe (em regime de urgência!) a retirada de (mais) prerrogativas da Petrobrás sobre o pré-sal (sem NENHUMA justificativa razoável) e as “agências de risco” (é verdade: acreditar nelas é mesmo um grande risco!) se põem a rebaixar notas de empresas púbicas e privadas (que competem com as de seus países), além do próprio país.

        Mas que coisa hein!…

        • E ……………….

          É meu amigo Acartonado, tem caroço neste angú !!!!

          As viagens do juizinho àquele país, também merece uma investigação. Cadê a ABIN ??????

  3. Esse Moro… Quando a coisa

    Esse Moro… Quando a coisa aperta, ele vaselina… Pediu arreglo, né bonitão da bala chita? A batata esquentou, então o juiz quer repassá-la ao MPF e à OAB. É claro que a OAB deve se manifestar; e de forma clara, citando a Lei que protege o sigilo entre o advogado e o cliente. Como tenho dito: a ESCULHAMBAÇÃO é geral. Não está em discussão a conduta ou a atuação da advogada, mas a legalidade da quebra do sigilo dela. E o que a levou a deixar o caso? Dúvidas e mais dúvidas, as quais difìcilmente serão esclarecidas.

  4. Cachoro, olha teu rabo…

    “”O tema dos honorários contaminados é polêmico. Apesar disso, a investigação poderia se justificar se houvesse indícios concretos de origem criminosa dos recursos utilizados para o pagamento cumulado com prova de que o defensor tinha conhecimento direto de que estaria recebendo recursos de origem criminosa. Entretanto, o requerimento não veicula qualquer apontamento concreto nesse sentido, partindo de uma especulação abstrata”, escreveu Moro.”

    Responda-me Mouro, existe “indícios concretos de origem criminosa dos recursos recebidos por Vaccari, utilizados para o pagamento cumulado com prova de que o Vaccari tinha conhecimento direto de que estaria recebendo recursos de origem criminosa. Entretanto, o requerimento não veicula qualquer apontamento concreto nesse sentido, partindo de uma especulação abstrata”, escreveu Moro.

    Moro ainda questionou a iniciativa de Pansera, que tem feito requerimentos focados (seletivos) apenas em advogados ou réus da Lava Jato ( do PT) que decidiram fazer colaboração premiada. O deputado também tentou quebrar o sigilo da família do doleiro Alberto Youssef – que, assim como Julio Camargo, implicou Eduardo Cunha no esquema de corrupção da Petrobras.

    Segundo Moro, em “similar situação” de Beatriz (e também do PT) estão “diversos advogados de outros investigados (os tucanos) ou acusados neste processo, quer tenham firmado acordo de colaboração ou não. Poder-se-ia cogitar de apurar os pagamentos efetuados aos advogados de acusados não-colaboradores como Renato de Souza Duque ou de Nestor Cerveró, que também são acusados de receber propina no esquema criminoso da Petrobras e tiveram ativos sequestrados por ordem deste Juízo.”

    “Utilizo os exemplos não para afirmar que deveriam ser investigados, mas para ilustrar que não se vislumbra motivo concreto para, entre tantos e tantos acusados e investigados em similar situação, ter sido selecionado pelo referido deputado exatamente a advogada Beatriz Catta Preta” (Mas a seletividade e o vazamentonão é uma pratica corrente deste juízo?), acrescentou Moro. “(…) apenas causaria constrangimentos aos acusados e seus defensores, não se vislumbrando, com facilidade, o seu propósito, especialmente quando concentradas, pelo menos os requerimento do aludido Deputado, somente sobre os acusados que resolveram colaborar com a Justiça e nenhum outro”, endossou.

     

    Dr. Moro, responda-me, o que vossa exelencia escreveu é um “Auto de confissão de culpa”?

     

    Que os advogados de defesa guardem bem esse texto do dotô.

  5. O juiz provinciano está cada

    O juiz provinciano está cada vez mais atolado nas suas contradições. Se ele é tão preocupado com a publicização de suas ações, qual é o problema da advogada explicar suas orientações aos clientes e que vantagem obteve para si e para quem mais estiver envolvido? Se tudo está tão nebuloso pelos cruzamentos da ações espetaculosas, entrevistas coletivas, gravações, erros grosseiros e gafes jurídicas, por que o público não pode saber o que está acontecendo nos bastidores da lava jato? Dá um tempo juiz Moro, devagar com o andor que o santo é de barro.

  6. A tal Beatriz agiu de comum

    A tal Beatriz agiu de comum acordo com o Moro para excitar as delações premiadas. Os paus – mandados do Cunha foram eficientes…

  7. Só não é constrangedor quando

    Só não é constrangedor quando ele, o Moro, prende sem que os acusados tenham suas garantias, dadas pela Constituição do Brasil, respeitadas.

  8. Que fofo, reclamando de

    Que fofo, reclamando de especulações abstratas e seletividade. Não é exatamente com base em denúncias abstratas/não-comprovadas e em seletividade total no PT que está baseado todo o processo da lava-jato?

    • Não,
      está baseado em

      Não,

      está baseado em declarações dos réus em colaboração com a justiça, e de evidências, como o rastreamento de tansferências de dinheiro de diversas fontes ao caixa do partido pelas empresas envolvidas, através de empresas de faxada 

    • abstrato

      A corrupção até agora descoberta não tem nada de abstrata. Vamos considerar que o juiz quer por na cadeia toda e tão soment a ala petista e pró PT.Até aí estamos de acordo. Ficaria faltando a outra metade.Mas, segundo  se fala em toda a mídia e nos botequins,   tem corrupto saindo pelo ladrão, ops.

  9. Pqp, tá explicado a pulga

    Pqp, tá explicado a pulga atrás da orelha do Fernando Britto: http://tijolaco.com.br/blog/?p=28450

    É a origem do dinheiro dessa advogada que não pode vazar de forma nenhuma e que provavelmente melaria tudo. Tem mutreta aí.

    Ela deve estar sendo paga por alguém interessado na condenação dos principais da Lava Jato e por isso fugiu do país e Moro provavelmente nem sabe quem é (acredito eu, sabendo de toda atenção que qualquer declaração dele tem nos dias atuais, não imagino que ele traria os holofotes para esse assunto. Ou então ele seria muito burro. Ou está se fazendo de ingênuo para passar a imagem de inocente).

    Esse Eduardo Cunha é um gênio do mal.. Colocou o Moro nas cordas em dois pulos depois que foi indiciado. 

    Impressionante como ele conhece todos os meandros de onde ocorre sujeira (provavelmente por seus tentáculos se estenderem em várias direções)

  10. Moro perdeu completamente a

    Moro perdeu completamente a noção, vale-se de seus despachos para bater boca com a Presidente da República, com deputados, com a CPI, comos e tivesse alguma competência para ficar questionando os atos desses agentes.

  11. Nunca antes neste pais um

    Nunca antes neste pais um juiz de PRIMEIRA INSTANCIA tomou para si, com a concordancia dos seus superiores, o direito de tentar PARALISAR o pais, só para prejudicar um governo eleito democraticamente.  

  12. Independência dos Poderes

    O juiz tem procuração para representar a Advogada? Aliás, o que ele tem a ver com a Advogada e com uma convocação do Poder Legislativo para ela prestar esclarecimentos? Cabe a um juiz de primeiro grau censurar a atuação de outro Poder da República? Em que contexto essa manifestação foi registrada? Creio que para essa manifestação ser cabível caberia melhor se candidatar ao Poder Legislativo e, numa sessão, pedir a palavra em pé de igualdade com os demais parlamentares eleitos. Estranhíssima essa manifestação a respeito de Advogado em um processo,. Nunca vi uma coisa dessas. Cadê o CNJ?

  13. Esse juíz moro é um pândego,

    Esse juíz moro é um pândego, numa ví conceito de ética e moralidade mais seletivas, pois para ele toda contribuição eleitoral para o PT mesmo declarada e aprovada no TSE é propina, já as doações das mesmas fontes para o PSDB é dinheiro alvo como a lúz do sol, da mesma natureza do arrecadado em bingos de Igreja.

    E agora arvora-se em “defensor dativo” da advogada Cata Preta, a rainha das delações premiadas justo na vara que ele preside como um tiranete de aldeia.

    Pergunto: o que o Juíz  Moro tem a ver com a vida e trabalho da Cata Preta ? 

     

    Agora ele, além de Inquisidor Geral da República,  também acumula funções de Auditor da Receita Federal para atestar a idoneidade da enorme grana que a Cata Preta ganhou nos processos de delação sob sua direção?

     

      Então é assim, eu prendo e arrebento os maiores empresários e empresas do país, sem provas, mas porque eu quero e posso e deixo eles apodrecer na cadeia até que eles a chamem e concordem em fazer uma delação e falar tudo que eu quero ouvir e acusem a todos que eu quero que acusem ?

     

    Quando alguém vai colocar um freio nas ilegalidades e arbitrariedades praticadas por esse juíz de provîncia que está estuprando o código de processo penal, o código penal e as garantias coletivas e individuais da constituição federal ?

     

    Onde está a OBA, os ministros do STF, todos se ajoelharam perante os desmandos desse déspota de curitiba ?  No que vai dar essa insanidade, vão deixar ele quebrar o país no seu sonho megalomaníaco de justiceiro independente do arcabouço juridico e legal do país?

     

    #vergonhadeserbrasileiro.

  14. Por que ele defende tanto essa advogada?
    Se ele defende tanto essa advogada é porque sabe que tem sujeira debaixo do tapete.
    O Cunha já sacou qual é a do Moro.
    Um exibicionista!
    Foi só pressionar a advogada que ela abandonou o barco.
    Tem coisa errada aí.
    Investigar a lista de Furnas ninguém quer neh

  15. Tem gente que acredita em

    Tem gente que acredita em fadas. Outros em duendes. Outros em deus. Outros no coisa ruim.

    Outros acreditam em juiz. Outros nas leis. Outros acreditam na lógica de uma ciencia social chamada direito.

    Outros acreditam que os outros acreditam nele. hehehe

  16. Ai tem coisa …

     

     Primeiro quer pautar a CPI. Segundo sai em defesa de uma advogada cuja contratação é pra lá de suspeita. Já foi questionado o fato dos delatores, miseriosamente, dispensarem seus antigos advogados e contratarem essa senhora Terceiro, se não há indícios concretos da origem criminosa dos recursos utilizados para o pagamento da senhora advogada, por que o mesmo raciocinio não pode ser aplicado aos partidos? Ou seja,  por que questionar a legalidade das doações feitas aos partidos, especialmente ao PT? Qual é o indicio ou prova que o juiz tem, que o recurso doado é de natureza criminosa? Moral da história. Se o Juiz duvida dos partidos, a CPI tem todo direito de duvidar da advogada. Afinal a criatura vai receber mais de 20 milhões de reais, e sumir do mapa. Muito estranho isso. Muito esquisisto. E esse juiz tem nada que questionar as convocações da CPI ???

     

  17. Essa advogada tem muita

    Essa advogada tem muita historinha para contfar ao pais. Se ela cair o Juiz Moro cai com ela. Tenho certeza que ela deve saber de muita coisa. Ela tem que ir sim a CPI … ela defendeu inúmeros bandidos que desviaram dinheiro público, tudo indica que ela recebeu uma boa parte. Seria interessante quebrar o sigilo dela, dos procuradores, dos delegados … iriamos ter bastante surpresas … pelo menos eu acho.

  18. O caipira de Maringá…se

    atolou mais uma vez.

    Depois de exigir dos advogados de defesa da Odebrecht explicar como a fariam a defesa de seus cliente agora vem defender a advogada cumplice nas delações muito mais que premiadas por ele e o MPF. Não poderia ser mais imberbe e ridiculo.

    Será que a dignissima doutoura poderia relatar algumas situações constrangedoras em suas negociatas de delações com o apoio do magistrado, evidentes tamanha preocupação desse?

    Perguntem-se: por que uma advogada, uma única advogada, conduz 18 delações premiadas?

    Nem Gauss, aquele alemão maluco que em toda sua vida viajou 3 vezes e desafiou os deuses com sua curva normal, explica tamanha coincidência.

    O nome disso é conluio.

    Ahh, ia me esquecendo ela foi a advogada da primeira delação do Youssef no caso Banestado. Querem mais?

  19. BRIGA DE PITBULLS RAIVOSOS

    O conluio armado desde o ínicio na lava jato entre o PIG, a TUCANLHA, a PF, o MORO e a CATTA, era para colocar AÉCIO na presidência.

    Mesmo com o esmerado empenho, o objetivo falhou na primeira tentativa.

    Não satisfeitos com isso,  forçaram um terceiro turno com o apoio de MENDES, que também não deu certo.

    Partiram então para um golpe judiciário ao estilo paraguaio, um pouco melhorado e que agora inclui os probos do TCU.

    Só que além de enfiarem os pés pelas mãos, não contaram com um forte oponente da mesma LAIA:

    EDUARDO CUNHA.

    Raposa velha de dentes bem afiados, lingua ferina, fora o alto poder de per$ua$ão e pressão.

    Com o comando do outro poder paralelo nas mãos, com o apoio do baixo clero e também do PIG, que pra derrubar o governo PETISTA vende até a mãe. Entra na cena da disputa pelo poder, arrebentando com tudo.

    Entrou tão forte que botou o escudo da TUCANALHA e do AÉCIO  a queridinha de CLÁUDIO, pra correr pro PARAÍSO preferido dos corruptos e sonegadores:

    MIAMI.

    Que o diga BARBOSA, MARIN, e outros coxinhas menos cotados.

    Desesperados, MORO e seus aseclas que antes tentaram impedir entre outros,  a advogada do MARCELO ODEBRECH de exercer sua função, sai agora desavergonhosamente em defesa da advogada CATTA PRETTA, e também da TARJA PRETA, tentando justificar sua FUGA.

    Pode isso JANOT???

    Pode isso TEORI???

    Essa LUTA do MAL contra o MAL entorno da CORRUPÇÃO não é para acabar com ela, é pra PRESERVA-LA.

    E, qualquer um desses DÉSPOTAS que ganhar nessa disputa ESPÚRIA, PERDE O BRASIL, PERDEMOS TODOS NÓS!!!.

     

  20. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome