Ford anuncia que vai fechar fábrica de São Bernardo

Anuncio ocorre após ameaça da GM de também abandonar o país. 2,8 mil funcionários da montadora serão afetados

Foto: Divulgação

Jornal GGN – A Ford anunciou nesta terça-feira (19) que vai encerrar a fábrica de São Bernardo do Campo (SP), no ABC paulista. A unidade da fábrica tem 2,8 mil funcionários e o motivo alegado é “o retorno à lucratividade sustentável de suas operações na América do Sul”.

O presidente da montadora na América do Sul, Lyle Watters, que anunciou o fechamento das atividades da Ford em São Bernardo, disse que quer atuar com “modelo de negócios mais ágil, compacto e eficiente”.

“A Ford está comprometida com a América do Sul por meio da construção de um negócio rentável e sustentável, fortalecendo a oferta de produtos, criando experiências positivas para nossos consumidores e atuando com um modelo de negócios mais ágil, compacto e eficiente”, disse.

Ainda de acordo com Watters, foram “meses de busca por alternativas” para manter a fábrica de São Bernardo e no país em funcionamento, o que não foi possível, justificou. Além da Ford, a GM também criticou as condições do mercado brasileiro de automóveis.

Carlos Zenga, presidente da GM no Mercosul, afirmou que a montadora também está considerando abandonar o país, caso não tenha ajuda nos investimentos. “”Não se pode sair da lógica de que uma companhia investe com expectativa de retorno razoável. Sem investimentos, a situação da GM vai ficar complicada”, disse.

Leia também:  Irene Atienza e Douglas Lora: Bolero e Samba marcam presença em São Paulo

17 comentários

  1. Meu usuário não conecta! Não é problema de senha, já mudei e não conecta, o problema é no usuário “Marcos Carvalho”

  2. “Entao o secretario sorriu aliviado e deixou escapar: “Hei, alguem tem que dar emprego pros favelados daquela favelinha de Detroit… E nao vai ser a GM!”
    “E sorriu mais um pouquinho …”
    Zeh fini.

  3. Parabéns, meus parabéns!
    O Brasil começa a se parecer com os Estados Unidos. De algum modo.
    Com Detroit.
    É uma “boa história”. Podem começar a leitura por aqui, em https://www.theguardian.com/world/2009/nov/01/detroit-michigan-economy-recession-unemployment. Mas também https://www.dn.pt/mundo/interior/detroit-de-cidade-quase-fantasma-a-capital-da-mobilidade-9061233.html.
    O mesmo vale para Nova Iorque.
    Detroit era a cidade automobilística. Porém, de fins da década de 1960 e meados da década de 1970, empresas automobilísticas começaram a deixar a região. Com ela, vão-se os empregos industriais e toda uma cadeia produtiva local. É aí onde começam os desastres, com altas taxas de desemprego, uma cidade falida, pessoas sem ter para onde ir, criminalidade, uso de drogas e tudo que daí decorre.
    Em Nova Iorque não foi diferente. Sabem o que é uma cidade falir? Ah, sim, estamos no Brasil, as cidades e os estados com pires na mão. Não é por acaso que a cidade vira tema de si mesma. Fort Apache, com Paul Newman; Taxi Driver, com Robert DeNiro; Warriors – Guerreiros da Noite.

  4. É mais um grupo de trabalhadores que se Ford.
    Nos tempos de sindicalistas de fala roufenha e super heróis de macacão vermelho os trabalhadores podiam dizer:
    E agora, quem poderá salvar-nos?
    Agora, eles podem orar e com o dinheiro de suas demissões tornarem-se empresários, para a honra e glória, porque já estão salvos.

  5. Ford, GM. Velhas conhecidas do mercado, incapazes de inovar. Lucram 30% em cima de cada carro, vendem com isenção de impostos para deficientes, sem tirar um centavo do lucro, pagam bônus milionários para seus executivos, e choram quando a concorrência está alta. É só ver o mercado americano para entender melhor a situação crítica dessas montadoras.

  6. Este é um momento unico para os trabalhadores metalúrgicos.
    Assumam estas fabricas, montem empresas sustentáveis com foco no não-prejuizo e manutenção dos interesses dos envolvidos (Empregados, Fornecedores e Estado).
    Produzam e vendam carros a um preço justo.

  7. Mas como assim? A Reforma da Previdencia não iria fazer o Brasil crescer e a economia bombar?
    Como virá o mitico ” INVESTIDOR ESTRANGEIRO” do Paulo Guedes se os investidores antigos estão indo embora/ A FORD está no Brasil há mais de CEM ANOS e nunca fechou mesmo com inflação de 80% ao mês, três moratorias cambiais, deficits federais monumentais, ficou porque havia DINHEIRO NA ECONOMIA, o que gera demanda, hoje temos INFLAÇÃO NA META e economia paralisada.

    • André, você virou troll?
      Que tipo de comentário mais besta esse seu.
      Você quer que o novo governo reverta o desastre do governo Dilma em apenas 1 mes e meio?
      É isso?
      Esse tipo de comentário joga no chão a sua credibilidade.
      Não faça mais isso.

  8. Indústria do Atraso e Parasitismo Estrangeiro inaugurado no Golpe Civil-Militar Fascista Esquerdopata Caudilhista de GV em 1930. A destruição das Indústrias genuinamente Brasileiras, para a implantação do atraso representado pela venda de Sucatas e Carroças vendidas a preços estratosféricos. E ainda com Bilionário Incentivos Fiscais. E os tais Socializantes e Progressistas vão combater oa Agropecuária Brasileira, dizendo ser ela a tomadora de incentivos e subsídios fiscais?!!! É Surreal !!! A pressão de sempre para sustentar Empresas Falidas. Vamos Nos livrar destes Parasitas !!!!!!!!!!!!!!!!

  9. mas a extinção do ministério do trabalho e a flexibilização das leis trabalhistas não criaria milhões de empregos ????

  10. Reforma da previdencia.
    Os mesmos que era contra no ano passado são a favor agora ,não todos ,mais uma boa coantia sim.
    Para fazer uma reforma justa primeiro tem que cobrar a divida das grandes empresas que devem milhões para previdencia.
    Depois desvincular as pessoas que nunca contribuiŕam com a previdencia.
    Quem nunca contribuiu tem que ser aposentado com dinheiro do tesouro nacional ,um salario minino .
    Previdencia é para os que contribuem e vão ganhar mais de um salario minimo.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome