Guatemala se oferece para sediar a Cúpula do Clima que Brasil recusou

Jornal GGN – Depois que o Brasil apresentou formalmente, via Itamaraty, a recusa em sediar a Cúpula do Clima, a Guatemala se apresentou como candidata para organizar a Conferência. O evento está marcado para novembro de 2019. Alfonso Alonzo, ministro de Ambiente e Recursos Naturais da Guatemala, confirmou a informação. Costa Rica e Chile também se candidataram.

A Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP-25) é um importante evento que reúne países em torno da premente questão ambiental e climática.

‘A Guatemala se postulou como país anfitrião da Conferência das Nações Unidas sobre a Mudança Climática, evento no qual se discute o futuro do mundo a respeito do clima, disse Alonzo à Agência Guatemalteca de Notícias (AGN), canal público de comunicação do país.

A Guatemala pediu à sede e Honduras apoio à candidatura diante das Nações Unidas. De acordo com o ministro, esta é uma demonstração da ‘vontade e responsabilidade’ do presidente Jimmy Morales com o meio ambiente.

Ele lembrou ainda que nunca se organizou, na Guatemala, um evento como a COP25 e, tal feito ‘seria como se tivéssemos a Copa do Mundo ou os Jogos Olímpicos da mudança climática’. Alonzo diz que a Guatemala espera que as Nações Unidas tomem a decisão nos próximos dias e que o país tem infraestrutura para sediar o evento, demonstrado na 26ª Cúpula Ibero-Americana, que ocorreu em novembro último.

A Guatemala tem representantes na Cúpula do Clima das Nações Unidas de 2018 (COP24), que acontece entre os dias 3 e 14 de dezembro na Polônia. O ministro irá representar o país e destaca que, apesar de ser um dos países que menos contamina o planeta, com 0,004% do total das emissões mundiais, é um dos dez mais vulneráveis.

Leia também:  Bolsonaro desdenha da vacina chinesa antes de ter a de Oxford garantida

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome