Bekwyjkà Metuktire, esposa do Cacique Raoni, presente!

A guerreira trilhou mais de oito décadas junto de Raoni, acompanhando, dando suporte, criando uma história conjunta.

Jornal GGN – A esposa do Cacique Raoni, Bekwyjkà Metuktire, morreu hoje, dia 23, após um infarto seguido por um acidente vascular encefálico. A guerreira trilhou mais de oito décadas junto de Raoni, acompanhando, dando suporte, criando uma história conjunta.

O Instituto Raoni, através de seus colaboradores, soltou nota de pesar pela perda de Bekwyjkà. Leia a seguir.

“O *Instituto Raoni* vem, com imenso pesar e tristeza, comunicar o falecimento de Bekwyjkà Metuktire, esposa do Cacique Raoni.

Manifestamos nossa dor e os mais profundos sentimentos pela perda dessa nobre mulher, mãe, esposa, avó, guerreira e tantos outros adjetivos que são atribuídos a ela por toda sua história e trajetória de amor, carinho e companheirismo junto ao cacique Raoni.

Nascida na antiga aldeia Kapot, em 1930, filha do cacique Tapiete e Kokoyaumti Metuktire, Bekwyjkà conheceu o cacique Raoni ainda muito jovem.

Tanta história, tanta luta, tanta ternura e tanto companheirismo

“Olhei para o céu e de longe vi uma estrela, a mais bela de todas e na minha admiração, ela se aproximou e desceu aqui na terra. Então pude ver que ela era ainda mais linda… essa é a minha estrela”. Fala do Cacique Raoni em referência a sua esposa.

Um amor verdadeiro, o forte o bastante para estar do lado do cacique Raoni por mais de 8 décadas e com ele construir uma bela família, mãe de Kokonã, Bekwyjrày, Kokotô, Prejky, Atoronget, No`ôktire (em memória), Ymoro (em memória) e Tedjê (em memória).

Com a saúde já bastante comprometida e bem debilitada devido a idade avançada, Bekwyjkà teve complicações devido a um IAM – Infarto Agudo do Miocárdio, seguido por um AVE – Acidente Vascular Encefálico. A sua caminhada aqui na terra terminou hoje, 23 de junho de 2020, na aldeia Metuktire.

Hoje a estrela Bekwyjkà volta a brilhar no céu e nós continuamos a admirá-la, ainda que nossos corações estejam entristecidos, somos gratos pela oportunidade de tê-la conosco.

Siga em paz Bekwyjkà, que sua passagem seja iluminada, que sua família seja confortada e que nosso Cacique Raoni seja amparado por todo amor e carinho que sempre recebeu de sua amada esposa.

Uma homenagem de toda equipe do Instituto Raoni”

Foto: Patrick e Sue Cunningham (Eke e Nhogogo)

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome