A transmissão de jogos de futebol

Por Diego Martins Torres

Nassif,

Poderia fazer o favor de colocar em discussão o tema das transmissões de jogos de futebol pela TV.

Novo Modelo para o Direito de Transmissão de Jogos de Futebol.

Deveria haver dois processos: uma para os canais abertos e um para os canais pagos. Ambos seguiriam os mesmos moldes.

Todas as redes de TV disputariam, através de um único leilão, o direito de prioridade de escolha de jogos em todos os horários do Campeonato Brasileiro divididos em: 1ª escolha, 2ª escolha, 3ª escolha, etc. A rede de TV que conseguisse comprar a 1ª escolha seria a primeira a ter o direito de escolher o jogo que vai transmitir por região em um determinado horário. As outras redes não poderiam transmitir os mesmos jogos para as mesmas regiões. Como existem jogos simultâneos, estes outros jogos seriam liberados para a rede de TV que comprou a 2ª escolha, depois os jogos remanescentes seriam liberados para a rede que comprou a 3ª escolha e assim por diante até a última escolha, se existisse.

Esse modelo acaba com o direito de “não transmissão” que existe hoje, quando uma rede de TV, mesmo tendo os direitos de transmissão, prefere passar outros programas e impede que as outras emissoras transmitam os jogos.

A rede que optou por mostrar um determinado jogo para determinada região seria obrigada a transmitir o jogo por ela escolhida, não podendo repassar os direitos de transmissão. Caso não transmitisse ela perderia o direito de escolha da rodada seguinte.

Leia também:  Um clássico do boxe: Hearns vs Hagler

Exemplificando:

Supomos que após o leilão ficou estabelecido a seguinte ordem:

1ª Escolha – Rede A

2ª Escolha – Rede B

3ª Escolha – Rede C

4ª Escolha – Rede D

5ª Escolha – Rede E

A rodada hipotética tem os seguintes jogos:

1 – Corinthians x Grêmio 16:00

2 – Guarani x Flamengo 16:00

3 – Cruzeiro x Ceará 16:00

4 – Palmeiras x Fluminense 16:00

5 – Internacional x Avaí 19:30

6 – Atlético PR x Atlético MG 19:30

7 – Vitória x Vasco 19:30

O esquema seria o seguinte:

Como existem dois horários com jogos, 16h e 19h30minh, o processo de escolha é dividido para cada horário:

(16:00) Como a Rede A tem a prioridade de escolha, supomos que ela escolha transmitir para o Rio de Janeiro o Jogo 2 e para o resto do Brasil o Jogo 1.

Então sobraria:

1 – Corinthians x Grêmio 16:00 somente para o RJ

2 – Guarani x Flamengo 16:00 para todas as regiões exceto RJ

3 – Cruzeiro x Ceará 16:00 para toda as regiões

4 – Palmeiras x Fluminense 16:00 para toda as regiões

Supomos agora que a Rede B, sendo a segunda escolha, escolha transmitir o Jogo 1 para o Rio de Janeiro, o Jogo 2 para São Paulo e o Jogo 4 para o restante do Brasil.

Então sobraria:

1 – Corinthians x Grêmio 16:00 sem direitos

2 – Guarani x Flamengo 16:00 para todas as regiões exceto RJ e SP

3 – Cruzeiro x Ceará 16:00 para toda as regiões

4 – Palmeiras x Fluminense 16:00 somente para RJ e SP

Assim sucessivamente até acabarem os jogos ou acabarem as Redes, que disputaram o leilão, dispostas a transmitir.

O processo de escolha dos jogos se repete para o horário das 19h30min.

Leia também:  Sindicato dos Jornalistas de SP repudia ataque de Bolsonaro a jornalista

A idéia principal é retirar o direito de não-transmissão.

http://diegomtorres.wordpress.com/2010/04/08/novo-modelo-para-o-direito-de-transmissao-de-jogos-de-futebol/

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome