Cidade&Poeta&Sartre, por Romério Rômulo

A ele entrego o meu segredo.

Foto Antanas Sutkus

Cidade&Poeta&Sartre

por Romério Rômulo

 

  1. A função da cidade

 

cabe à cidade me conter o corpo

me deixar corrente

me dizer do outro

e se a ela falo tudo que devo

cabe ao outro decidir minha morte.

 

  1. A função do poeta

 

cabe ao poeta aclamar meus sentidos

me ouvir do alto

dizer se sou mais, se sou menos

e me redimir.

 

  1. A função de Sartre

 

A Sartre sobraram o muro

e a sombra.

A náusea é um instante.

 

A ele entrego o meu segredo.

 

Romério Rômulo

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Os Rifões de Sancho Pança

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome