Agência Xeque: apesar do terrorismo, dólar está 65% abaixo do pico de 2002

Arte Dreamstime

Toda eleição se recorre ao terrorismo do dólar com objetivos eleitorais.

Todos os jornais vêm divulgando matérias de que o dólar atingiu o maior valor desde o real, por receio da candidatura de Fernando Haddad.

É notícia falsa. Só se pode comparar valores do dólar se levar em conta a inflação do período. Levando em conta apenas a inflação brasileira, através do IGP-M, o pico do dólar em 2002 corresponderia a R$ 11,72 em valores de hoje. Como o dólar está em R$ 4,19, significa que seu valor é 65% inferior ao pico de 2002.

Se incluir a inflação americana no período, o valor cai um pouco, mas ainda assim continuará muito mais baixo.

 

10 comentários

  1. Quanto mais barulho fizerem,

    Quanto mais barulho fizerem, mais fácil especularem. Nesses momentos de indefinição política os especuladores globais ligados aos bancos atuam para tumultuar e lucrar com o caos!

  2. Relativizações…

    No “fact check” do G1, essa nota poderia ser descrita como “não é bem assim”.

    O valor nominal do dólar realmente chegou a seu maior valor. Que importância tem isso ? Para tal, aí sim precisamos levar em conta não só a inflação interna como a inflação em dólar (sim, ela também existe).

    Segundo a calculadora de inflação dos EUA (https://www.usinflationcalculator.com/), eles experimentaram uma inflação de 40,2% entre 2002 e 2018.

    Já de acordo com a calculadora de inflação do BC (https://www3.bcb.gov.br/CALCIDADAO/publico/exibirFormCorrecaoValores.do), tivemos 200,75482% de inflação considerando o período entre setembro de 2002 e agosto de 2018 (último valor disponível) considerando o IGP-M como índice. Assim, para calcular o valor da moeda descontados os efeitos inflacionários em real e dólar, temos que multiplicar o valor do câmbio em 2002 pela razão entre os índices de inflação interna e externa. Ou dividir a cotação atual para chegarmos ao valor de 2002.

    Assim, a razão entre os índices seria (3,0075482/1.402) = 2.1452. Ou seja, a cotação de dólar a 4 reais em 2002 seria hoje algo como 8,29, ao passo que o valor do dólar hoje em 4,20 seria em 2002 algo como 1,96.

  3. Na Argentina, onde o

    Na Argentina, onde o presidente, democraticamente eleito, é um queridinho do mercado, o dólar está nas alturas.

    No dia em que a população souber o que é especulação, acaba toda essa histeria.

    A especulação não tem candidato preferido, não tem candidato temido, não tem candidado indiferente.

    Qualquer um serve para seus propósitos.

    Navega com qualquer vento.

    E até sem vento.

  4. Cadê a Regina Duarte?

    Ué, então em “dólar está caro por causa da candidatura do PT” há pelo menos duas mentiras. O dólar não está tão caro assim e mesmo que estivesse, não seria por causa da candidatura Haddad.

  5. bem observado

    Lascou-se.!!!

    Agora os especuladores descobriram que têm muito mais “espaço” para especular com moedas.

    E se não são as eleições, é a Argentina, Turquia, Trump…qualquer coisa!

  6. O DOLAR, como eu ja disse ha

    O DOLAR, como eu ja disse ha quase um mes, deverá chegar aos 4,25 ou 4, 30 reais, QUE É A INFLAÇÃO REAL DO ÚLTIMO ANO NO BRASIL. 

    A picaretagem financeira (dolar , bolsa) tem suas lógicas pois  eles sabem que não podem exagerar , ou a roubalheira E AGIOTAGEM VAI “PRO SACO”.

    Aquela “inflação” apelidada por mim de “zerovirgula” que a globogolpe inventou junto com o IBGE, faz parte do golpe, está longe da realidade do POVO BRASILEIRO. 

    Redução do Salário Mínimo e aumentos descabidos de combustíveis, energia, gás, etc, ESTÃO ACABANDO COM OS CONSUMIDORES da “ERA PT”.  E dizer que chegamos a fabricar QUATRO MILHÕES DE AUTOMÓVEIS Heim?

    Mas nossos “espertos” empresários pequienos e médios, estão apoiando essas políticas de redução de empregos, salários e benefícios sociais para “entregar” o dinheiro para meia dúzia de famíglias.

    É minha opinião. Angelo

  7. O DOLAR, como eu ja disse ha

    O DOLAR, como eu ja disse ha quase um mes, deverá chegar aos 4,25 ou 4, 30 reais, QUE É A INFLAÇÃO REAL DO ÚLTIMO ANO NO BRASIL. 

    A picaretagem financeira (dolar , bolsa) tem suas lógicas pois  eles sabem que não podem exagerar , ou a roubalheira E AGIOTAGEM VAI “PRO SACO”.

    Aquela “inflação” apelidada por mim de “zerovirgula” que a globogolpe inventou junto com o IBGE, faz parte do golpe, está longe da realidade do POVO BRASILEIRO. 

    Redução do Salário Mínimo e aumentos descabidos de combustíveis, energia, gás, etc, ESTÃO ACABANDO COM OS CONSUMIDORES da “ERA PT”.  E dizer que chegamos a fabricar QUATRO MILHÕES DE AUTOMÓVEIS Heim?

    Mas nossos “espertos” empresários pequienos e médios, estão apoiando essas políticas de redução de empregos, salários e benefícios sociais para “entregar” o dinheiro para meia dúzia de famíglias.

    É minha opinião. Angelo

    • VOLTOU MEU COMENTÁRIO.

      VOLTOU MEU COMENTÁRIO. Desculpem, sou meio ruim nesse negóci de internet.

      OBRIGADO !

  8. com o lulismo o mercado sempre vence

    O mercado está reagindo com sinais opostos. Por um lado, não gosta da hipótese de ver Haddad no segundo turmo. Mas, como Haddad sinalizou (e as forças de mercado no exterior confirmam o gesto) que ele será um gatinho manso com os interesses do capital, o “risco Haddad” está diminuindo. Afinal, tinha uma razão de ser ele ter se tornado funcionário do “posto Ipiranga” Paulo Guedes.  Cada dia mais se confirma o que circula pelas redes sociais: Haddad é o mais tucano dos petistas. Por outro lado, a pesquisa Datafolha foi positiva para as forças do mercado, Haddad vai para o segundo turno mas provavelmente não leva a eleição. É o único candidato que perde para o Bolsonaro. A velocidade com que cresce sua intenção de voto é semelhante a que cresce seu índice de rejeição. Está conseguindo a até então impensável transferência de voto útil anti-progressista para a extrema-direita. Nessa eleição, como em outras desde o inicio do século, se confirma a “estratégia eleitoral mexicana” do lulismo: “jogamos como nunca e perdemos para o mercado como sempre”. Se o segundo turno for Haddad vs Bolsonaro não importa quem chegar na frente, as forças de mercado já se sentem como tendo jantado essa eleição.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome