Tacla Durán está certo quando fala na Panela de Curitiba

Diário do Centro do Mundo: Zucolotto é advogado da construtora do desembargador que vendeu apartamento a Moro em Curitiba
 
casa_de_sergio_moro.jpg
(Foto Reprodução)
 
Sugerido por Jackson da Viola
 
 
 
Curitiba é um ovo, como dizem os antigos.
 
Sergio Moro comprou seu famoso apartamento do colega Márcio Antônio Rocha em 2002 por R$ 173,9 mil (em valores atualizados, R$ 460 mil).
 
Como até a Suzana Vieira sabe, Moro recebe auxílio moradia, embora viva a três quilômetros do prédio da Justiça Federal, onde trabalha.
 
Hoje desembargador do TRF 4, Rocha aparece como sócio da TCR Empreendimentos, cuja atividade principal é construção de edifícios e a secundária, incorporação de empreendimentos imobiliários.
 
Quem é o advogado da TCR?
 
Carlos Zucolotto Junior, o amigão de Moro, ex-sócio de sua mulher Rosângela. O DCM tratou dessa relação em algumas ocasiões. 
 
Tacla Durán está certo quando fala na Panela de Curitiba.
 
imágem predio-moro
 
predio-moro-zucolotto-338x600.png

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Por trás daquele encontro, por Homero Fonseca

7 comentários

  1. Atenção

    Profissional de outra área que não a construção (como no caso do Juiz), utilizam a pessoa jurídica de uma construtora para lavar dinheiro. Cabe aqui uma profunda pesquisa. Na época do BANESTADO, onde o Moro e Youssef foram também protagonistas, pode ter surgido essa enorme lavanderia de Curitiba.

  2. Vamos investigar esta

    Vamos investigar esta quadrilha do moro. precisamos desmoralizar estes moralistas sem moral e mostrar à população quem sao estes bandidos.

    Lembram do delagnoll que entrou no mpf epla janela, do especulador do minha casa minha vida, do palestrante sonegador, etc etc

    Auqle barbicha de merda que foi aos eua tentar afogar as investigações do banestado?

    As passoas precisam saber quem são os paladinos da moral.

    É preciso encontrar um meio de mostrar isto para a ppulação. Os blogs “sujos” não vão resolver o problema, uma minoria os acessam. precisamos atigir mais gente.

    Se preciarem de dinheiro façam vaquinhas. colaborarei com todas.

  3. Na lava-jato qualquer indicio

    Na lava-jato qualquer indicio de operação criminosa é o suficiente para condenar. Invertendo as posições, se o juiz fosse um investigado essa noticia seria o suficiente para aumentar a acusação. Um exemplo:

  4. Esperando que não me joguem pedras

    O problema de ação entre amigos ou de agrados e mimos a quem tem algum poder sempre exixtiu e existirá. Como disse o André mais de uma vez, não há Pollyanas se envolvendo na política, e certas atitudes, por bem ou mal fazem parte do jogo, e se tem de jogá-las. Declarar que vendeu imóvel por preço menor que foi pago todos sabemos que é corriqueiro, não seria o fato de ser juiz que isto seria impossível de acontecer. O foda é a moralidade apregoada.

    Como exemplo, alguém em sã consciência imagina que se irá contratar as duas maiores construtoras brasileiras para se fazer uma reforma em sítio no interior de SP? 

    E quanto a valorização do imóvel, na mesma época comprei o meu em BH por 80.000 hoje multiplico por 5 o valor ( basta olhar em sits de imóveis)

  5. O amigo do traficante,

    esposo da ladra e vendedor de sentenças realizou um Ato de Ofício Indeterminado em troca de receber como vantagem indevida um apartamento subfaturado, sendo que, nesse caso, o imóvel estaria no nome e na posse do suposto corrompido e não do construtora.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome