Muito obrigado, João de Deus!, por Luciano Hortencio

Nós, cearenses, no dia nove de julho de 1980, tivemos a grande honra de receber o Papa João Paulo II em Fortaleza, por ocasião do X Congresso Eucarístico Nacional. Nossa cidade teve a primazia de receber João de Deus em sua primeira viagem ao Brasil e toda a comunidade foi mobilizada para participar, de uma forma ou de outra, de tão inusitado evento.

Todos queriam ver o Papa, independentemente da religião ou credo seguido. Ninguém queria ficar de fora.  João Paulo II, aos que não puderam ir vê-lo no Estádio Plácido Castelo – Castelão, deu a oportunidade de visualizá-lo através do veículo denominado Papa-Móvel.

Por ocasião da abertura do X Congresso Eucarístico Nacional, com Missa Solene, todos os corais de Fortaleza se juntaram para cantar na cerimônia religiosa, todos entusiasmados e imbuídos na vontade de fazer o melhor para o carismático João Paulo II. Integrei o grande coral com os demais componentes do Coral de Câmara do Ceará.

Tendo em vista que o número de coralistas era muito grande e o espaço para o Coro relativamente exíguo, houve um ruge ruge por parte de alguns, lutando para ficar mais ao centro, para melhor ser visto e filmado. Como sempre tive o costume de cantar nas pontas, por preferência minha e por ser um pouco mais alto, fiquei à espera de que todos se acalmassem e peguei meu lugarzinho no final da fila.

Ora, ora, ora! Não é que João Paulo II ficou posicionado exatamente na ponta em que eu estava? Tive dele visão privilegiada e, o mais importante vem agora. Em determinado momento, fez-se silêncio absoluto no Castelão. Denso! Não se ouvia absolutamente nada! Sem que eu nem soubesse como nem porque, tomei fôlego e gritei o mais forte que pude:

A benção, JOÃO DE DEUS!

Leia também:  Niva, as águas que passam às vezes voltam... por Luciano Hortencio

Ele olhou na minha direção e, coincidência ou não, fez o sinal da cruz em resposta! Jamais esquecerei esse momento.

Relembrando esse momento, editei OBRIGADO, JOÃO PAULO, composição de Luiz Gonzaga e Pe. Gotardo Lemos, na voz do querido Rei do Baião e compartilho com todos.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

18 comentários

  1. O Papa é Pope!

             Lulu, quando você acercar-se, no meio do mato, do meu “papa-móvel”,

             benza-se com a mão canhota, pra não ficar, deverasmente, assustado.

            

             Se você não acionar “os homi”, imediatamente, ficarei, eternamente, grato e te direi:

             – Por favor Tenor, não cante nada não; me deixa em paz!

               Obrigado Cearense de Deus!

               Fui!

  2. Obrigado por que?

    Foi o papa que apoiou a direita sem nenhúm escrúpulo… só queria era derrubar qualquer vestígio de socialismo.

    Um papa que abraçou o Pinochet.

    Não, obrigada.

    • Sra. Carla Antonia!

      Nada há a agradecer, até porque nada lhe ofereci!

      No entanto, envio à senhora várias fotos demonstrando que um abraço tanto pode ser mera formalidade quanto um ato de amor ao próximo.

      luciano

  3. Estive também neste dia no

    Estive também neste dia no Castelão. Era menino, saímos de casa ainda de madrugada para podermos entrar. Muita gente, muito calor, mas valeu a pena participar desse momento histórico para Fortaleza.

  4. Mineirinho

                       não ajoelha,

                       nem pra pedir perdão

                       quando tropeça

                       na saia da mulata no salão

    [video:https://youtu.be/ONzKRAXQG_A width:600]

  5. Fala sério, Luciano Hortencio!

    …E aí, lá do palco, no meio de “Papa Don’t Preach”, Madonna mandou um beijo que eu tenho certeza de que foi só pra mim…

    Trechinho de “Reflexões de um Século Esquecido – 1901-2000”, de Tony Judt:

    “No Chile e na Argentina, durante suas visitas, em 1987, ele [JP2] dedicou várias horas de seus discursos públicos a ataques a propostas de liberalização das leis do divórcio, mas se recusou a receber vítimas da repressão de Pinochet e as Mães da Praça de Maio na Argentina. Sua compaixão pelos não nascidos, ao que parece, poderia, conforme o caso, exceder sua simpatia pelos vivos – ou pelos mortos.”

    • Madonna não mandou pra ti

      tendo em vista que estás sempre escondidinho, agin court e grosso… rsrsrsrsrsr

      Em relação ao Papa apenas falei que ele era extremamente carismático e isso reafirmo agora. Quanto a ser isento de pecados… Atiras tu a primeira pedra?

  6. Imagético Lulu Boca Dura

           É de noite, é de dia!
           Eu não aguento, eu não aguento!
           Dar explicação no blog transformado
           em página de relacionamento desembestado.

    [video:https://youtu.be/NiVuVVm3ta4%5D

           De gênio eu sou uma cachaça
           Mas de alma um guaraná
           Só não me péla com a unha
           Quem pretende me pelar
           E depois que eu fico brabo
           Não adianta me adular

    [video: https://youtu.be/FY-jfynqs54%5D

     

     

     

     

  7. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome